Activision Blizzard revela que Call of Duty: Black Ops Cold War já superou as vendas de Modern Warfare 2019

Activision Blizzard revela que Call of Duty: Black Ops Cold War já superou as vendas de Modern Warfare 2019

Um grande aumento também foi registrado ao Call of Duty: Warzone e Call of Duty: Mobile
#Games Publicado por Billy Butcher, em

Em 2019 a série Call of Duty bateu um grande marco, com o novo capítulo da Infinity Ward, Call of Duty: Modern Warfare, um reboot da sub-série original criada em 2007 no Xbox 360, vendendo mais de 30 milhões de unidades.

Apesar de originalmente programado para vender menos, o Call of Duty de 2020, Black Ops Cold War, que viu o retorno dos amados protagonistas Alex Mason e Frank Woods no cenário da Guerra Fria, que é o panorama original da sub-série Black Ops, conseguiu quebrar esse recorde.

De acordo com Robert Kostich, Presidente da Activision Publishing, o título teve um altíssimo pico por ter sido um título de lançamento dos Xbox Series X|S e PS5, vendendo 6 milhões de cópias em menos de uma semana no mercado.

Segundo Kostich, o fator de integração com o Call of Duty: Warzone foi vital para o sucesso do título, e ter trazido os protagonistas queridos pela comunidade de Black Ops, somados a um sólido componente Multiplayer, fizeram seu check-in para o sucesso.

Como você deve se lembrar, Black Ops Cold War originalmente não seria um jogo de 'Black Ops', nem mesmo trazendo Alex ou Frank; Ele estava sendo feito pela Sledgehammer Games e Raven Software, mas depois de uma briga interna entre os 2 estúdios, as coisas mudaram.

A Raven Software assumiu o Modo Campanha (com a Sledgehammer dando co-desenvolvimento), enquanto a Treyarch foi chamada para cuidar do Multiplayer e Zombies, por isso o jogo foi rebatizado como Black Ops Cold War. Mais recentemente também o título ganhou sua Season 3, no qual trouxe a Verdansk '84 para o COD: Warzone.

YVRTOW5fbTdUVzA=

Falando deste último, a grande editora de videogames disse que Call of Duty: Warzone, o modo de Battle-Royale para Call of Duty: Modern Warfare, e Call of Duty: Mobile, impulsionou a demanda no trimestre. Um ano atrás, quando Call of Duty: Warzone foi lançado em 11 de março, os EUA estavam entrando em seu primeiro bloqueio pandêmico.

Bobby Kotick, CEO da Activision Blizzard, disse que Warzone atingiu 100 milhões de jogadores ativos, e sua Season 3 recém-lançada está forte. Com 500 milhões de downloads, Call of Duty: Mobile também trouxe dezenas de milhões de novos jogadores para a franquia.

No geral a franquia está muito sólida. Call of Duty 2021, a nova entrada da série, está sendo feita pela Sledgehammer Games, com data para chegada em Fall 2021, ou seja, virá ao mercado no mesmo período de lançamento do Halo Infinite e do novo Battlefield.

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro