Nintendo derruba várias versões do Yuzu no GitHub

Nintendo derruba várias versões do Yuzu no GitHub

Empresa japonesa entrou com pedido de direitos autorais contra o site.
#Games Publicado por Vinicius, em

Yuzu era o emulador de Nintendo Switch mais popular do mercado, até a Nintendo entrar com uma ação contra os criadores, os forçando a desistir do projeto e pagar uma soma considerável para a empresa japonesa.

Após o fim do Yuzu, alguns jogadores decidiram dar continuidade ao projeto por conta própria, mas parece que a Nintendo também está indo atrás deles. Agora a empresa entrou com um pedido para remoção de diversas dessas versões.

Leia Também:

  1. Batman: Arkham Shadow é anunciado oficialmente
  2. Baldurs Gate III é o jogo do ano pelo The Game Awards 2023

Conforme revelado pelo GitHub, uma plataforma focada na hospedagem de código-fonte, a Nintendo entrou com um pedido de DMCA por quebra de direitos autorais contra diversos repositórios do site.

No pedido entrado pela Nintendo, ela afirma que o GitHub estaria hospedando diversos repositórios que possuem conteúdo infringindo direitos autorais, fazendo com que o site derrubasse mais de 8,535 repositórios em sua rede, incluindo diversas repostagens do emulador e versões famosas como o 'pineappleEA'.

De acordo com a Nintendo, tais repositórios trazem o código do Yuzu, o qual foi projetado com o intuito de contornar ilegalmente a proteção dos seus jogos com chaves descriptografadas.

Os repositórios relatados oferecem acesso ao emulador yuzu ou código baseado no emulador yuzu. O emulador yuzu foi projetado principalmente para jogar jogos Nintendo Switch. Especificamente, o yuzu contorna ilegalmente as medidas de proteção tecnológica da Nintendo e executa cópias ilegais de jogos de Nintendo Switch. Os jogos Nintendo Switch são criptografados usando chaves criptográficas proprietárias (prod.keys) que protegem contra acesso não autorizado e cópia de jogos protegidos por direitos autorais.

Durante a operação, o yuzu necessariamente usa cópias não autorizadas dessas chaves criptográficas para descriptografar cópias não autorizadas de jogos de Nintendo Switch, ou ROMs, durante ou imediatamente antes do tempo de execução, sem a autorização da Nintendo. Assim, o yuzu é projetado principalmente para “contornar” ilegalmente uma medida tecnológica que efetivamente controla o acesso a uma obra protegida pela “DMCA”.

Parece que a Nintendo se mantém firme em sua batalha contra o Yuzu. Com o novo console da empresa supostamente preparado para chegar muito em breve, a Nintendo está tomando todas as medidas contra emuladores.

Em sua ação contra os criadores do emulador, a Nintendo alegava que jogos como The Legend of Zelda: Tears of the Kingdom eram distribuídos ilegalmente mais de uma semana antes do seu lançamento.

Fonte: Github
Vinicius
Vinicius #VSDias55
Equipe do Site, Florianópolis
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.