.
8.5

Análise do jogo "Dance Central 3" para X360 escrito por GameTV

Escrito por GameTV, nota 8.5 de 10, enviado por JoaoManoel15,
[img]hide:aHR0cDovL3d3dy5wbGF5dHYuY29tLmJyL3BsYXl0dm1uZ3IvY2tlZGl0b3IvY2tmaW5kZXIvdXNlcmZpbGVzL2ltYWdlcy9EQzNfaW50LmpwZw==[/img] Na minha cabeça, Dance Central está para aquele filme Step Up, assim como o concorrente Just Dance está para High School Musical. Para ambos, a diversão é o mais importante, mas DC 3 envolve um pouco mais de aprendizado por conta do Kinect que faz questão de registrar todos os movimentos dos jogadores e brinda os jogadores com uma experiência mais realista que a de seu rival. Isso combinado com detalhes que vão das roupas ao estilo dos cenários, fazem o título um dos grandes do gênero. Em DC 3 não há gente de colant rosa choque e boné verde limão fluorescente dançando aleatoriamente. A ideia do game é aprender a dançar, e por isso a curva de aprendizagem se encarrega de exigir do jogador uma boa coordenação motora para que ele possa avançar de um nível iniciante para um expert. E realmente a frase "começar do começo" não parece tão redundante quando falamos da franquia. Dance Central exige do jogador que faça repetidamente os passos que aparecem na tela, enquanto o Kinect analisa a posição dos membros superiores e inferiores do corpo do jogador/dançarino. O game dá uma uma colher de chá para gordinhos e idosos pontuando também o seu esforço, por exemplo, se em um momento você não conseguir agachar até o chão, mas dobrar a perna, o game também dará pontos por isso. O terceiro game da Harmonix traz de volta todo o hype das pistas com uma sequência de músicas que atravessa gerações. E o motivo para essa seleção ser tão ampla é um novo modo história. Certamente, depois de Dance Central 2 com a adição outros modos de jogos e o reconhecimento de até dois jogadores simultâneaos, a Harmonix precisava dar uma guinada no título e criar algo novo que chamasse a atenção dos "dançarinos de fim de semana". [img]hide:aHR0cDovL3d3dy5wbGF5dHYuY29tLmJyL3BsYXl0dm1uZ3IvY2tlZGl0b3IvY2tmaW5kZXIvdXNlcmZpbGVzL2ltYWdlcy9EQzNfaW50My5qcGc=[/img] A história de Dance Central 3 é bobinha e um grande pretexto para faze-lo dançar. Você é contratado para fazer parte do DCI, um agência secreta do governo que investiga crimes de dança. E o seu trabalho como agente é viajar pelo tempo e acabar com os planos diabólicos de um vilão que ameaça acabar com a arte de dançar. Diferente de seus antecessores, Dance Central 3 tenta expandir o público não se focando apenas em músicas modernas, mas sim em 40 canções que vão da década de 1970 até a atualidade. Mas não pense em ir direto para este modo e abandonar os outros porque para que a história aconteça, você tem que conseguir um número suficiente de pontos em cada fase, o que é desafiador. Para livrar o mundo dos criminosos dançarinos, é necessário treinar bem as coreografias. Para ajuda-lo com isso estão de volta os mesmos modos de jogo de Dance Central 2. Além de dançar sozinho e treinar cada passo, é possível divertir-se com os amigos em desafios, em conjunto ou batalhando. Existem ainda outras características do game que são bacanas, a começar com a tradução e dublagem para o português e com o fato de que é possível dançar coreografias de músicas inteiras e não apenas parcialmente (basta escolher nas opções). Outro elemento interessante é calcular seu gasto calórico, bastando registrar sua altura e peso no sistema. [img]hide:aHR0cDovL3d3dy5wbGF5dHYuY29tLmJyL3BsYXl0dm1uZ3IvY2tlZGl0b3IvY2tmaW5kZXIvdXNlcmZpbGVzL2ltYWdlcy9BbmFsaXNlX0RhbmNlQ2VudHJhbDJfMS5qcGc=[/img] Se você possui os jogos anteriores poderá migrar todas as músicas para Dance Central 3 e aumentar ainda mais a gama de coreografias e canções, só que a migração tem seu preço, são 400 Microsoft Points por game e é preciso ter os códigos dos jogos em mãos (um papel que vem dentro da caixa). E para terminar, se você tiver um telefone com o Windows Mobile instalado ainda pode usar a tecnologia Xbox Smartglass para transforma-lo em um controle remoto e escolher as músicas no Party Mode. Dance Central 3 acrescenta uma nova gama de opções e um outro modo de desafio, mas no geral mantem as mesmas mecânicas que fizeram da série um sucesso. Quem curte dançar na frente do Kinect sabe que o grande prêmio de jogos do gênero é saber que o seu treino e esforço o está fazendo evoluir. O exercício traz bem estar, exatamente como um dançarino de verdade. [img]hide:aHR0cDovL2ltZzIxMS5pbWFnZXNoYWNrLnVzL2ltZzIxMS8zNzg1L2FuYWxpc2VkYW5jZWNlbnRyYWwzLnBuZw==[/img]
Fonte: GameTV
JoaoManoel15
Enviado por JoaoManoel15
Membro desde
21 anos, São Paulo, Brasil
label