.

Universo dos Games: Espionagem

Enviado por TelaBrancaDoAkuma, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original


"A espionagem segundo Sun Tzu, em A Arte da Guerra, é um ato só permitido entre beligerantes, nações, grupos guerrilheiros em guerra e/ou guerrilha, e consiste na prática de obter informações de caráter sigiloso relativas a governos ou organizações, sem a autorização desses, para obter certa vantagem militar, política, econômica, científica, tecnológica e/ou social."
Antes de começar esse Artigo, a primeira coisa que me veio na cabeça foi justamente Sun Tzu e seu clássico "A Arte da Guerra". Imagine minha surpresa ao pesquisar sobre o tema e a primeira frase que leio é justamente essa? Certa vez eu li uma frase que dizia: "A informação errada é mais perigosa do que a total falta de informação".


Clique para ver a imagem em tamanho original


E é justamente com esse pensamento que quero abordar a espionagem nos jogos. As vezes não paramos pra pensar, mas se repararmos, todo jogo aborda a "conquista de informações" ao seu próprio modo, seja por meio de quests onde você tem que ir atrás do seu objetivo em qualquer RPG, ou invadindo a base inimiga sem ninguém perceber, carregando em suas mãos a coisa mais valiosa do mundo atual: Informações. Ou você acha que a principal riqueza do Facebook é seu algoritmo ultra complexo? Ele sabe tudo de você, o que você faz e quando faz é a verdadeira moeda deles, e se transpormos esse fato para uma Guerra isso acaba atingindo outro patamar, podendo literalmente decidir o futuro do mundo.
Então equipe seu binóculo de visão noturna, e dê um zoom nesse texto a seguir, e ao contrário do que pregarei aqui, pode espalhar para todos isso aqui viu?

Origem e História do Termo



Clique para ver a imagem em tamanho original


A palavra "espionagem" vem da palavra francesa espionner, que significa "espionar", e do italiano clássico spione. A palavra spy é originária de várias palavras antigas significando "olhar e observar", como no latim specere ou no anglo-normando espier. A prática manifesta-se geralmente como parte de um esforço organizado com fins de se obter informação ou vantagem tática sobre o rival. O Agente de espionagem é chamado de "Espião". Um espião é um agente empregado para obter tais segredos. A definição vem sendo restringida a um Estado que espia inimigos potenciais ou reais, primeiramente para finalidades militares, mas ela abrange também a espionagem envolvendo empresas, inimigas entre si concorrentes e em "guerrilha"; em (conhecida como espionagem industrial) e pessoas físicas, através de contratação de detetives particulares, sempre quem espionagem existe um litígio. A atividade conta com aparelhos de espionagem específicos, como câmeras escondidas, grampos telefônicos e muitas outras.
Muitos serviços de Inteligência de Estado usa a palavra "espionagem" no seu nome ou para descrever sua atividade de colheita de informações ou inteligência, embora todos declarem fazer contraespionagem. Muitas nações espiam rotineiramente seus inimigos, mas também seus aliados, embora sempre o neguem. A duplicidade que envolve a utilização do termo espionagem deve-se ao facto de essa atividade ser frequentemente ditada por objetivos secretos e interesses inconfessáveis publicamente, enquanto que nos rivais ou inimigos ela é sempre denunciada e condenada.
Há incidentes envolvendo espionagem bem documentados ao longo de toda a História. A Arte da Guerra, escrito por Sun Tzu contém informações sobre técnicas de dissimulação e subversão. Os antigos egípcios possuíam um sistema completamente desenvolvido para a aquisição de informações, e os hebreus também o usaram.

Espionagem Cibernética



Clique para ver a imagem em tamanho original


Ao mesmo tempo em que a expansão da rede representa avanço na rapidez e disponibilidade das comunicações, também resulta em vulnerabilidades. As novas condições propiciadas pelo "mundo em rede" expõem informações sensíveis – privadas e públicas – a operações de espionagem cibernética conduzidas tanto por empresas concorrentes quanto por governos estrangeiros. Operações cibernéticas realizadas por governos ou empresas estrangeiras contra interesses de um estado buscam não apenas acessar dados existentes em sistemas e bancos de dados públicos e privados nacionais. Também almejam impedir o adequado funcionamento da infraestrutura de comunicação nacional ou, até mesmo, adulterar e destruir ativos de informação do país, o que constitui sabotagem.
Recentemente, tivemos um dos casos mais famosos do mundo envolvendo espionagem cibernética: O Caso Snowden
Edward Joseph Snowden é um analista de sistemas, ex-administrador de sistemas da CIA e ex-contratado da NSA que tornou públicos detalhes de vários programas que constituem o sistema de vigilância global da NSA americana. A revelação deu-se através dos jornais The Guardian e The Washington Post, dando detalhes da Vigilância Global de comunicações e tráfego de informações executada através de vários programas, entre eles o programa de vigilância PRISM dos Estados Unidos. Em reação às revelações, o Governo dos Estados Unidos acusou-o de roubo de propriedade do governo, comunicação não autorizada de informações de defesa nacional e comunicação intencional de informações classificadas como de inteligência para pessoa não autorizada.


Clique para ver a imagem em tamanho original


Do Hawaí, onde trabalhou na Booz Allen Hamilton e antes de revelar documentos secretos aos jornalistas, Snowden viajou para Hong Kong em 20 de maio de 2013. As autoridades norte-americanas ao tomar conhecimento de sua presença em Hong Kong, solicitaram sem sucesso sua extradição.
Em Hong Kong, ele então se reuniu com o jornalista Glenn Greenwald e a cineasta e jornalista Laura Poitras e lhes entregou os documentos que comprovavam as suas afirmações da existência dos programas de Vigilância em massa.
Em 22 de junho de 2013, as autoridades federais dos Estados Unidos apresentaram acusações formais contra o ex-agente da CIA pelo vazamento de dados secretos do governo que revelaram detalhes do projeto de monitoramento global, denominado PRISM, que monitorou as conversas telefônicas e transmissões na Internet de cidadãos dos EUA e de outros países. De acordo com a declaração de funcionários americanos à imprensa local, Snowden também foi acusado de espionagem, roubo e transferência de propriedade do governo em um documento confidencial, apresentado em um tribunal federal da Virgínia.
No dia 31 de outubro, o secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, admitiu que o país "foi longe demais" em alguns casos de espionagem, mas justificou as práticas de Inteligência e coleta de informações como parte da luta contra o terrorismo e a prevenção de atentados. Robert James Woolsey Jr., diretor da CIA em 1995, declarou: "Eu acho que dando-lhe anistia é idiota. ... Ele deve ser processado por traição. Se condenado por um júri ..., ele deve ser enforcado pelo pescoço até que ele esteja morto". Em uma entrevista à CNN, Woolsey disse que "o sangue de muitos desses jovens franceses está nas mãos dele."

Espionagem nos Games


Felizmente, esse é um tema constantemente abordado nos jogos. Eu irei citar os principais jogos que usam da temática como plano de fundo principal. Então a lista irá conter jogos com foco em stealth, e de ação com elementos de espionagem:

Splinter Cell



Clique para ver a imagem em tamanho original


Em Splinter Cell controlamos Sam Fisher, um agente especial que trabalha para a Third Echelon, uma divisão secreta da NSA (já citamos ela anteriormente lembram?) que presta serviços de monitoramento para o governo americano.
A história se passa em 2004, quando Sam Fisher é retirado de sua aposentadoria para integrar o novíssimo time da Third Echelon, entidade coordenada pelo seu amigo Irving Lambert.
Considerando Fisher como o parceiro ideal para esta primeira missão, Lambert acompanha pessoalmente o seu treinamento inicial.

Em Splinter Cell, não espere por finais catárticos ou vilões gigantescos. A equipe de Splinter Cell realmente leva o realismo (relativo) muito a sério. Mas com certeza, você pode esperar um ótimo final de uma história de espionagem!

Hitman



Clique para ver a imagem em tamanho original


Os jogos giram em torno do Agente 47 , um assassino contratado clonado , cujo registro impecável o coloca em alta demanda entre os ricos e as elites, enquanto ele assassina vários criminosos de destaque em todo o mundo.
O primeiro jogo começa quando 47 escapa de um sanatório onde ele aparentemente foi preso, sendo guiado por um superintendente misterioso. Depois de um ano, ele mostra estar trabalhando para a Agência Internacional de Contratos, ou ICA, sob sua responsabilidade Diana Burnwood. Ele é enviado em uma missão para eliminar quatro chefes do crime em todo o mundo, antes de ser contratado para matar um quinto alvo, o Dr. Kovacs, no sanatório onde 47 foram presos. À medida que os eventos acontecem, 47 descobre que todos os seus alvos faziam parte de um experimento avançado de clonagem, com ele como resultado; o assassino perfeito.
Hitman conta com uma liberdade gigantesca em gameplay, deixando que você realize suas missões da forma que quiser, porém o jogo te recompensa caso você consiga concluir uma missão de forma completamente desapercebida, e é justamente esse o maior desafio dessa saga.

Syphon Filter



Clique para ver a imagem em tamanho original


Esse é um clássico que até hoje os fãs clamam pela volta do título. O enredo é centrado nos agentes especiais Gabriel Logan e Lian Xing, agentes de uma instituição chamada de "Agência", que estão no rastro de Erich Rhoemer, um terrorista internacional.
O Agente Ellis tentou se infiltrar na operação dos narcóticos de Rhoemer, na Costa Rica, mas foi descoberto e executado pela ex-agente KGB Mara Aramov. Rhoemer então ordenou Anton Girdeux, um terrorista francês, para queimar as plantações e esconder as provas de investigação de Syphon Filter.
Em Washington, DC, Edward Benton, diretor representante da Agência, está dando um relatório sobre a missão para o Agente Logan, o diretor Thomas Markinson e uma sombra, uma figura anônima. Gabe e Lian investigam um misterioso vírus com foco no Himalaia, o que deixa apenas um único sobrevivente, um fato que Lian descreve como impossível.
Quando o jogo começa, Rhoemer e seus terroristas lançaram um ataque em Washington-DC, Gabe derrota Pavel Kravitch, perito em comunicação de Rhoemer, que lhe permite entrar no Metrô de Washington. Uma vez lá dentro, um explosivo é detonado deixando Gabe aprisionado no subsolo. Ele persegue Aramov, capturando-a nos túneis antes de seguir para um parque próximo para ajudar a desarmar várias bombas virais, logo após descobre que Aramov tinha escapado da custódia.

Deus Ex



Clique para ver a imagem em tamanho original


Deus Ex é um jogo de RPG de ação – combinando elementos de tiro em primeira pessoa e stealth – desenvolvido pela Ion Storm e publicado pela Eidos Interactive.
A jogabilidade envolve a exploração e combate em ambientes conectados a vários níveis centrais diferentes, além de missões que geram pontos de experiência que podem ser usados para melhorar as habilidades do personagem. Escolhas de diálogos também estão presentes, com opções de respostas em pontos importantes da história afetando como alguns dos eventos ocorrem.
A história se passa em 2052 em um mundo de enormes divisões sociais e assolado por uma pandemia letal conhecida como "Morte Cinza", cuja única vacina conhecida é escassa e disponível apenas para os mais ricos e poderosos. Isto levou ao surgimento e ascensão de várias organizações terroristas que afirmam atuar em favor dos menos favorecidos. O protagonista é JC Denton, um agente da Coalização Antiterrorista das Nações Unidas fisicamente alterado com "aprimoramentos" nanotecnológicos que lhe dão habilidades super-humanas. Ele logo se envolve em uma rede de tramas enquanto diversas facções lutam por dominação mundial. A história explora o tema sobre teorias da conspiração em uma ambientação cyberpunk.
Deus Ex recebeu numerosas críticas positivas, alcançando uma média de 92% e 9.0/10.0 nos agregadores de notas Metacritic e MobyGames. Muitos críticos parabenizaram a aptidão do jogo para usar diferentes gêneros, jogabilidade bem variada, enormes ambientes, um enredo ambicioso e cheio de camadas, e seu alto nível de rejogabilidade. Os críticos ficaram impressionados com a narrativa do jogo, e muitas vezes mencionaram o uso do diálogo e história de fundo para melhorar a experiência em geral.

Thief



Clique para ver a imagem em tamanho original


Thief é uma série de jogos eletrônicos do gênero em Stealth em primeira pessoa publicada pela editora e desenvolvedora Eidos Interactive.
Lançado em 1998, é situado em uma metrópole medieval steampunk chamada City. O jogador assume o papel de Garrett, um ladrão treinado por uma sociedade secreta, e cumpre missões para roubar bens valiosos.
Foi o primeiro jogo de stealth a usar luz e som como mecânicas de jogo, e o primeiro do gênero a apresentar a perspectiva em primeira pessoa; seu uso desta perspectiva para jogabilidade de não-confrontamento desafiou o mercado de tiro em primeira pessoa. O design do jogo combina inteligência artificial complexa com sistemas de simulação para permitir uma jogabilidade emergente. A influência de Thief foi notada em títulos de stealth posteriores, incluindo Tom Clancy's Splinter Cell e Hitman.
Thief, no entanto, foi uma experiência sem igual para sua época. Nada de setas que apontavam para objetivos, nada de inimigos que deixavam fácil para você passar da missão. Com alguns toques sobrenaturais em certas fases, conhecer o cenário, descobrir caminhos e estar sempre atento eram cruciais.

Dishonored



Clique para ver a imagem em tamanho original


Dishonored é um jogo eletrônico de ação-aventura furtiva desenvolvido pela Arkane Studios e publicado pela Bethesda Softworks.
A história se passa na cidade industrial de Dunwall, focando-se em Corvo Attano, guarda-costas da imperatriz Jessamine Kaldwin que tornar-se um assassino depois de ser erroneamente acusado da morte da monarca, partindo à procura de vingança contra aqueles que conspiraram contra ele. Corvo é auxiliado em sua jornada por um grupo de resistência e pelo Estranho, um ser misterioso e poderoso que lhe concede habilidades mágicas.
O jogo é visto por uma perspectiva em primeira pessoa e permite que o jogador realize uma série de missões de assassinato de diversas maneiras, com grande ênfase nas escolhas. As missões podem ser completadas por meio de furtividade, combate ou uma mistura de ambos. Explorar cada nível abre novos caminhos e alternativas para se completar os objetivos, sendo possível finalizar todas as missões de maneira não letal. A história e as missões mudam de acordo com as ações do jogador. Habilidades mágicas e equipamentos foram projetados para serem combinados a fim de criarem efeitos novos e variados.
Dishonored se passa na cidade industrial de Dunwall, capital da ilha de Gristol, onde tecnologia e forças de outro mundo coexistem. A cidade é inspirada em Londres e Edimburgo entre o final do século XIX e início do século XX. Dunwall é um centro pesqueiro e baleeiro. O óleo de baleia é um recurso valioso utilizado como principal fonte de energia.
O enredo foca-se em Corvo Attano, guarda-costas da imperatriz Jessamine Kaldwin, que se vê obrigado a tornar-se um assassino depois de ser erroneamente acusado da morte da monarca, partindo à procura de vingança contra aqueles que conspiraram contra ele. Corvo é auxiliado em sua jornada por um grupo de resistência e pelo Estranho, um ser misterioso e poderoso que lhe concede habilidades mágicas.

Shadow Tactics: Blades of the Shogun



Clique para ver a imagem em tamanho original


Shadow Tactics: Blades of the Shogun é um jogo de estratégia em tempo real orientado ao stealth, desenvolvido pela Mimimi Productions e publicado pela Daedalic Entertainment . A jogabilidade é semelhante à das séries Commandos and Desperados.
O jogo é vagamente encenado no período Edo do Japão . Um novo shogun unificou o Japão após anos de guerra. No entanto, um misterioso senhor da guerra conhecido como Kage-sama surgiu, comprometendo a estabilidade do país. O shogun designa Oshiro Mugen, um samurai em seu serviço, para descobrir a identidade de Kage-sama, além de eliminá-lo e seus aliados. Durante suas missões, Mugen conhece e recruta quatro agentes especializados em infiltração e assassinato: Hayato, um ninja sombrio de Iga ; Yuki, um jovem fugitivo e ladrão inteligente e curioso; Aiko, uma kunoichi do amante de Shinano e Mugen; e Takuma, um atirador de elite e artilheiro e alquimista gênio.

Tenchu



Clique para ver a imagem em tamanho original


Tenchu é uma série de jogos do gênero stealth originalmente desenvolvidos pela Acquire, onde o jogador assume o papel de um ninja. O título em japonês traduz literalmente em português como: castigo do céu, com 天 (Ten), que significa o céu e 誅 (chu), que significa pena de morte. Em 2018, a Capcom UK anunciou uma remasterização para o PS4, Xbox One, Microsoft Windows e Nintendo Switch.
O protagonista, Samanosuke Akechi, empunha o poder dos antigos Oni (um demônio da cultura nipônica) que permite a ele utilizar o genma (a energia contida em todos os seres vivos). O jogo traz figuras que moldaram a história do Japão, como Nobunaga Oda, recontando suas histórias com elementos sobrenaturais da cultura oriental. Essas figuras geralmente aparecem associadas à raça demoníaca que almeja conquistar o mundo humano. Sua espetacular ascensão ao poder é explicada através dessa influência.

The Saboteur



Clique para ver a imagem em tamanho original


The Saboteur é um jogo de ação-aventura em terceira pessoa na França, durante a ocupação nazista na Segunda Guerra Mundial. Foi publicado pela Eletronic Arts e produzido pela Pandemic Studios.
O protagonista do jogo, Sean Devlin (baseado no herói de guerra William Grover-Williams) é um mecânico irlandês que sempre participa de corridas pela Europa. Depois de ter sido trapaceado por Kurt Dierker, um coronel nazista, em uma corrida realizada em Saarbrücken, na Alemanha no ano de 1940. Sean e seu melhor amigo, e "Meio Irmão", Jules Rousseau cruzam o caminho com uma "ex" de Sean, Skylar Saint Claire, aonde Sean tem uma Noite com Ela. Eles foram em busca de vingança.

Assassin's Creed



Clique para ver a imagem em tamanho original


A premissa central dessa série envolve-se a partir da rivalidade entre duas sociedades secretas ancestrais: os Assassinos que desejam a paz através do livre arbítrio e os Templários, que têm o objetivo de dominar o mundo . Ambos tiveram uma relação indireta com uma espécie que viveu antes dos humanos, cuja sociedade foi destruída por uma gigantesca tempestade solar. Misturando personagens e ficção histórica com eventos e figuras reais, a ordem cronológica dos jogos começa em 2012, e fala de Desmond Miles, um jovem que com a ajuda do Animus (uma máquina que permite ver as suas "memórias ancestrais"), explora as memórias de alguns dos mais proeminentes Assassinos da história.
Desmond Miles é um bartender que é sequestrado por uma poderosa empresa chamada Abstergo. Embora em cativeiro, Desmond é informado que deve usar uma máquina chamada Animus, criada pelas Indústrias Abstergo, para reviver as memórias de seus ancestrais. Ele é obrigado a aceitar usar a máquina para reviver as memórias de seu ancestral, Altaïr Ibn-La'Ahad.
Altaïr, o primeiro ancestral acompanhado por Desmond, é um membro de um grupo denominado Assassins (Assassinos). Este grupo vive sob três leis absolutas: Nunca matar uma pessoa considerada inocente, ser sempre discreto e nunca comprometer a Irmandade.
Entretanto, por causa de sua arrogância e descuido, Altaïr quebra essas leis, desonrando-se e comprometendo a Irmandade. A fim de recuperar seu antigo status, Altaïr deve caçar e matar nove alvos a mando de seu mestre, Al Mualim. Altaïr relutantemente aceita a tarefa e, um a um, assassina oito dos nove homens. Cada um de seus alvos, minutos antes da morte, fala sobre um membro que Altaïr nem imagina que faz parte da caçada do reino dos perdidos aos Pedaços do Éden. Por fim, sua nona vítima é Robert de Sablé, o líder dos Cavaleiros Templários e principal alvo de Altaïr.

Série Prince of Persia / Prince of Persia: The Sands of Time



Clique para ver a imagem em tamanho original


Prince of Persia é um jogo de aventura, desenvolvido por Jordan Mechner lançado em 1989 para Apple II e IBM-PC (DOS). Foi tido como um avanço na qualidade de animação vista nos jogos eletrônicos. Mechner estudou filmes de seu irmão mais novo, David, correndo e pulando com roupas brancas, para assegurar que todos os movimentos parecessem reais. Também era inovador o fato do protagonista e inimigos lutarem com espadas, ao contrário de armas de fogo ou raios, como outros jogos da época.
O jogo se passa na antiga Pérsia. Enquanto o sultão está lutando uma guerra em uma terra estrangeira, seu vizir Jaffar, um feiticeiro, toma o poder. Seu único obstáculo ao trono é a filha do Sultão (embora o jogo não menciona especificamente como). Jaffar a tranca numa torre e ordena que ela, sob ameaça de execução, se torne sua esposa. O protagonista sem nome do jogo, a quem a princesa ama, é atirado para as masmorras do palácio. O jogador deve levá-lo para fora das masmorras e para a torre do palácio, derrotando Jaffar e libertando a princesa em menos de 60 minutos (120 minutos na versão Super Nintendo, que tem mais difíceis níveis). Além de guardas, várias armadilhas e masmorras, o protagonista é ainda dificultada por seu próprio doppelgänger, uma aparição de seu próprio eu que é conjurado para fora de um espelho mágico.

Já Prince of Persia: The Sands of Time, é um jogo de ação e aventura em terceira-pessoa que foi desenvolvido e publicado pela Ubisoft. O jogo se foca na história do Prince da Pérsia que, enganado pelo Vizier, liberta as Sands of Time ("Areias do Tempo") no palácio do sultão, um amigo de seu pai, o rei Shahraman. As Areias do Tempo transformam todos os habitantes do palácio em monstros de areia, colocando-os sob o controle do Vizier. Com a ajuda da princesa Farah, a filha do marajá da Índia, o jogador deve controlar o Prince e usar as suas habilidades acrobáticas e a Dagger of Time ("Adaga do Tempo") para atravessar todas as áreas do palácio repletas de armadilhas e desfazer o seu erro.
The Sands of Time foi elogiado pelo seu design visual, por suas mecânicas de jogabilidade equilibradas e pelo seu enredo intrigante. Nos sites agregadores de notas Metacritic e Game Rankings, o jogo recebeu uma nota média de 91%, ao mesmo tempo em que foi premiado por variadas publicações de videogame. O sucesso do jogo resultou na produção e lançamento de duas sequências: Prince of Persia: Warrior Within e Prince of Persia: The Two Thrones, em 2004 e 2005, respectivamente, e mais recentemente, um filme homônimo.

GoldenEye 007



Clique para ver a imagem em tamanho original


GoldenEye 007 é um jogo eletrônico de tiro em primeira pessoa lançado exclusivamente para Nintendo 64, baseado no filme de James Bond, GoldenEye. Produzido pela Rareware (até então produtora second-party da Nintendo) e distribuído pela Nintendo, fora lançado em 1997 (dois anos após o filme). Aclamado pela crítica, o jogo figura na 20ª posição no ranking das melhores avaliações da história do site Metacritic, e na 33ª do site Gamerankings. GoldenEye 007 representa, ainda, um verdadeiro marco gigantesco na indústria de games, já que inovou ao trazer os modos "multiplayer" e "DeathMatch", controle que vibrava simulando o "soco" da metralhadora, bem como a trama de espionagem e a tal da sniper com miras de zoom, são incluídos até hoje nos jogos atuais, e são baseados neste jogo. Além disso, ele levou os games de tiro em primeira pessoa para um novo patamar, abrindo espaço para jogos mais realistas, ao contrário de Doom e Quake, que eram games mais fictícios.
O jogo se baseia no filme homônimo, com algumas modificações introduzidas pelos programadores, como missões extras e ambientes inexistentes no filme.
Nos anos 1980, a agência britânica MI6 descobre uma fábrica de armas químicas que está localizada perto da barragem de Byelomorye, nos arredores da cidade de Arkhangelsk, URSS. O lugar estaria produzindo gás nervoso para distribuir aos regimes hostis ao ocidente e entre facções terroristas ao redor do mundo. James Bond é mandado para o local para se encontrar com seu companheiro Alec Trevelyan, outro agente secreto, e destruir a fábrica clandestina. No entanto, para ter acesso ao local, Bond deve passar pelos guardas soviéticos que protegem a barragem de Byelomorye e pular de bungee jump até a base da barragem, onde fica o laboratório secreto, em Arkhangelsk. Durante a missão Trevelyan é morto pelo Coronel Ourumov, mas Bond consegue escapar usando um avião estacionado na base.

Sniper Elite



Clique para ver a imagem em tamanho original


Sniper Elite é um jogo de tiro em terceira pessoa que envolve elementos de jogo furtivo e de tiro em primeira pessoa . Muitos níveis de jogador único permitem várias rotas para os jogadores, a fim de evitar tiroteios diretos. Situado na Segunda Guerra Mundial, o personagem do jogador utiliza armas apropriadas para a época. O rifle sniper é a arma principal durante todo o jogo, embora braços laterais adicionais (metralhadoras e pistolas) possam ser usados dependendo da situação. Além de granadas de mão, o jogador também pode implantar armadilhas, minas terrestres e dinamite. Binóculos são usados para marcar os inimigos à vista, exibindo sua posição e movimentos para o jogador. Posturas diferentes, como agachar-se ou deitar de bruços, podem estabilizar um tiro, e o jogador pode respirar fundo para "focar" para aumentar a precisão. A balística realista é opcional, levando em consideração fatores como direção e força do vento e queda de bala, potencialmente alterando o resultado de um tiro, mesmo com o uso da mira.
O jogo segue o protagonista Karl Fairburne, enquanto ele tenta impedir a União Soviética de controlar os segredos nucleares da Alemanha em Berlim e arredores, em abril de 1945. Pouca informação é conhecida sobre seu passado, além de ter sido criado em Berlim antes do início da guerra. fora, que ele estudou em West Point logo após a entrada da América na guerra e o fato de ter sido escolhido para esta missão porque a cidade era sua casa de infância.

Styx: Master of Shadows



Clique para ver a imagem em tamanho original


Styx: Master of Shadows é um jogo furtivo no qual o jogador deve ficar nas sombras para sobreviver. Styx possui habilidades misteriosas que o ajudam em suas aventuras, incluindo a capacidade de se tornar invisível e a capacidade de usar a visão âmbar para detectar inimigos e áreas ocultas. Sua capacidade de se clonar através da magia oferece oportunidades para interromper a fórmula tradicional de jogos furtivos, dando ao jogador um clone para fins como explorar sem risco e criar uma distração.
Guardas, soldados e outros protetores da torre adaptarão seu comportamento dinamicamente, dependendo das ações do jogador. Espera-se que o jogador mantenha um perfil discreto e prepare um curso de ação com antecedência: estude as guardas de guarda de perto, use áreas de luz e sombra a seu favor, atraia um alvo para uma área isolada para assassiná-lo silenciosamente ou organize "acidentes" permanecer sem ser detectado. Styx: Master of Shadows também inclui mecânica de jogo RPG, o jogador ganha experiência, que pode desbloquear novas habilidades, movimentos especiais, armas novas e mais letais, todas divididas em seis árvores de talentos.

Perfect Dark



Clique para ver a imagem em tamanho original


Perfect Dark é um jogo desenvolvido para o Nintendo 64, lançado pela Rare. Em Perfect Dark, jogadores assumem o papel da agente especial Joanna Dark.
No ano 2023, Dr. Caroll entrou em contato com o Instituto Carrington para que alguém fosse resgatá-lo. Quando Joanna adentra o extenso e complexo laboratório, escondido sob o arranha-céu da dataDyne, e finalmente encontra o Dr. Carol, descobre que ele não é nada mais do que um computador dotado de inteligência Arficial.
Dois dias depois da operação ser finalizada, Daniel Carrington (o fundador do Instituto Carrington) e Dr. Carrol, estão na vila particular de Daniel discutindo sobre os planos da dataDyne quando o local é atacado por forças inimigas. Carringon é feito refém no porão da mansão e o computador, Dr. Carrol, é levado de volta para a dataDyne.
Perfect Dark é frequentemente descrito como a continuação do jogo GoldenEye 007, lançado pela Rare em 1997. Embora James Bond não apareça neste lançamento, o estilo de jogo é muito similar ao antigo, rodando em uma versão aprimorada da mesma engine.
Alguns avanços na jogabilidade em relação ao seu predecessor (GoldenEye 007) foram implantadas, como a segunda função para quase todas as armas do jogo, a habilidade de pular e cair de parapeitos, um sistema de iluminação melhor (permitindo a iluminação de salas através das descargas de tiros) e a possibilidade de desarmar os inimigos ou atirar em suas armas para que elas se percam e etc. Outro avanço significativo foi a inclusão de robôs de níveis diversos que podem enfrentar o jogador no multiplayer. Os inimigos, a cada nova missão, têm as cabeças trocadas aleatoriamente, como em GoldenEye 007, mas neste suas alturas também variam.

Série Metal Gear



Clique para ver a imagem em tamanho original


Metal Gear é uma série de jogos enquadrados na categoria stealth, criada por Hideo Kojima e produzida pela Konami. Nele, o jogador tem o controle de um soldado altamente treinado em infiltração (Solid Snake, Big Boss ou Raiden) e tem que enfrentar armas com capacidade de destruição em massa, Metal Gear, tanques gigantescos com capacidade de lançar ataques nucleares em qualquer terreno do globo. A série é famosa por ser a primeira a fazer parte da categoria "stealth", devido às suas longas cenas cinemáticas, enredos complexos e sua exploração da natureza da política, guerras, censura, engenharia genética, inteligência artificial, lealdade, realidade, "verdade" subjetiva vs. universal e temas filosóficos, além de frequentemente derrubar a quarta parede.
O primeiro jogo da série Metal Gear foi lançado em 1987 para o MSX2, com uma conversão inferior para o NES. Em 1990, foi lançada a sua sequência, Metal Gear 2: Solid Snake. Com o surgimento da quinta geração de consoles, Hideo Kojima conseguiu usar o potencial do PlayStation para criar o Metal Gear Solid com gráficos 3D excepcionais para a época e dublagens em todas as línguas. Metal Gear Solid foi um campeão de vendas, com mais de 15 milhões de cópias ao redor do mundo. Vários jogos tentaram copiar sua fórmula, o que fez da marca Metal Gear um dos carros-chefes da empresa Konami.


--

Então é isso pessoal. Gostaram? Tem críticas ou sugestões? Não deixe de expressar sua opinião logo abaixo na sessão de comentários, e até a próxima :D
TelaBrancaDoAkuma
Enviado por TelaBrancaDoAkuma
Membro desde
label
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no CANAL, Facebook, Twitter, e na nossa curadorida da Steam.