.
9.9

Análise do jogo "Devil May Cry" para PS2 escrito por GameVicio

Escrito por GameVicio, nota 9.9 de 10, enviado por Czarna Msza 666,
[b][i]Um game que deveria ser o Resident Evil 4, fugiu totalmente do foco da série, então a Capcom decidiu montar uma nova franquia, e a escolha foi ótima. A trama de ficção científica de RE foi substituída por uma maravilhosa história de horror gótico que poderia muito bem ser uma versão 3D de Castlevania.[/i][/b] [title]A Trama[/title] No game, o personagem principal se chama Dante, ele é o filho de um poderoso demônio chamado Sparda, que há milênios liderou uma guerra no inferno, e uma humana. Quando pequeno, Dante perde os pais e, desde então, dedica sua vida a caçar demônios na sua agência chamada Devil May Cry (O diabo pode chorar). Uma noite, recebe a visita de uma mulher misteriosa que pede os seus serviços, então os dois partem para uma caçada. [title]Demônios, Espadas, Pistolas, Saltos, Combos...[/title] DMC é um jogo que mistura ação com survival horror (horror e sobrevivência), além de ter algumas características de jogos de luta. O jogo possui vários quebra-cabeças e cenas de exploração, mas nenhum destes são complexos demais e nem quebram muito o ritmo da aventura. O destaque do jogo está nos combates, diferentes de Resident Evil que tinha combates limitados e pouca munição. Dante possui munição infinita, uma longa barra de energia e um complexo sistema de combos, além de poder realizar saltos bem altos. Os combates corpo-a-corpo contam com espadas e lanças que permitem realizar diversos ataques e ótimos combos, dos quais podem participar os tiros e os saltos. ?? nesse caso, que o jogo se distancia totalmente de RE, este conta com muita ação, digna de jogos como o já citado Castlevania, só que em 3D e com golpes muito mais "irados". Sem dúvidas, uma ótima jogabilidade, muito inovadora. [title]Personagens[/title] Mais um ponto que se destaca. Os personagens possuem suas próprias características como: suas habilidades próprias, modo de falar, vestuário, porte físico e muito mais. Todos se encaixam muito bem na trama dando os efeitos mais agradáveis possíveis. [title]Gráficos[/title] Sem dúvidas um dos jogos mais bonitos do Playstation 2, cenários detalhados e texturas definidas. A direção de arte é invejável, um castelo que mistura tons góticos, orientais, antigos e modernos (Ao estilo de Castlevania, por exemplo), um coliseu maravilhosamente projeatado e uma "versão" do inferno, em formato de [i]"uma caverna viva"[/i] garante encher os olhos de quem jogar este game. Os personagens, mesmo os inimigos mais simples, foram feitos com maestria, suas características físicas ficaram perfeitas, assim como as suas roupas e acessórios em geral. Os personagens se movimentam muito bem. Os efeitos de fogo e fumaça são bem feitos e ainda conta com um belíssimo efeito de distorção, ao utilizar a espada, o que indica a velocidade da ação do jogo. [title]Áudio[/title] Não fica nada atrás dos gráficos e do gameplay. ??timas dublagens, especialmente de Dante que mistura espressão de raiva e sabedoria com falas debochadas, dignas de um Rockstar. E por falar em Rockstar, as lutas são embaladas por ótimo Heavy Metal industrial, garantindo a adrenalina. Os efeitos sonoros de tiros, espadadas e impactos em geral, também beiram a perfeição. [title]Conclusão[/title] Esta mistura de Resident Evil e Castlevania não poderia ter sido melhor, ótimos gráficos, ótimos sons, ótimo gameplay e um ótimo enredo garantem muita diversão. Devil May Cry inspirou muitos jogos como God of War e Ghost Rider, mas com excessão do primeiro, nenhum chegou aos seus pés. Enfim, um grande clássico, obrigatório para todos os fãs de ação e horror.
Fonte: GameVicio
Czarna Msza 666
Enviado por Czarna Msza 666
Membro desde
23 anos, Porto Feliz - SP
label