.

Teste no AnTuTu mostra que Galaxy S6 e S6 edge são os mais poderosos

Enviado por Anônimo, , 918 visualizações, 0 comentários
[img]hide:aHR0cDovL2kyLnR1ZG9jZG4ubmV0L2ltZy90eXBlMjgvd2lkdGg2NDYvaGVpZ2h0Mjg0L2lkMTI0NDk0LmpwZw==[/img]
Já era de se esperar que os mais recentes flagships da Samsung fossem concorrentes incrivelmente fortes para outros dispositivos do mercado. Assim sendo, Galaxy S6 e Galaxy S6 edge, que já estão disponíveis para os usuários, passaram por testes bem satisfatórios no AnTuTu contra outros smartphones de outras marcas. Este é o relatório mais recente de um teste feito com ambos os aparelhos, e ele revela que, na verdade, eles são os dispositivos mais poderosos da atualidade.

O AnTuTu publicou uma lista com os smartphones mais poderosos da plataforma Android, que foram testados em seu site que já é referência popular. Foram utilizados aparelhos lançados em 2015, incluindo o HTC One M9. E embora este também seja um modelo relativamente popular e um forte concorrente, os aparelhos da Samsung ficaram confortavelmente no topo após os testes.

Os dados foram recolhidos através de usuários dos dois modelos que já testaram ambos no aplicativo de benchmark do AnTuTu ao longo dos últimos seis meses. Em primeiro lugar, o Galaxy S6 ficou à frente de todos os outros modelos com 67.520 pontos, seguido pelo seu irmão "gêmeo", o S6 edge, que obteve 63.910 pontos. Não é uma diferença incrivelmente grande e nem algo que os usuários comuns possam se incomodar, mas algumas pessoas realmente se importam com este tipo de diferença.

Em terceiro lugar, o Xiaomi Mi Note se destaca dentre os outros modelos com 57.163 pontos. A disputa entre as duas últimas posições do ranking é um tanto quanto acirrada. Em nono lugar temos o Galaxy S5 com 49.402 pontos, seguido pelo Motorola Nexus 6, que obteve 49.145 pontos nos testes. O HTC One M9 ficou em sexto lugar com 52.709 pontos ao fim dos testes.

Estas pontuações de desempenho foram recolhidas com base na média de resultados de benchmark feito por próprios usuários destes dispositivos utilizando o AnTuTu, num período entre 1 de janeiro e 1 de julho. O AnTuTu esclareceu em seu site que não considerou os falsos resultados manipulados pelos usuários para obterem uma pontuação mais elevada.
label