Publicado por Catos, em .
Clique para ver a imagem em tamanho original


A Microsoft confirmou nesta segunda-feira (04) que oferecerá capacidades de computação quântica através de sua plataforma de nuvem Azure (via Wired).

A companhia é mais uma das gigantes de tecnologia que têm investido na computação quântica como uma alternativa para o processamento massivo de dados – ainda que a tecnologia ainda esteja dando seus primeiros passos em termos de aplicações práticas.

Apelidado de Azure Quantum, a divisão de computação quântica oferecerá os serviços através de três computadores quânticos experimentais, criados em parceria entre a Honeywell e duas startups do setor, IonQ e QCI. Os serviços, no entanto, estarão disponíveis apenas para parceiros selecionados.

Na estrutura que será oferecida através da Azure permitirá que empresas executem códigos quânticos em ambientes simulados ou em hardware quântico real.

A oferta da Azure Quantum e similar aos serviços já oferecido pela IBM, que desde 2016 permite acesso gratuito e pago a protótipos de computadores quânticos. Outro player importante do setor, o Google, que anúnciou ter atingido a supremacia quântica na semana passada, também passará a oferecer acesso remoto para parceiros "em breve".
Catos
Catos
Colaborador do site, 29 anos, Goiânia
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.