Engraçado, divertido e nostálgico! Game consegue trazer o brilho de uma época que os games se preocupavam somente em divertir
Publicado por Allan Kardec, em .
Tive o prazer de jogar em primeira mão o remake de Destroy All Humans!, e venho trazer minha análise e opiniões desde que é um dos melhores remakes feitos recentemente.

Vídeo do YoutubeVEowV2NZbTB5ODA=
Originalmente lançado em 2005 para Playstation 2 e o primeiro Xbox, o game foi um sucesso, ganhando uma continuação no ano seguinte. A época o game que mandava nos fliperamas e estava na cabeça de todos era nada mais nada menos que Grand Theft Auto: San Andreas, e todos games tentaram beber da fonte e reinventar a formula de sucesso da Rockstar. Eis que surge Destroy All Humans!, um game que tentava trazer a liberdade de simplesmente "destruir tudo" simplesmente porque sim, e qual é o melhor motivo para isso? Seja um alien invasor que simplesmente tem que eliminar tudo e todos!

O Game

Destroy All Humans! é um game de mundo semiaberto, e se baseia em realizar missões, que em sua grande maioria são na calada sem chamar a atenção, mas após as cumprir, o pau quebra e você pode liberar sua fúria mortal nos humanos insignificantes que estão em seu caminho. E para isso você utiliza de várias habilidades especiais além de sua arma, jetpack e sua nave, que dão um grande poder de fogo, independente do inimigo que enfrentará.

A história começa com o alien da raça Furon, Cryptosporidium 136, sobrevoando uma base de testes no deserto, tendo sua nave abatida e sendo capturado pelos terráqueos, imediatamente o cientista Furon, Ortopox 13, cria um novo clone Cryptosporodium 137, ou simplesmente Crypto, para a terra e contactar os humanos, atrás do DNA que é necessário para manter a raça Furon viva. Mas seu primeiro contato é com uma vaca que estava pastando tranquila, se irritando ele simplesmente aniquila toda fazenda chamando a atenção do Exercito, que também é aniquilado, o que faz chamar a atenção da organização Majestic. A partir dai, você deverá investigar os humanos, se passando por eles utilizando o HOLOZÉ, tentar colher seu DNA e também recolher alguns cérebros pelo caminho, tudo isso enquanto é caçado pela organização Majestic.

Slide https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015883.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015882.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015881.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015880.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015885.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015886.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015884.jpg
Remake de respeito

Graficamente este remake está impecável, tanto pela qualidade gráfica e sonora e pela fidelidade da história, me senti voltando 15 anos no tempo e tendo o primeiro contato com este game. Me arrisco a dizer que pode ser o melhor remake feito recentemente.

Por ser um game de "comédia", quando anunciaram o remake achei que não levariam tão a sério, e entregariam algo com nível médio de esforço, não que fossem fazer algo ruim, mas sim que não pensariam em tantos detalhes. Desde as gramas, efeitos de iluminação (as explosões são incríveis), os sons ambientes e claro a localização em BR, estão impecáveis.

O gameplay segue o mesmo padrão já conhecido deste tipo de game, missões iniciais quase sempre iguais, ir ao local X, fazer Y, somente para liberar o mapa para ser explorado (e destruído) a sua vontade. Não inova em nada já que a ideia de remake é manter a essência, mas a falta de inovação não é um ponto ruim, somente a repetição de coisas (mesmo em mapas diferentes) que pode ficar chato as vezes.

O problema da problematização!

Um dos grandes problemas ao se ver um remake ser anunciado e saindo do papel, é que os desenvolvedores em seu lançamento original tinham outra visão do mundo em si, e hoje 15 anos depois, o mundo tem outros padrões que podem ser problematizados facilmente.

O game é cheio de frases duvidosas e sátiras ácidas, várias estereotipações e elementos que podem gerar o famoso "mimimi" de muitos grupos (justiceiros sociais). Desde a ânsia por destruir tudo e todos do Crypto, passando pela miss da feira (loira com cérebro pequeno mas grandes ancas), várias falas controversas, e vários outros detalhes como a sonda anal, podem fazer muitos "críticos" torcer o nariz quando o jogarem (o que já tinha ocorrido em seu lançamento).

Pessoalmente eu não me importo com estes detalhes, já que o game conseguiu me fazer rir em vários momentos aleatórios com suas tiradas. Destroy All Humans! é um jogo para se divertir e não ser levado a sério, mesmo assim prevejo que as notas serão bem variadas para este game.

Slide https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015887.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015888.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015889.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015891.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015892.jpg;;;https://static.gamevicio.com/imagens_up/big/16/destroy-all-humans-remake-screenshots-015893.jpg
Considerações

Como um todo Destroy All Humans!: Remake é um dos melhores remakes já feitos, e entrega excelente diversão com ótimo trabalho técnico, tanto que pelo tempo que joguei não presenciei nenhum bug ou erro, e isso porque joguei uma cópia pré-lançamento, e em sua versão final deve estar ainda mais polido.

Recomendo d+ para quem curte o gênero de mundo aberto e gosta de aliviar a tensão destruindo tudo e todos que há no caminho.

Se quiser conferir o game, ele já está disponível para Xbox One, PlayStation 4 e PC via Steam.

Não se esqueça que temos uma curadoria no Steam, caso queria ter análises curtas e diretas de games basta nos seguir lá.
8.5
favorite
Nota
Engraçado, divertido e nostálgico!
Prós
  1. Ótimos gráficos
  2. Bom trabalho com trilha e efeitos sonoros
  3. Recriação perfeita do game original
  4. Muito engraçado e divertido com boas tiradas e falas dos personagens
Contras
  1. Repetição de missões e objetivos
okardec
Allan Kardec #okardec
Analista e Administrador de Sistema vulgo Programador
Amante de artes, com gostos peculiares e até duvidosos!
Todo dia [ou quase] criando uma análise ou indicando um indie interessante ou desconhecido
Administrador do Site, 35 anos, Luziânia, GO, Brasil
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.