Google Stadia também ganhou espaço durante a audiência de tribunal de Epic vs. Apple

Google Stadia também ganhou espaço durante a audiência de tribunal de Epic vs. Apple

Tim Sweeney deu sua opinião sobre o lançamento e performance da plataforma em nuvem
#Games Publicado por Billy Butcher, em

O tribunal que coloca Apple vs. Epic Games cara-a-cara vem chamando a atenção de toda a indústria de videogames, e o caso ainda parece estar longe de terminar.

O alvo da vez foi a Google, mas não especificamente o Android e sua Play Store, que também removeram o Fortnite após as "afrontas" da Epic Games e de seu CEO, Tim Sweeney, quanto a política dos 30%.

Nessa questão em específico, foi descoberto que em 2019, a Google propôs um acordo de 88%/12% na Play Store, mas que seria somente e especificamente para o Fortnite e a Epic Games. Chocando o público, revelou-se também que a Epic negou com o acordo, pois quer que todos tenham acesso a receita de 88%, e não apenas a Epic.

Se tratando do mundo hardcore de videogames, nós sabemos da existência da plataforma Stadia, um concorrente ao Xbox Cloud Gaming, PlayStation Now, Amazon Luna e GeForce Now. Durante o debate no júri, foi perguntado a respeito da plataforma.

Conforme divulgado por Adi Robertson e Tom Warren, durante a sessão do tribunal (na teoria tal informação seria confidencial, mas acabou vazando), foi perguntado se eles sabiam se o Google Stadia ainda existia e seu impacto na questão do Fortnite e iOS.

A resposta de Tim Sweeney, CEO da Epic Games (conforme coletado pela The Verge), foi de que a plataforma teve uma grande expectativa pelo lançamento, mas que após chegar ao mercado, rapidamente foi abandonada e "deixada para trás."

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro