Um dos maiores FPS de todos os tempos.
Publicado por coca, em .
Ao longo dos anos, muitos jogos de tiro em primeira pessoa vieram e se foram, mas CS 1.6 brilhou eternamente no mundo dos jogos. Desde o seu lançamento beta no verão de 1999, Counter-Strike conquistou os corações de milhões de fãs em todo o mundo. Não apenas sobreviveu a todos os seus concorrentes, mas também conseguiu se manter relevante no cenário dos esports, mesmo após 21 anos de seu lançamento.

Clique para ver a imagem em tamanho original

O renomado Half-Life foi desenvolvido pela Valve em 1998. Counter-Strike foi lançado pela primeira vez como um mod para o Half-Life em 19 de junho de 1999. Desde então, o jogo passou por inúmeras atualizações sendo adicionadas a ele com tempo, e a contagem de jogadores do jogo também continuou subindo simultaneamente. Logo, uma enorme cena de e-sports se desenvolveu em torno do jogo e a premiação em torno dos torneios do CS 1.6 disparou consequentemente.

Vale lembrar que CS 1.6 foi proibido no Brasil, e um dos motivos foi o mapa cs_rio.

Vídeo do YoutubeWVk5Z0NZR29yRnM=

Vídeo do YoutubeWUpfY0FVTF9VVUU=
Não se pode negar que o Counter-Strike foi pioneiro entre os videogames para levar os e-sports ao mundo convencional. Mais e mais começaram a ver os jogos como uma oportunidade de carreira viável, que ajudou a moldar o mundo dos esports para o que é hoje.


A clássica música do menu do CS 1.6:

Vídeo do YoutubeMGxEZlFUMHlpd2M=
Após o sucesso inovador do CS 1.6, a Valve lançou seu sucessor - Counter-Strike: Source. O Source também foi um sucesso notável, mas durou pouco, pois mais tarde foi ofuscado pela próxima versão, Counter-Strike: Global Offensive.
coca
coca
Tamo ai.
Administrador do Site, 90 anos, Narnia do oeste ao lado sul do norte meio oeste
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.