Conheça 16 ótimos Jogos de Plataforma para PlayStation 3

Procurando Jogos de Plataforma? Separamos para você uma lista com 16 ótimos Jogos de Plataforma para PlayStation 3

Como seu nome já deixa claro, Jogos de Plataforma são aqueles que o jogador pula pelos locais em um jogo, com obstáculos e entre outros objetivos ao decorrer da aventura.

Jogos de Plataforma são conhecidos principalmente por serem de navegador ou para mobile. É um gênero bastante recomendado para crianças, mas serve para pessoas de toda a idade, importante é a diversão!

Conheça 16 ótimos Jogos de Plataforma para PlayStation 3
Musou Orochi Z
Musou Orochi Z é um game de Hack and slash/Beat'em up e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 12 de Março de 2009, estando disponível para PlayStation 3, Computador
Sinopse

Sem aviso, Snake King Orochi começa uma invasão. Usando o seu imenso poder, permitindo a quebra de tempo e espaço, Orochi seqüestra os guerreiros mais fortes e corajosas da Antiga China e do Japão Feudal para testar suas habilidades na batalha com os melhores soldados.

Nenhum dos exércitos poderiam resistir à autoridade Orochi. No terreno, os heróis morrem, aos que continuarem a resistir à King Snake. São 96 personagens jogáveis, em vez de 79, no original, todos os velhos novos costumes, novas campanhas, novos modos de jogo, novos itens.

Doctor Who: The Eternity Clock
Doctor Who: The Eternity Clock é um game de Aventura e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 22 de Maio de 2012, estando disponível para PlayStation Network, PlayStation 3, PlayStation Vita, Computador
Sinopse

Em Doctor Who: The Eternity Clock, o jogador assume o papel de Doctor e River Song numa corrida contra o tempo para salvar o universo.

LEGO Indiana Jones: The Original Adventures
LEGO Indiana Jones: The Original Adventures é um game de Aventura e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 2 de Junho de 2008, estando disponível para Wii, PlayStation 2, PlayStation 3, Macintosh, PlayStation Portable, Computador, Xbox 360, Nintendo DS Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 15h 0min jogando normal, 10h 0min se você for direto nas missões principais rushando, 24h 0min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

Depois de LEGO Star Wars, é a vez da trilogia de Indiana Jones ganhar seu game bem humorado.

É raro um jogo baseado em filme, com lançamento marcado para coincidir com a estréia nos cinemas e que realmente empolgue, sem dar a impressão de ser um projeto criado às pressas para conseguir alguns trocados. Mas "Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal" não é um filme qualquer, muito menos "LEGO Indiana Jones", que chega às prateleiras uma semana depois da "premiére" do longa-metragem com uma grande base de fãs conquistada graças aos jogos inspirados na saga "Star Wars".

Tal como "LEGO Star Wars II: The Original Trilogy", o novo jogo baseado nas aventuras do Dr. Jones se apóia apenas nos três clássicos filmes e, assim como a Cantina de Mos Eisley servia como ponte entre os episódios da saga espacial, aqui o Bartlett College, escritório de Indy, faz a ligação entre as três jornadas.

Elementos que fizeram o sucesso dos jogos anteriores continuam presentes, como o forte senso de humor, a busca por moedas e o grande número de itens colecionáveis. A mecânica, entretanto, mecânica foi totalmente refeita para adequar tudo ao estilo Indiana Jones de ser. Em outras palavras, isso quer dizer que os tiroteios ficam em segundo plano para evidenciar as qualidades do herói, dando espaço para maior exploração do cenário, com a resolução de quebra-cabeças - como colecionar peças para consertar seu veículo ou encontrar passagens secretas que levam aos cobiçados tesouros arqueológicos -, além de muitas brigas mano a mano ou com uso do infalível chicote.

Persiste ainda a grande dinâmica entre os personagens, com situações especiais que requerem o uso das habilidades de certas figuras. Praticamente todos aqueles que apareceram nos filmes ganharam clones ao estilo Lego, desde o pai do herói, Henry Jones, até o sujeito com a espada que toma um tiro em "Caçadores da Arca Perdida".

Com isso, há coadjuvantes em número suficiente para o modo cooperativo, sem falar na importância devido à implantação de um sistema de fobias, que impede que Indy, por exemplo, atue em locais que estejam infestados por cobras, levando o jogador a encontrar outro personagem que possa substituí-lo. Cada um tem habilidades exclusivas.

Portal
Portal é um game de Plataforma e Puzzle, faz parte da série Portal, desenvolvido na engine Source pelos estúdios e , foi lançado em 10 de Outubro de 2007, estando disponível para Xbox 360, Computador, PlayStation 3, Macintosh, Linux, Android Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 4h 17min jogando normal, 1h 47min se você for direto nas missões principais rushando, 7h 15min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

Para começar, "Episode Two" receberá versões para PC, PlayStation 3 e Xbox 360, sendo que para os consoles, o título trará a coletânea de jogos anteriores da série, como "Episode One" e "Half-Life 2", exceto "Counter-Strike: Source", que não foi confirmado. Além disso, o segundo episódio terá dois novos modos de jogo: "Portal" e o multijogador "Team Forteress 2".

"Portal" consiste em um jogo que segue o melhor estilo quebra-cabeça e que explora, de certa forma, o conceito utilizado em "Prey", onde é possível 'viajar' pelo cenário fazendo uso dos portais que ficam espalhados ao longo do ambiente. O diferencial do jogo da Valve, no entanto, é que você mesmo pode criar os seus portais, de acordo com as mais diversas necessidades - seja para escapar de uma briga, atingir um inimigo ou simplesmente se locomover.

Sobre o conteúdo principal, "Episode Two", sabe-se que a trama envolverá o seqüestro da parceira de Gordon, Alyx Vance. Foram confirmados novos tipos de fases, uma atualização para a famosa Arma da Gravidade e a inclusão de uma nova arma chamada Strider Buster.

Outland
Outland é um game de Aventura e Indie, pelo estúdio , foi lançado em 27 de Abril de 2011, estando disponível para Xbox 360, PlayStation 3, Computador, Macintosh Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 9h 0min jogando normal, 7h 0min se você for direto nas missões principais rushando, 12h 0min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

Outland é um jogo de ação e plataforma da Housemarque, a mesma responsável por Super Stardust HD. O título mostra influências de vários games conhecidos, como Ikaruga e diversos outros jogos distribuídos digitalmente.

Certo dia, você acorda de um sonho estranho e percebe que as coisas a sua volta não estão como deveriam. Seu personagem passa a procurar por um feiticeiro, supostamente capaz de fazer com que tudo volte ao normal. Em sua aventura, temos um mundo dominado por criaturas e monstrengos misteriosos, como o Golem, um ser com um olho só que carrega um porrete gigante e lembra bastante os grandes chefes de Shadow of the Colossus.

O jogo traz um sistema bacana de Luz e Trevas, bastante parecido com o já mencionado Ikaruga. Basicamente, você deve escolher se permanecerá do lado iluminado (azul) ou sombrio (vermelho). Quem optar pelo lado azul, por exemplo, só poderá eliminar inimigos da cor oposta e terá que pisar em plataformas de cor neutra (cinza ou preto) ou azul.

Outland conta com uma opção de jogabilidade para o público casual, trazendo níveis de dificuldade mais acessíveis. Mesmo assim, também temos momentos caóticos, um prato cheio para os players hardcore, fornecendo prêmios como itens bônus e colecionáveis

LittleBigPlanet
LittleBigPlanet é um game de Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 27 de Outubro de 2008, estando disponível para PlayStation 3, PlayStation Portable Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 100h 0min jogando normal, 8h 0min se você for direto nas missões principais rushando, 1000h 0min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

Jogo de plataforma em um mundo expansível, no qual usuários criam suas próprias fases e as disponibilizam na PlayStation Network.

LittleBigPlanet é uma das apostas inovadores e diferentes da Sony. O título, para PlayStation 3, permite ao jogador modificar o cenário e criar as próprias regras do jogo, usando os materiais encontrados no mundo virtual e as habilidades dos personagens.

O conceito por trás do game é similar ao da web 2.0, em que os usuários são o principal agente de criação do conteúdo, como se verifica em serviços como o Wikipedia e o YouTube.

Em LittleBigPlanet, que tem um clima de fantasia, o jogador tem diversas habilidades para interagir com ambiente. Há itens para colecionar e quebra-cabeças, cuja solução requer lógica e colaboração em grupo. Quanto mais explorar o mundo, mais o jogador aumenta sua capacidade de criar e modificar o cenário.

Pode-se mover tudo no ambiente e rearranjar os objetos como desejar. A interface promete ser bem simples, de maneira intuitiva. O mundo criador pode ser compartilhando com outros usuários. No entanto, as fases iniciais já vêm prontas. Não há objetivos ou regras estabelecidas. O próprio jogador pode e deve inventá-los.

Ratchet & Clank: All 4 One
Ratchet & Clank: All 4 One é um game de Aventura e Plataforma, faz parte da série Ratchet & Clank pelo estúdio , foi lançado em 18 de Outubro de 2011, estando disponível para PlayStation 3
Sinopse

O jogo segue depois dos acontecimentos de Ratchet & Clank: A Crack in Time. O jogo começa quando o Dr. Nefarious, o principal antagonista do jogo, tem um plano diabólico para destruir Ratchet & Clank de uma vez por todas, até que o plano dele acabou dando errado, fazendo com que Ratchet e Clank se percam, e Qwark e Nefarious juntamente pegaram a armadilha de uma máquina misteriosa conhecida apenas como a Creature Collector. Agora, eles são forçados a trabalhar juntos e cooperar a fim de escapar da máquina, e voltar para casa.

I Am Alive
I Am Alive é um game de Aventura e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 7 de Março de 2012, estando disponível para Xbox Live Arcade, PlayStation Network, PlayStation 3, Computador
Sinopse

"E se isso acontecesse com você? o que você faria?"

Chicago, Junho de 2009. Um terremoto de magnitude 10,3 destrói a cidade e destrói a sua vida como um cidadão comum. Enquanto o socorro não chega misteriosamente, você está preso em um caos ambiental e social que se agrava a cada hora. Sua única saída é a criação de um campo de refugiados em massa para esperar atrair a atenção de resgate. Você terá que encontrar recursos e organizar os sobreviventes para criar a sua sede. No meio das ruínas de Chicago, você terá que tanto preservam e sacrificar a fim de sobreviver durante 7 dias. Rescue, cure, proteja, mate, embosque ou roube. Mas primeiro, tente permanecer vivo.

The Swapper
The Swapper é um game de Aventura e Indie, pelo estúdio , foi lançado em 30 de Maio de 2013, estando disponível para Linux, Computador, Macintosh, PlayStation Network, PlayStation 3, PlayStation Vita, PlayStation 4, Wii U, Xbox One Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 11h 0min jogando normal, 4h 30min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

The Swapper é um indie meio Limbo, meio The Cave, com fortes pitadas de ficção-científica e uma cobertura de suspense.

A combinação de exploração com puzzle resulta em uma mecânica onde você deve clonar a si mesmo várias vezes para conseguir passar obstáculos e avançar.

A ambientação sombria de sci-fi dá um clima de terror que é sempre bem vindo nesse gênero.

Alice: Madness Returns
Alice: Madness Returns é um game de Aventura e Hack and slash/Beat'em up, faz parte da série American McGee's Alice, desenvolvido na engine Unreal Engine 3 pelo estúdio , foi lançado em 14 de Junho de 2011, estando disponível para Xbox 360, PlayStation 3, Computador Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 15h 25min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

Alice: Madness Returns é a continuação de American McGee's Alice - título de ação/plataforma que transporta o jogador para uma versão sombria dos clássicos de Lewis Caroll: Alice no País das Maravilhas e Alice Através do Espelho.

Onze anos se passaram desde os eventos do primeiro jogo, para quem não lembrar a família de Alice morreu em um terrível incêndio, tragédia que levou a pobre garota a loucura. Internada em um manicômio a garota é finalmente liberada, depois de dez anos, sob os cuidados de um psiquiatra, mas de volta à Londres ela acaba sendo levada de volta ao distorcido País das Maravilhas.

A jogabilidade gira em torno de sequências de plataforma e combate. Alice empunha a fiel lâmina Vorpal e recebe a adição de novos equipamentos - um moedor de pimenta, um bule de chá e um cavalinho de pau.

Lost Planet: Extreme Condition
Lost Planet: Extreme Condition é um game de Aventura e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 21 de Dezembro de 2006, estando disponível para Xbox 360, Computador, PlayStation 3
Sinopse

Lost Planet Extreme Condition é um jogo de tiro em terceira pessoa com ação e temática de ficção científica.

No time de produção está a equipe que desenvolveu "Onimusha 3", por exemplo, com Keiji Inaba como produtor-executivo, Jun Takeuchi como produtor e Kenji Oguro como diretor.

O cenário de "Lost Planet" é um planeta gelado e conta o embate entre os piratas do gelo, que usam uma roupa especial, chamada de VS, para sobreviver em condições extremas, e os habitantes nativos do planeta, os Acrids. O protagonista é um jovem vestido com uma VS encontrado congelado e que perdeu a memória. Tudo que ele lembra é da morte de seu pai e do assassino, um Acrid.

O game possui uma quantidade gigantesca de inimigos, graças a grande capacidade de processamento dos consoles de nova geração. Além disso, técnicas sofisticadas como sombras projetadas no corpo dos personagens dão um grande realismo às cenas.

O herói é baseado na imagem do ator sul-coreano Lee Byung-hun, processo semelhante ao que foi feito em "Onimusha 3", que trouxe personagens com o rosto dos atores Takeshi Kaneshiro ("O Clã das Adagas Voadoras") e Jean Reno ("Ronin" e "Godzilla").

A versão para PlayStation 3 traz todos os extras presentes na edição para PC e também as que foram disponibilizadas através de download na rede Xbox Live, do videogame da Microsoft.

Prince of Persia: The Two Thrones
Prince of Persia: The Two Thrones é um game de Aventura e Hack and slash/Beat'em up, faz parte da série Prince of Persia, desenvolvido na engine Jade pelo estúdio , foi lançado em 1 de Dezembro de 2005, estando disponível para PlayStation 2, GameCube, Xbox, Computador, Mobile, PlayStation 3 Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 16h 0min jogando normal, 16h 0min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

Após os eventos do jogo anterior, Prince e Kaileena retornam à Babilônia. Quando o barco de Prince vai se aproximando do porto da cidade, ele remove o medalhão de sua armadura e o joga no mar. Ao chegar à Babilônia, ele fica horrorizado ao encontrá-la em chamas e devastada pela guerra. O seu barco é atacado e ele e Kaileena são jogados no mar, com Kaileena sendo capturada depois do naufrágio. Após percorrer a cidade atrás de Kaileena, Prince descobre que, como resultado de seus esforços na Island of Time para prevenir que as Sands of Time (em português, "Areias do Tempo") fossem criadas, os eventos de The Sands of Time nunca chegaram a acontecer e, assim, Vizier nunca foi assassinado. Vizier mostra que possui a Dagger of Time (em português, "Adaga do Tempo") e também o bastão mágico. Ele estava à procura das Sands of Time e capturou a Imperatriz do Tempo para adquiri-las.

Quando Prince é visto, ele é interceptado por dois subordinados de Vizier, sendo imobilizado por um chicote laminado que é então enrolado em volta de seu braço, perfurando-o. Vizier então mata Kaileena e liberta as Sands of Time, que colidem em todos que estão por perto. Logo em seguida, ele apunhala a si mesmo com a Dagger of Time, tornando-se um ser imortal: Zurvan, o Deus do Tempo. As Sands of Time também alcançam Prince, infectando a sua ferida aberta e fundindo o chicote com o seu braço. Então, ele consegue se libertar e escapar, adquirindo a Dagger of Time no processo.

Tomb Raider: Underworld
Tomb Raider: Underworld é um game de Aventura e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 18 de Novembro de 2008, estando disponível para PlayStation 3, Macintosh, Wii, Computador, Xbox 360, Nintendo DS, PlayStation 2
Sinopse

Tomb Raider: Underworld é o oitavo título da popular série de jogos de aventura, estrelados pela musa virtual Lara Croft. Desenvolvido pela Crystal Dynamics, o jogo é a continuação direta de Tomb Raider: Legend, dando seqüência à trama iniciado no título anterior.

O jogo tem como cenário principal as ruínas do sul do México, onde Lara Croft, renomada arqueóloga britânica, descobre uma série de portais inter dimensionais que a levam para o underworld. Esses portais permanecem abertos por apenas cinco dias, registrados no calendário Maia como Wayeb'.

Entre outras locações estão a Austrália, a misteriosa Ilha de Páscoa, Roma, o Vaticano a região da Mesopotâmia e o Triângulo Dourado, área que compreende os países de Myanmar (Vietnã, Laos e Tailândia), além de uma versão remodelada da Mansão Croft, lar da bela protagonista do jogo.

O jogo conta com gráficos e jogabilidade renovadas, que marcam o terceiro título da franquia para os consoles de sétima geração, sendo Tomb Raider: Legend e Tomb Raider: Anniversary, os outros dois jogos.

Cenários interativos e inteligentes, um novo sistema de combate e itens multifuncionais, e remodelagem completa da personagem principal são apenas algumas das novidades que Underworld apresenta a franquia.

The Sly Collection
The Sly Collection é um game de Aventura e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 9 de Novembro de 2010, estando disponível para PlayStation 3, PlayStation Vita
Sinopse

The Sly Collection contém os três primeiros jogos da série Sly Cooper remasterizados em alta definição.

Lara Croft and The Guardian of Light
Lara Croft and The Guardian of Light é um game de Aventura e Plataforma, pelo estúdio , foi lançado em 18 de Agosto de 2010, estando disponível para Xbox Live Arcade, PlayStation Network, Computador, PlayStation 3
Sinopse

Lara Croft and the Guardian of Light é um jogo de aventura que, ao contrário de games anteriores contendo a famosa protagonista, não leva o nome Tomb Raider. Isso porque o escopo do jogo é um pouco menos ousado do que o normal para a franquia - o que não significa que a qualidade seja menor. O estilo também é incomum, com uma visão isométrica que permite ao jogador enxergar todo o cenário em volta dos personagens.

O game é focado na ação cooperativa entre os dois protagonistas: a já famosa Lara Croft e um maia chamado Totec. As habilidades de cada um são distintas, e a interação entre elas é um elemento crucial para a resolução dos inúmeros desafios propostos através da aventura. Um bom exemplo é o arremesso de lanças na parede por parte de Totec para criar uma escada improvisada para Lara Croft.

A experiência em si lembrará bastante os primórdios da série Tomb Raider, já que existirão muitas tumbas a serem exploradas, mortos-vivos e bichos exóticos a serem derrotados e vários elementos de plataforma para desafiar as habilidades do jogador.

LIMBO
LIMBO é um game de Aventura e Indie, pelos estúdios e , foi lançado em 21 de Julho de 2010, estando disponível para Xbox 360, PlayStation 3, Computador, Macintosh, PlayStation Vita, iOS, Linux, Xbox One, Android, PlayStation 4, Nintendo Switch Ele pode ser zerado com um tempo médio de: 3h 27min jogando normal, 2h 0min se você for direto nas missões principais rushando, 7h 0min se você jogar de forma completa cumprindo tudo o que for possível.
Sinopse

Com um lindo trailer publicado em 2006 e vários prêmios em concursos de jogos independentes conquistados em seguida, Limbo é um dos poucos jogos da Live Arcade que vieram precedidos de certo "hype". O mérito sempre foi do visual original e artisticamente ambicioso, e agora com o jogo lançado este aspecto continua sendo o que irá vender Limbo e atiçar a curiosidade do público. Há um excelente jogo de aventura e resolução de puzzles por trás, mas é difícil não se levar totalmente pelas aparências desta vez.

Veja outra listas interessantes: