Batalha judicial da Epic Games contra Apple começou com a audiência berrando Libertem Fortnite

Batalha judicial da Epic Games contra Apple começou com a audiência berrando "Libertem Fortnite"

O caos durou quase 20 minutos durante o julgamento da Epic Games vs. Apple antes do tribunal silenciar a linha
#Games Publicado por Frocharocha, em

O espirito da quinta-série permeia nos homens de todas as idades; A presença de publico durante o julgamento da Epic Games contra a Apple teve que ser encerrado por falta de conduta, depois que por vinte minutos após o inicio da sessão, centenas de pessoas atrapalharam o julgamento com gritos; Os profissionais presentes descreveram a situação como "Um caos total, parecem um bando de crianças."

Conforme o julgamento da Epic Games vs. Apple estava em andamento, o processo se transformou em um caos- pessoas erntravam na sala publicar gritando para o juiz trazer o Fortnite de volta aos dispositivos móveis. Isso continuou por quase 20 minutos antes de o tribunal decidir silenciar a linha.

De acordo com o The Verge, mais de 200 participantes discaram na linha pública. Enquanto o tribunal ajeitava a sessão, pessoas aleatórias que entravam como parte do publico berravam sem parar coisas como " Libertem Fortnite" e "tragam Fortnite de volta celular, por favor sr juiz", Havia até pessoas promovendo seus canais no YouTube e falando asneiras diretamente com pessoas chave do julgamento.

O tribunal tentou silenciar diversas pessoas em várias ocasiões, mas falhou porque pessoas continuavam entrando na sala. Cerca de 15 minutos depois, a ordem foi de encerrar a presença de publico para que o CEO da Epic Games, Tim Sweeney, pudesse fazer seu caso contra a Apple.

O julgamento também sofreu várias quedas de áudio no meio do processo.

A Epic Games alega que a App Store da Apple cria um monopólio e quer que a empresa ajuste suas políticas para todos. A Apple discorda, dizendo que os lucros da App Store são uma grande parte da receita da empresa.

Fonte: Gamespot
Frocharocha
Frocharocha
Colaborador do Site, São Paulo
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.