Succubus: Hellish Orgy VR é banido do Steam

Succubus: Hellish Orgy VR é banido do Steam

Embora versão padrão esteja disponível, Valve considerou o jogo pesado demais para o VR.
#Games Publicado por Vinicius, em

Agony foi um jogo polêmico pelo nível de violência e conteúdo sexual apresentado. Com o spin-off Succubus, a desenvolvedora continuou com o mesmo estilo, e parece que a Valve considerou o jogo pesado demais para ser jogado em realidade virtual.

Succubus: Hellish Orgy VR foi recentemente banido do Steam. De acordo com a desenvolvedora Madmind Studio, a Valve teria considerado o conteúdo explícito demais para ser disponibilizado em realidade virtual.

Leia Também:

  1. Monster Energy entra em disputa contra jogo indie por uso da palavra Monsters
  2. EA é a editora com maior quantidade de usuários mensais nos consoles PlayStation e Xbox

Apesar desse banimento, a versão padrão sem VR de Succubus continuará disponível na loja. O estúdio ainda afirma que a Valve não deu chance para lançarem um patch removendo tais conteúdos explícitos.

Alguns recursos disponíveis na versão VR são muito perturbadores e envolventes para serem lançados no Steam. A Valve o baniu por seu conteúdo drástico e o Steam decidiu banir o jogo sem nos dar a chance de fazer alterações/patches/censura.

Além do seu conteúdo sexual extremo, Succubus ainda conta com ações um tanto quanto polêmicas, como arrancar o feto do ventre de uma mulher grávida e então devorá-lo para recuperar seus pontos de vida.

A desenvolvedora Madmind Studio já teve problemas com Agony e o próprio Succubus. O estúdio teve que lançar o conteúdo adulto separado de forma gratuita para evitar que o ambos os jogos fossem banidos pela Valve.

Fonte: Pcgamer
Vinicius
Vinicius #VSDias55
Equipe do Site, Florianópolis
Publicações em Destaque
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por coca,
#Games, Por VSDias55,