.

Camiseta é capaz de monitorar sinais vitais de paciente em tempo real

Enviado por Anônimo, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original

A t-shirt é lavável e inclui eléctrodos que detectam energia bioelétrica.

Uma camiseta capaz de fazer uma biomonitorização permite registrar um número de parâmetros fisiológicos do paciente de uma forma não-invasiva. "As informações recolhidas por uma camiseta inteligente com tecnologia e-textile são enviadas, sem usar fios, para um sistema de gestão da informação, que, em seguida, mostra a localização do paciente e sinais vitais em tempo real", explicam os pesquisadores da Universidad Carlos III (UC3M), em Madrid, na Espanha. O sistema é projetado para ser usado em hospitais e pode ser dividido em duas partes: uma infra-estrutura fixa, pré-instalada no hospital, e as unidades móveis.
As unidades móveis incluem uma "camiseta inteligente" e um dispositivo de localização, que pode ser levado no bolso e, que pretendem incorporar o vestuário no futuro. O tecido é lavável e inclui eléctrodos que detectam energia bioelétrica através do qual um eletrocardiograma pode ser obtido. Além disso, há um dispositivo removível, que inclui um termômetro e um acelerômetro, que são usados ??para medir a temperatura do paciente, sua posição relativa (em pé, deitado, etc) e seu nível de atividade física. Finalmente, a unidade de localização é ativada periodicamente, recebe sinais das unidades que compõem a infra-estrutura de localização fixa e envia essa informação para o sistema de gestão da informação. Uma vez que a informação é recebida, o algoritmo de localização é capaz de estabelecer a posição do indivíduo dentro de uma margem de erro de dois metros.

Aplicações médicas
Com pequenas modificações, o protótipo também pode ser aplicado em outras áreas, tais como aplicações que envolvam o diagnóstico precoce de anomalias cardíacas em atletas, ou por telemedicina, para monitorar pacientes em suas casas, reduzindo assim o tempo de permanência no hospital. O sistema de gestão da informação armazena todas as informações do paciente para possíveis estudos posteriores, como a análise do nível de atividade de um paciente em particular afeta a qualidade do eletrocardiograma. Além disso, o programa tem uma série de alarmes, configurado por padrão, que são ativados quando os parâmetros medidos ultrapassam limites pré-estabelecidos, como 38ºC de temperatura ou 100 batimentos cardíacos por minuto, por exemplo. "Todos esses alarmes podem ser modificados pelos médicos, a fim de ajustá-los às necessidades específicas de cada paciente; sempre que qualquer um desses alarmes dispara, aparecerá uma mensagem na tela e, pode também ser enviado um SMS alertando o médico responsável ou o próprio pessoal do hospital que, naquele momento, estará mais próximo do paciente em questão ", dizem os cientistas.
label