.
4

Análise do jogo "Demon's Souls" para PS3 escrito por Uol Jogos

Escrito por Uol Jogos, nota 4 de 5, enviado por Giordano Trabach,
Em um ano forte de lançamentos para o PlayStation 3, diversos gêneros foram contemplados e "Demon's Souls" agrada ao nicho específico de fãs de RPGs impiedosos. Considerado pelos produtores como sucessor espiritual da franquia "King's Field", que inovou nos início de vida do primeiro PlayStation ao oferecer um extenso mundo a explorar com perspectiva em primeira pessoa, o título apresenta amplos cenários para visitar, profunda mecânica e um uso refinado e criativo de elementos online. Ainda assim, todos esses elementos exigem dedicação intensa para serem devidamente aproveitados, uma vez que "Demon's Souls" é também um dos jogos mais difíceis dos últimos anos, desafiando o jogador o tempo todo e castigando severamente pelo mais simples dos descuidos. Capricho e frustraçãoAinda que seja uma produção oriental, em essência "Demon's Souls" não foge da premissa básica de outros RPGs ocidentais: você cria um herói do zero, definindo aparência, classe e distribuindo pontos em habilidades para depois se aventurar livremente por um conjunto de cenários. A temática é medieval e o universo criativo, povoado por diversas lendas e figuras místicas - muitos clichês, é verdade, mas executados de forma competente. A mecânica se assemelha a "King's Field" ou "Elder Scrolls IV: Oblivion", para citar um exemplo mais recente, focando em ação e exigindo habilidade para atacar de forma eficiente tendo em vista as limitações de habilidades do personagem. Os controles oferecem uma grande variedade de opções, com ataques de diferentes intensidades, esquiva, defesa, contra-ataques e afins e tudo é muito bem explorado pelo jogo. Além disso, dominar tudo é essencial para se dar bem e evitar boa parcela de frustração. "Demon's Souls" apresenta como elemento crucial para o avanço as almas, obtidas ao vencer inimigos e que servem tanto para comprar itens e equipamentos como evoluir seu guerreiro. Contudo, quando se morre em um dos calabouços você é obrigado a reiniciar o trajeto nele, perdendo todas as almas conseguidas. Há uma maneira de reaver todas, que é voltar ao ponto em que morreu e reclamar de volta sua alma antiga, que traz consigo todas as almas reunidas até então. Porém, caso morra novamente antes de reaver seu espírito as almas são todas perdidas para sempre. Por conta disso, não é raro ter de retroceder longos caminhos pelas fases a fim de investir as almas conseguidas ou então perder o trabalho de muito tempo por ousar avançar uma ou duas salas a mais no cenário. Para piorar, os calabouços são extensos e repletos de armadilhas, como inimigos que surgem de pontos inesperados, buracos, pedras enormes, chefes desafiadores e muito mais. Aí entra em ação um dos aspectos do elegante sistema online de "Demon's Souls". Jogadores podem deixar pelo caminho recados, avisando sobre perigos e emboscadas. Ao iniciar o game com o console conectado à internet, o jogo se comunica com os servidores, resgatando algumas das mensagens deixadas. Caso você leia alguma e a ache útil, pode dar uma nota. Por sua vez, quanto melhor a nota, mais energia ganha o jogador que deixou essa mensagem. Ou seja, o jogo incita a criar esses lembretes ao propiciar vantagens para quem escreve e aquele que lê. Mais adiante na aventura é habilitada uma interação mais direta nas formas de cooperação e competição. Boa parte da aventura transcorre com o jogador como uma alma penada. Todavia, ao vencer um chefe ele ganha a vida de volta, o que traz atributos melhores. Uma vez em vida, o herói pode receber a ajuda de até outras duas pessoas que ainda sejam almas. Caso consigam vencer o calabouço em questão, as almas revivem e todos ganham mais almas do que normal. Em contrapartida, uma alma penada pode também assumir o papel de vilão e invadir a partida de alguém vivo como um fantasma negro. Nessa forma, o vilão espreita o cenário até encontrar com o herói vivo. Caso vença, ganha o direito à vida novamente - mas se perder tem boa parte de suas almas transferidas para o vencedor. Infelizmente não há opção de chat por voz, mas a justificativa se encaixa no contexto da aventura - na qual seres vivos interagem com almas de outros planos físicos - e o que poderia ser uma deficiência acaba de certa maneira virando mais um elemento de imersão, aliado aos lindos gráficos e boas animações. [t2]Considerações[/t2] "Demon's Souls" é uma arrojada produção que vem para enriquecer bastante a biblioteca de pocuos títulos exclusivos do PlayStation 3. Entretanto, sua dificuldade é tão alta e impiedosa que pode frustrar muitos e impedir de aproveitar fases posteriores ou mesmo os elementos online antes de eles serem habilitados.
Fonte: Uol Jogos
Giordano Trabach
Enviado por Giordano Trabach
Membro desde
23 anos, Espírito Santo
label