.

Netflix reduz qualidade de streaming no Brasil

Enviado por Catos, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original


A Netflix, assim como o Facebook e Instagram, vai reduzir a taxa de bits (bitrate) na transmissão de vídeos no Brasil: a medida é temporária para evitar sobrecarga na internet do país durante a pandemia do coronavírus (Covid-19). Os serviços continuarão a fazer streaming em Full-HD ou 4K, dependendo do caso, porém com qualidade um pouco menor.

A medida entrou em vigor na noite desta segunda-feira (23), e será aplicada para todos os assinantes no Brasil em até dois dias, segundo o Estadão. Isso valerá inicialmente por 30 dias; o objetivo é reduzir em 25% o tráfego de internet utilizado pelo serviço de streaming.

A empresa fez basicamente o mesmo na Europa: os usuários ainda podem assistir a séries e filmes em Full-HD ou 4K, mas com um bitrate menor. Normalmente, a Netflix tem diversos streams diferentes para o mesmo título do catálogo e para a mesma resolução; a empresa vai cortar as transmissões com taxas de bits mais altas.


"Se você estiver particularmente atento à qualidade do vídeo, poderá notar uma ligeira diminuição na qualidade em cada resolução, mas você ainda terá a qualidade de vídeo pela qual pagou", explica a Netflix em comunicado. O valor das assinaturas seguirá inalterado.


Facebook e Instagram diminuem bitrate

O Facebook e o Instagram vão reduzir o bitrate do streaming de vídeos na América Latina, incluindo no Brasil. Novamente, essa medida está valendo na Europa.


"Para ajudar a aliviar as redes neste período de alta demanda devido à pandemia de Covid-19, vamos reduzir temporariamente a resolução em bits dos vídeos no Facebook e Instagram na América Latina", explicou a empresa em comunicado à Reuters.


Ela complementa: "queremos garantir que as pessoas possam permanecer conectadas... e continuaremos trabalhando com nossos parceiros para administrar qualquer limitação de transmissão de dados".

Globoplay e Looke reduzem qualidade do streaming

O Globoplay decidiu limitar o streaming à resolução HD, retirando as opções Full-HD e 4K. Dessa forma, o bitrate máximo é de 2,8 Mb/s (contra 5,8 Mb/s no Full-HD). A medida vale também para o G1, Globoesporte.com, GShow e Globosat Play.

O Looke, por sua vez, afirma em comunicado que "adotará medidas para reduzir a transmissão de dados em função do aumento de consumo de vídeos pela internet devido à quarentena causada pelo combate ao coronavírus".
Catos
Enviado por Catos
Membro desde
28 anos, Goiânia
label
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no CANAL, Facebook, Twitter, e na nossa curadorida da Steam.