.

Crossfire e SLI

Enviado por Jenner, , 0 visualização, 0 comentários
Em 2004, a NVIDIA reviveu a antiga idéia de termos duas placas de vídeo dentro de um mesmo sistema; desde o lançamento da tecnologia SLI (Scalable Link Interface) para placas de vídeo PCI-Express houve um grande interesse da comunidade de GameViciados em aumentar o desempenho dos jogos. A ATI responde na mesma moeda, e talvez até mais, com a criação da plataforma CrossFire para PCI-Express.

O CrossFire é muito interessante por vários motivos. Hoje é considerada a melhor opção em termos de tecnologia de duas GPUs (Unidades Processadoras Gráficas). O CrossFire da ATI é semelhante ao SLI da NVIDIA em três pontos: 1) Você precisa ter duas placas de vídeo (isso é óbvio); 2) Você precisa conectar essas placas para funcionarem como uma só; e 3) Ã preciso que tenha um chipset específico na placa-mãe para que o CrossFire funcione (no caso da ATI é o Xpress 200). O chipset Xpress 200 existe em versãoes para Intel e AMD.

O principal detalhe que diferencia as duas é que no CrossFire as placas de vídeo não precisam ser idênticas (mesmo modelo, fabricante, memória, etc.). A placa de vídeo principal (ou "master") CrossFire é a X800, X850, X1300, X1600, X1800 ou X1900 (necessariamente de edição CrossFire) e a segunda é qualquer uma outra placa de vídeo da mesma série. As placas de vídeo edição CrossFire têm um chip que possibilita adquirir informações da placa de vídeo secundária (ou "slave") e combinar os dados de imagem com os da placa de vídeo principal. A transferência de dados entre ambas é feita por cabos DVI especiais que vão da secundária até a principal.

Atualmente, para que um sistema SLI da NVIDIA funcione, é preciso que ambas placas de vídeo sejam idênticas, inclusive com o mesmo BIOS. Se existir o menor tipo de variação, os problemas começarão a acontecer e o SLI não vai funcionar. Essa é a grave limitação do SLI. Com o CrossFire, usuário de placas de vídeo da série X8xx da ATI podem fazer um "upgrade" com outra placa semelhante de edição CrossFire, de qualquer marca, BIOS ou quantidade de memória; elas só precisam ser "parecidas".

Veja a tabela abaixo para entender melhor:

Placa de Vídeo Edição CrossFire (* funciona com):
-------------------------------------------------

RADEON X850 CrossFire Edition:

* RADEON X850 XT Platinum * RADEON X850 XT * RADEON X850 PRO -------------------------------------------------

RADEON X800 CrossFire Edition:

* RADEON X800 XT Platinum * RADEON X800 XT * RADEON X800 XL * RADEON X800 PRO * RADEON X800 -------------------------------------------------

RADEON X1300 CrosFire Edition:

* RADEON X1300
-------------------------------------------------

RADEON X1600 CrosFire Edition:

* RADEON X1600
-------------------------------------------------

RADEON X1800 CrosFire Edition:

* RADEON X1800
-------------------------------------------------

RADEON X1900 CrosFire Edition:

* RADEON X1900
-------------------------------------------------

Finalmente, sem um driver adequado não há como fazer funcionar essa tecnologia de ponta. O driver Catalyst da ATI arrasa qualquer driver concorrente em funcionalidade, estética e o principal... ao contrário do driver da NVIDIA, não é preciso reiniciar a máquina para que o CrossFire seja ligado ou desligado! Ã só dar um clique com o mouse e pronto, tudo fica como desejado.

O inconveniente atualmente, além da necessidade de fonte com pelo menos 500 W ou mais e saída de 12V com 20A ou mais, é o preço, mas assim que a tecnologia se solidifica ele vai abaixar e muitos poderão num futuro próximo desfrutar desse presente que a ATI desenvolveu para os GameViciados. E ainda não terminuo, está chegando o CrossFire Multi-GPU, onde mais de duas placas de vídeo serão ligadas para fornecer o que há de melhor em termos de qualidade de imagem e desempenho, mas isso é assunto para outra matéria.

Fonte: Tom's Hardware ([url]hide:aHR0cDovL3d3dy50b21zaGFyZHdhcmUuY29t[/url]) e ATI ([url]hide:aHR0cDovL3d3dy5hdGkuY29t[/url])
Jenner
Enviado por Jenner
Membro desde
label