.

Relembrar é Viver #7 | Super Mario World 2: Yoshi's Island

Enviado por renatito91, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original


Salve, pessoal da GameVicio! Tudo bem com vocês? Continuando a saga que o nosso amigo Dex Kor vem produzindo, hoje lhes trago no Relembrar é Viver de número 7, um jogo que marcou muito a minha infância. Falo do Super Mario World 2: Yoshi's Island, um dos jogos mais bonitos e encantadores de todos os tempos. Quando se fala em Super Nintendo, a maioria lembra logo de Super Mario World, Donkey Kong Country, F-Zero, Super Metroid e outros clássicos, mas poucos falam do Yoshi's Island. Talvez esse seja o jogo mais menosprezado ou, quem sabe, o mais esquecido do SNES. É por isso que me vi obrigado a fazer um artigo sobre esse game, principalmente por dois motivos: trazer a nostalgia para os que já conhecem o jogo, e fazer com que as pessoas que não o conheciam, aprendam mais sobre ele e despertem a vontade de jogá-lo. Acho que o jogo é muito injustiçado pois quase nunca ele aparece nas listas de 10 melhores jogos do Super Nintendo, às vezes nem no top 20! Não vou deixar essa obra prima passar despercebida, eu sei que o jogo foi lançado há 25 anos atrás, mas nunca é tarde para se lembrar dos grandes, e nunca é tarde para se jogar um jogo.


FICHA TÉCNICA


Produção: Nintendo EAD
Editora e Publicadora: Nintendo
Diretores: Takashi Tezuka, Toshihiko Nakago, Shigefumi Hino e Hideki Konno
Produtor: Shigeru Miyamoto
Direção de Arte: Shigefumi Hino, Hisashi Nogami, Masahiro Iimura e Tomoaki Kurome
Compositor: Koji Kondo
Plataformas: Super Nintendo
Data de Lançamento: Japão: 5 de agosto de 1995 - EUA: 5 de outubro de 1995 - Europa: 5 de janeiro de 1996
Gênero: Plataforma
Modos de Jogo: Single Player
Críticas: 96.00% no GameRankings
Vendagem: Aproximadamente 4 milhões de cópias

ENREDO


Como todo jogo do Mario, o enredo é bem simples. A cegonha estava levando Mario e Luigi para a casa de seus pais (aquela velha história que os pais contam para as crianças de como elas nasceram) até que a ave é atacada pelo Kamek, um capanga do Baby Bowser, levando Luigi consigo para o castelo do vilão, porém, Mario cai despercebido na ilha dos Yoshi's. Os nossos queridos dinossauros decidem resgatar Luigi e levar os dois irmãos para o seu lar. Nada melhor que a própria intro do jogo para ilustrar isso a vocês:





JOGABILIDADE


Super Mario World 2: Yoshi's Island é uma sequência do aclamado Super Mario World, no entanto, ele se trata de um prequel, e, assim como o primeiro game, ele é um típico jogo de plataforma side-scrolling 2D no qual os Yoshis são os personagens principais. Os Yoshis possuem os mesmos movimentos, apenas mudando a cor. Neste game, os Yoshis são capazes de voar - eu sei, é quase um voo de galinha mas eles voam - segurando o botão de pulo (B). Você pode ''voar'' várias vezes no ar, mas à medida que você for usando o recurso, o Yoshi irá descendo até tocar o chão. Além disso, nossos amados dinossauros também podia dar "bundadas", atirar ovos utilizando uma mira e usar uma série de itens e frutas disponíveis para auxiliar na jornada, como melancias que lhe possibilita atirar sementes, cuspir fogo e congelar inimigos.


Clique para ver a imagem em tamanho original


O objetivo de cada fase é proteger o Baby Mario, que cavalga sobre as costas do Yoshi. Se Yoshi é atingido por um inimigo ou um obstáculo, Baby Mario irá flutuar em uma bolha (soltará o seu choro agoniante e insuportável) e aparecerá um cronômetro que iniciará a contagem regressiva. Se o jogador não conseguir recuperar Baby Mario antes do contador chegar a zero, Baby Mario será levado por Koopas e o Yoshi vai perder uma vida. Yoshi pode recolher estrelas, que geralmente são encontradas nas Tulipas, para aumentar a quantidade de tempo no contador. No entanto, se Yoshi cai em um abismo, ficar esmagado, ou tocar em espinhos ou lava, ele perderá automaticamente uma vida. Diferentemente de Super Mario World, não há uma contagem regressiva para a conclusão da fase, com isso o jogador pode fazer as fases com calma (quando dá!) para assim descobrir lugares secretos e segredos das fases.


Clique para ver a imagem em tamanho original


No final das fases haverá uma roleta, e se você tiver sorte, conseguirá jogar um dos seis minigames do jogo onde você pode ganhar vidas ou itens especiais. Para poder ter a chance de ganhar, você precisa coletar as Flores durante a fase. Cada fase possui 5 flores espalhadas, e quanto mais flores coletar, mais chances você tem de ganhar. Os minigames variam entre caça níqueis, roletas, jogo da memória entre outros. Era uma delícia jogar esses minigames e uma delícia maior ainda ganhar recompensas nele, até porque o jogo tem uma dificuldade um pouco elevada e cada vida ou item eram importantes.


Clique para ver a imagem em tamanho original


Como se isso tudo fosse pouco, o jogo ainda conta com mini batalhas que podem ser jogados em vários níveis. São 4 tipos de mini batalhas no total, e podiam ser jogadas quando o Yoshi encontrava uma chave secreta. Tinha mini games de estourar balões, arremessar bolas contra o inimigo, guerra de caroço de melancia e de caçar moedas rapidamente. Todos muito divertidos e que te davam itens especiais.


Clique para ver a imagem em tamanho original


Sem sombra de dúvida, Super Mario World 2: Yoshi's Island tem a gameplay mais diversificada dos Mario's 2D. Aqui você pode andar sobre pedras rolantes, pular em plataformas, subir em plantas, quebrar pedras, planar em bexigas, se transformar carros, helicópteros e submarinos, andar de ski, empurrar vasos de planta... São tantas possibilidades que se eu fosse descrever todas, acabaria escrevendo um livro sobre o jogo. Todo essa variedade deixa o gameplay muito contagiante e nada enjoativo, você sempre quer ver o que o Yoshi pode fazer ou se transformar na próxima fase. Também haverão momentos em que poderemos controlar o Baby Mario, coletando as Super Stars ele se transforma no Powerful Mario, podendo subir as paredes, passar por lugares estreitos e ficar imortal por um pequeno período de tempo. Não há o que discutir: Super Mario World 2 é o game 2D do Mario que te dá mais variedade de gameplay.


Clique para ver a imagem em tamanho original



UMA OBRA DE ARTE EM FORMA DE JOGO


Da arte na capa do cartucho, passando pela linda introdução até as primeiras imagens do jogo, o que mais me chamou a atenção em Yoshi's Island são seus visuais. Para se ter uma ideia, os cenários e personagens do jogo foram todos desenhados e pintados à mão e escaneados para só depois serem aproximados pixel por pixel. Beneficiado pelo chip Super FX, Shigeru Miyamoto e seu time apostaram criaram um jogo com aparência inigualável na época. E ouso dizer que até hoje. O poder do chip Super FX otimizou o processamento do jogo garantindo a inserção de diversos planos de fundo, dando a incrível sensação de profundidade. Além disso, as técnicas utilizadas para rotação, zoom e perspectiva resultaram em efeitos belíssimos ao longo dos seis mundos. Uma obra prima. Cada detalhe nos cenários possui vida, gerando uma beleza artística sem precedentes no Super Nintendo. Cada textura, cor e objeto do cenário possuem cores e contornos fortes, lembrando um desenho feito com giz de cera. Se os desenhos não fossem tão precisos, dava até para arriscar que teria sido feito por uma criança. Tudo nele é belo e cativante, e é por isso que até hoje não me esqueci desse jogo. Preciso nem falar da trilha sonora. Ela tem um estilo infantil, mas encanta até mesmo os adultos. Até hoje, no alto dos meus 28 anos me sinto embasbacado com ela. A música fica alternando entre momentos calmos, frenéticos e aterrorizantes sempre tocando do jeito certo no momento certo. A Nintendo sabe o que faz.


Clique para ver a imagem em tamanho original


YOSHIS


São oito no total. Apenas diferenciam-se pela cor, mas possuem as mesmas habilidades. O jogo possui 6 mundos, e cada mundo possui 8 fases sendo que cada uma delas você joga com um Yoshi de cor diferente. A ordem é sempre esta:

  1. 1° fase: Yoshi Verde
  2. 2º fase: Yoshi Rosa
  3. 3º fase: Yoshi Azul Claro
  4. 4º fase: Yoshi Amarelo
  5. 5º fase: Yoshi Roxo
  6. 6º fase: Yoshi Marrom
  7. 7º fase: Yoshi Vermelho
  8. 8º fase: Yoshi Azul Escuro



Clique para ver a imagem em tamanho original


Os mundos possuem chefes e sub-chefes. A quarta fase é onde fica o sub-chefe, no qual o Yoshi amarelo sempre acaba o enfrentando. A oitava é a do chefe, onde o Yoshi azul escuro sempre é o que fica com a ingrata tarefa de combater o chefe do mundo, com exceção do boss final, que para a surpresa de zero pessoas, é o Bowser, no qual jogamos com o Yoshi verde. Os chefes são outro grande destaque do jogo e falarei deles mais na frente.


Clique para ver a imagem em tamanho original



INIMIGOS


Os inimigos apesar de serem fofinhos, são bem casca grossa e chatos em alguns momentos. A variedade de inimigos é grande e isso faz com que o jogador tenha que aprender e memorizar vários macetes para derrotar todos eles. Os clássicos Koopa, Shy Guy e Chain Chomp estão presentes. Na jornada, terás de enfrentar caranguejos, flores raivosas, fantasmas, cactos, ondas gigantes, pássaros, ladrões ávidos para tomarem Mario de você, pinguins e até caveiras. A criatividade com que os inimigos foram criados assusta. Fiquei várias vezes parado só olhando a movimentação deles, que quase sempre é engraçada e divertida. O capricho, as cores utilizadas... É algo que o Shigeru Miyamoto sabe fazer bem.


Clique para ver a imagem em tamanho original



CHEFES E SUB-CHEFES


Como falei anteriormente, os chefes são um dos grandes destaques do jogo. Os bosses são inimigos comuns (ou não) do jogo que são aumentados graças à magia de Kamek. Eles crescem absurdamente e ficam altamente desafiadores. Cada chefe tem diferentes formas de se derrotá-lo. Nesse jogo, você não os derrota simplesmente com pulos na cabeça. Fiz um pequeno infográfico falando sobre eles logo abaixo. Eles estão em ordem de mundos e lembrando que o sub-chefe vem primeiro que o chefe.


Clique para ver a imagem em tamanho original



Pois bem, pessoal, termino por aqui. O artigo deu trabalho mas me sinto satisfeito com o resultado final. Espero que minha missão tenha sido cumprida ao tentar trazer boas lembranças aos que jogaram essa obra prima, e despertar a curiosidade daqueles que não jogaram, fazendo-os darem uma chance ao game. Espero que tenham gostado, não esqueçam de deixar suas opiniões nos comentários e falem sobre a sua experiência com Super Mario World 2: Yoshi's Island. Até a próxima!
renatito91
Enviado por renatito91
Membro desde
28 anos
label
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no CANAL, Facebook, Twitter, e na nossa curadorida da Steam.