.

Supremo Tribunal vai ouvir o recurso da Microsoft sobre o caso dos discos riscados na Xbox 360

Enviado por Ging-Freecss, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original

Parece que o processo judicial colectivo contra a Microsoft sobre os consoles Xbox 360 que riscavam os discos dos jogos ainda não está terminado.

O processo judicial foi colocado em tribunal em 2007, e segundo testemunhos de 2008 a Microsoft sabia que havia um defeito com as suas consolas Xbox 360 que fazia com que os discos dos jogos ficassem riscados tornando-os defeituosos e inutilizados.

Segundo testemunhos dos lesados o problema estava no disco óptico que fazia com que os discos dos jogos tocassem noutras partes internas da consola.

A Microsoft defendeu-se dizendo que dos mais de 80 milhões de consolas vendidas no mundo apenas 0.4% dos utilizadores se queixaram de discos riscados e que os danos causados pela má utilização dos consumidores não era um defeito do produto.

Em 2012 um juiz arquivou o processo judicial alegando que não havia um numero suficiente de pessoas lesadas para justificar um processo judicial colectivo. Um pouco mais tarde um tribunal federal voltou com a decisão atrás voltando a reacender o processo.

Desde então o caso passou por uma série de recursos, no entanto agora, e segundo a Associated Press, o Supremo Tribunal concordou em ouvir um último recurso da Microsoft, razão pela qual o caso será estudado novamente agora por este tribunal.
Ging-Freecss
Enviado por Ging-Freecss
Membro desde
label