Serviço de streaming da Disney perdeu mais 4 milhões de assinantes no trimestre de Março

Serviço de streaming da Disney perdeu mais 4 milhões de assinantes no trimestre de Março

O serviço já havia perdido 2,4 milhões de assinantes em relação ao trimestre anterior.
#Entretenimento Publicado por coca, em

No segundo trimestre fiscal da empresa, o serviço de streaming da Disney registrou uma queda de 4 milhões de assinantes em relação ao trimestre anterior, no qual já havia perdido 2,4 milhões de assinantes.

Com isso, a empresa conta atualmente com um total de 231,3 milhões de assinaturas de streaming, incluindo Disney+, Disney+ Hotstar (que liderou as perdas), Hulu e ESPN+.

Leia Também:

  1. Expansão de Elden Ring pode não ser lançado antes de abril de 2024
  2. Lords Mobile dá as boas-vindas a Como Treinar o seu Dragão 3, da DreamWorks Animation

Disney+ e Disney+ Hotstar conquistaram agora um total combinado de 157,8 milhões de assinantes. A seguir está a divisão detalhada dessas assinaturas:

  1. Disney+: 104,9 milhões, 1% acima dos 104,3 milhões no final do primeiro trimestre;
  2. Disney+ Hotstar: 52,9 milhões, queda de 8% dos 57,5 ​​milhões no final do primeiro trimestre;
  3. Hulu: 48,2 milhões, acima de 48 milhões no final do primeiro trimestre;
  4. ESPN+: 25,3 milhões, 2% acima dos 24,9 milhões no final do primeiro trimestre.

Embora a maior parte da perda de assinantes tenha ocorrido no Disney+ Hotstar, principalmente devido à baixa receita na Índia e em outros países do Sudeste Asiático, o Disney+ principal também perdeu 300.000 assinantes nos Estados Unidos e no Canadá.

No entanto, excluindo o Disney+ Hotstar, o serviço registrou um crescimento de 2% internacionalmente. É importante mencionar que o Hotstar tem enfrentado dificuldades desde que a Disney perdeu os direitos de transmissão de críquete.

No segundo trimestre fiscal, o setor de negócio direto ao consumidor da Disney registrou uma perda de US$ 659 milhões, indicando uma melhoria em relação à perda de US$ 1 bilhão no trimestre anterior.

A empresa atribuiu essa melhoria ao desempenho do Disney+ e ESPN+, ambos os serviços recentemente aumentaram os preços das assinaturas. No entanto, o Hulu, que tem sido lucrativo há anos, enfrentou dificuldades, juntamente com o mercado de publicidade.

"Estamos satisfeitos com nossas realizações neste trimestre, incluindo o melhor desempenho financeiro de nosso negócio de streaming, que reflete as mudanças estratégicas que estamos fazendo em toda a empresa para realinhar a Disney para um crescimento sustentado e sucesso.

De filmes a televisão, esportes, notícias e nossos parques temáticos, continuamos a entregar aos consumidores, ao mesmo tempo em que estabelecemos uma abordagem mais eficiente, coordenada e simplificada para nossas operações", disse o CEO Bob Iger.

Fonte: Indiewire
coca
coca

Me segue lá no Twitter.

[email protected]

Equipe do Site, Narnia do oeste ao lado sul do norte meio oeste
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.
Publicações em Destaque
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por coca,
#Games, Por VSDias55,