.

Diretor de design do multiplayer de Modern Warfare está sendo ameaçado

Enviado por Catos, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original


Para muitos, a vida de uma pessoa que trabalha a desenvolver jogos poderá soar como um sonho, no entanto, existe um lado sombrio que exerce cada vez maior pressão sobre os trabalhadores que criam os mais populares jogos.

Call of Duty: Modern Warfare da Infinity Ward e da Activision é um dos maiores e mais populares lançamentos deste ano, algo que certamente deixa contente quem trabalhou no jogo, mas com a fama chegam algumas complicações. Alguns jogadores parecem sentir que se pagaram pelo jogo, passam a ter o direito de dizer o que quiserem.

Que o diga a Infinity Ward, que tem passado por alguns maus bocados ao lidar com a comunidade de Call of Duty: Modern Warfare.

Depois de Taylor Kurosaki ter passado por um mau bocado na fase pré-lançamento, devido à exclusividade do PS4 do modo Survival em Spec Ops, é agora Joe Cecot a manifestar-se sobre as mensagens de ódio que recebeu após o jogo chegar às lojas.

Cecot é um dos diretores de design no multiplayer de Call of Duty: Modern Warfare e um dos membros da Infinity Ward que mais comunicava com os fãs no reddit, no entanto, tal como a maioria da equipw, decidiram parar com as comunicações e agora sabemos porquê.

Segundo compartilhado por Cecot no reddit (obrigado Gamerant), Cecot já recebeu inúmeras mensagens de ódio que ficou desgastado, especialmente com as ameaças ao filhos.


"Pode ser duro," diz Cecot em reação a uma mensagem positiva compartilhada no reddit.



"Preferia menos mensagens privadas sobre os meus filhos sofrerem mortes horríveis. Vou passar menos tempo aqui. Obrigado pelos obrigados. Continuamos a trabalhar incrivelmente muito."


O caso da Infinity Ward com Call of Duty: Modern Warfare está longe de ser único e ao longo dos últimos anos tivemos diversos jogos que, por alguma razão, não cumpriram com as expectativas e as equipas receberam mensagens de ódio e ameaças.

Este é um lado revelado por alguns jogadores que não poupam nas suas críticas e não parecem ter controlo sobre o que dizem. Por mais descontentes que esteja com o ajuste feito a uma funcionalidade gameplay ou a uma arma, nada lhes dá o direito de ameaçar a família de um funcionário, que de forma alguma desenvolveu o jogo sozinho.
Catos
Enviado por Catos
Membro desde
28 anos, Goiânia
label