Activision Blizzard não incluirá seus jogos em nenhum serviço de assinatura se o acordo com a Microsoft não for concluído

Activision Blizzard não incluirá seus jogos em nenhum serviço de assinatura se o acordo com a Microsoft não for concluído

A empresa acredita que colocar seus jogos no Game Pass ou PlayStation Plus "diluiria a marca e canibalizaria as vendas".
#Games Publicado por coca, em

E a novela da compra da Activision Blizzard pela Microsoft continua a todo o vapor, e recentemente tivemos um novo documento revelando inúmeras novas informações.

E parece que a situação envolvendo os jogos da Activision Blizzard são realmente sérios, pois de acordo com a empresa, ela não vai adicionar seus jogos em nenhum serviço de assinatura se o acordo com a Microsoft não for concluído. Sendo assim, talvez nunca veremos os jogos no Xbox Game Pass ou PlayStation Plus.

Leia Também:

  1. Project: The Perceiver, novo jogo de fantasia chinesa com combate semelhante ao Sekiro, recebe 1 hora de gameplay
  2. Antonio Banderas deseja que o ator Tom Holland seja o novo Zorro

Tal informação foi encontrada no recente documento, e foi compartilhado pelo Derek Strickland do Tweaktown. Segundo os detalhes apresentados, a empresa simplesmente não está interessada nessa forma de distribuição de seus produtos.

Um tempo atrás, a Activision assinou um grande contrato de marketing e licenciamento com a Sony, que oferecia conteúdo exclusivo para o PlayStation. Parte desse contrato estipulava que a Activision não poderia lançar Call of Duty no Game Pass.

De acordo com declarações recentes da Microsoft ao CMA, a Activision não tinha planos de lançar Call of Duty (ou qualquer um de seus grandes jogos) para o Game Pass de qualquer maneira.

IMAGEaHR0cHM6Ly9zdGF0aWMuZ2FtZXZpY2lvLmNvbS9pbWFnZW5zX3VwL2JpZy84My8wODIyMDcuanBn

Veja a informação do documento:

"A Activision nunca publicou nenhum conteúdo mais recente em serviços de assinatura de vários jogos e não tem intenção de fazê-lo no futuro[...]. Sem a fusão, o conteúdo da Activision não estaria disponível em serviços de assinatura. A Incorporação não poderá, portanto, agravar as condições de concorrência, em hipótese alguma.

A Activision não disponibiliza seus jogos (incluindo Call of Duty) em nenhum sentido significativo para nenhum serviço de assinatura, nem há qualquer evidência de que isso provavelmente mudará no futuro próximo. Os documentos internos de negócios da Activision, bem como o testemunho juramentado de seus executivos, deixaram claro que não há planos para fazê-lo no futuro, ausente da incorporação.

A Activision está preocupada que a participação em serviços de assinatura possa impactar seu (REMOVIDO) e levar à diluição da marca e à canibalização das vendas dos jogos (especialmente de novos lançamentos).

Isso reflete a visão da Activision de que, mesmo que o modelo de negócios de assinatura cresça, o (REMOVIDO). Isso tem sido um impedimento fundamental para os editores concordarem em colocar seu conteúdo em serviços de assinatura, uma postura que não mudará no futuro."

Em geral, o jogo mais prejudicado seria o próprio Call of Duty, que depende das vendas padrão e das compras no aplicativo por meio de microtransações.

Fonte: Tweaktown
coca
coca

Me segue lá no Twitter.

Equipe do Site, Narnia do oeste ao lado sul do norte meio oeste
Publicações em Destaque