.
7.6

Análise do jogo "FIFA Soccer 08" para PC escrito por Tecmundo Games

Escrito por Tecmundo Games, nota 7.6 de 100, enviado por Giordano Trabach,
O árbitro apita e dá início a uma nova temporada da série FIFA. O décimo oitavo título da franquia FIFA apresenta muitas melhorias e uma grande decepção. Ainda nos idos de 1993, as plataformas de jogo, então dominantes, SNES e Mega Drive, receberam em seus ???poderosos??? processadores de 16 bits, o jogo inaugural do que acabaria se tornando na linha de títulos esportivos mais vendidos de todos os tempos, com mais de 65 milhões de unidades. Ao longo destes quatorze anos de sucesso, a franquia segue evoluindo ano após ano, alcançando seu ápice nos revolucionários consoles da Sony, o Playstation 1 e 2. A partir da primeira versão do jogo lançada no PS1, FIFA 97, a franquia passou a trabalhar com gráficos tridimensionais e assumiu um aspecto mais ???sério??? que prezava a simulação, deixando de lado seu antigo estilo arcade. Agora a série dá mais um salto, incrementando seu aspecto técnico, aperfeiçoando a inteligência artificial (que atribui um comportamento mais realístico aos jogadores), a física e modos de jogo, além de remodelar a sua estética, ao mesmo tempo em que traz de volta alguns aspectos populares na série. Infelizmente a versão para PC não trouxe muitas destas inovações, em especial aquelas relacionadas aos gráficos do jogo. Aparentemente a edição para computadores de uma dos melhores simuladores de futebol foi deixada de lado pelos desenvolvedores, sendo que o título mais parece um port (versão adaptada do jogo) do PS2. [t1]Encarando a marcação[/t1] A grande novidade desta versão de FIFA é o novo modo de jogo Be a Pro. Neste, ao invés de comandar o jogador mais próximo da bola, o usuário comanda apenas um craque, assumindo a sua posição no campo e respeitando a sua função tática na equipe. Agora, você poderá escolher o seu time do coração e encarnar o seu jogador favorito, controlando-o durante toda a partida. Além disso, você também assume a faixa de capitão do time, coordenando a equipe dentro de campo, gritando com seus companheiros, para que eles assumam posições táticas, realizarem passes, pressionem o adversário, chutem a gol e assim por diante. Diferentemente das versões para Xbox 360 e PS3, esse modo de jogo não se utiliza de uma câmera diferente. No PC a visão com perspectiva focada no seu jogador é abandonada, uma grande falha da equipe de desenvolvimento, já que a câmera ???Pro??? é simplesmente fantástica, acrescentado muita emoção ao jogo. Tem que chegar mostrando as travas da chuteira!A ?? difícil acostumar-se com o modo a princípio. Dar ordens para seus colegas e manter o posicionamento correto em campo não é tarefa fácil. Entretanto, com o tempo, as ordens começam a tornar-se muito mais intuitivas e os ???atalhos??? do campo logo são revelados ao jogador. O principal ponto a ser respeitado é o seu posicionamento, assim você irá somar pontos que irão ditar o seu desempenho final na partida (apresentando uma tabela com estatística, como bolas roubadas, passes certos, finalizações a gol, etc.). Assim sendo, se você é um zagueiro procure manter-se próximo à grande área, se for atacante não adianta ficar correndo pelo campo inteiro. [t1]Marcação por zona[/t1] Além do modo Be a Pro você também encontra o modo de jogo Zone Play. Seguindo a mesma idéia de Be a Pro, este modo diferencia-se apenas pelo fato de que o jogador deve comandar um setor inteiro do campo, ou melhor, os jogadores de determinada posição, por exemplo: ao escolher o ataque você comanda somente os jogadores da ofensiva (dependendo do esquema tático escolhido poderão ser vários titulares ou apenas um. A inserção de ambos estes modos de jogo, Be a Pro e Zone Play, acrescentam muito ao estilo de simulação, tanto no primeiro como no segundo, o foco está no desempenho da equipe, mesmo controlando apenas um jogador você terá a sensação direta de que a sua atuação está atrelada ao desempenho do seu time, algo que acaba se perdendo quando você controla apenas o homem de posse da bola. Infelizmente tais sistemas de jogo dependem muito de uma IA (inteligência Artificial) muito desenvolvida, algo que mesmo com as melhorias do sistema ainda ficam muito aquém do esperado. [t1]Pimba na gorduchinha[/t1] A EA conseguiu colocar uma série de campeonatos e torneios diferentes, oferecendo uma quantidade considerável de clubes, jogadores e estádios e o melhor é que todo este conteúdo é licenciado oficialmente, portanto todos os nomes das equipes e jogadores estão corretos, bem como as reproduções dos estádios presentes no jogo. Bate com carinho. Entre as várias competições vale destacar as grandes ligas européias, como a espanhola, italiana e inglesa, entre outras. Também está presentes no jogo o campeonato brasileiro com uma quantidade de razoável de equipes, além de uma série de seleções internacionais. Para saber mais confira a guia ???extras ??? e veja a listagem completa das ligas, seleções e estádios presentes no título. [t1]Olho no lance![/t1] A grande decepção de FIFA 08 fica por conta de seus gráficos ultrapassados. A versão para PC utilize a mesma engine da geração passada, o que acaba gerando uma apresentação mal acabada e de baixa qualidade. Apesar das versões para os consoles de sétima geração terem passado por uma remodelação visual, o PC ??? sem qualquer motivo aparente ??? acabou ficando de lado. Os jogadores são pequenos e com poucos detalhes, as animações apesar de apresentarem alguma qualidade são poucas e não trazem grande variedade. A velocidade de jogo também fica prejudicada e mesmo com algum detalhamento na construção dos estádios, as linhas laterais e os espectadores acabam ficando com um aspecto chapado, bidimensional. Mas o que o jogo deixa a desejar no aspecto visual compensa na composição sonora. Com uma trilha diversificada (incluindo artistas brasileiros), efeitos sonoros realistas e narração em português o jogo acaba destacando-se com uma apresentação de qualidade. As narrações trazem uma quantidade razoável de frases, que se adaptam muito bem aos lances do jogo e a presença de vozes brasileiras, acrescentam um toque especial ao título. [t1]Vocês vão ter que me engolir![/t1] No final dos noventa minutos, FIFA 08 é mais uma excelente adição a uma das maiores franquias do gênero. Mesmo com alguns problemas (a maioria relacionado à parte gráfica) o jogo consegue oferecer uma jogabilidade atraente e com algumas inovações. Os novos modos de jogo deixam o jogo mais dinâmico reforçando o aspecto tático do jogo. A grande critica fica por parte da falta de qualidade gráfica, que prejudica não só a estética do jogo, como também influencia diretamente na jogabilidade (principalmente no modo Be a Pro). [t2]Prós:[/t2] A trilha sonora eclética mistura vários artistas e gêneros musicais criando um clima interessante e nada enfadonho, na mesma linha estão os comentários e narrações (em português) variadas e condizentes ao ambiente de jogo. A enorme quantidade de competições estádios, equipes e jogadores oficiais oferecem muitas horas de jogo e um alto nível de legitimidade ao título, já que todos são licenciados oficialmente. [t2]Contras:[/t2] A grande decepção fica por conta dos gráficos insossos que mais parecem da geração passada. O sistema de controle apesar de relativamente simples exige algum tempo para que o jogador se acostume com os comandos.
Fonte: Tecmundo Games
Giordano Trabach
Enviado por Giordano Trabach
Membro desde
23 anos, Espírito Santo
label