Yves Guillemot, CEO da Ubisoft, pede desculpas aos funcionários por declarações recentes

Yves Guillemot, CEO da Ubisoft, pede desculpas aos funcionários por declarações recentes

Ele também permaneceu vago sobre potenciais demissões.
#Games Publicado por coca, em

A situação atual envolvendo a Ubisoft é um completo desastre, a desenvolvedora vem enfrentando sérios problemas e seus principais jogos lançados recentemente que são considerados fracassos em vendas.

E para piorar a situação, a desenvolvedora já cancelou diversos projetos que nem mesmo tinham sido divulgados para o público e adiou novamente Skull and Bones, que está em desenvolvimento há anos.

Leia Também:

  1. Dead Space Remake | Desenvolvedor diz que tem medo de jogar o jogo de noite com fones de ouvido
  2. Forspoken tem sua primeira hora vazada

Recentemente, o CEO da Ubisoft, Yves Guillemot, enviou um e-mail aos seus funcionários pedindo que eles se esforçassem mais e tomassem cuidado com os seus gastos com os atuais projetos ainda em desenvolvimento, e isso pegou super mal, resultando em greve que deve começar no dia (27) de Janeiro.

Após toda essa polêmica que pegou super mal, Yves Guillemot decidiu pedir desculpas para todos os funcionários da Ubisoft. "Ouvi seus comentários e lamento que essas frases tenham sido interpretadas dessa maneira", disse Yves Guillemot aos membros equipe da Ubisoft durante uma reunião interna.

IMAGEaHR0cHM6Ly9zdGF0aWMuZ2FtZXZpY2lvLmNvbS9pbWFnZW5zX3VwL2JpZy84NS8wODQzNTUuanBn

"Quando eu disse que cabe a você garantir que nossos jogos cheguem no prazo e com a qualidade que você espera, quis dizer que nunca precisei do seu talento e energia antes para fazer isso acontecer. Fazemos parte de uma jornada coletiva que, claro, começa comigo e com a gerência para criar as condições para que todos possamos ter sucesso juntos."

Alguns funcionários ficaram satisfeitos com a explicação dada, mas outros ainda acham que a administração não entende suas preocupações e não se sentiram tranquilizados com a reunião. A reunião de uma hora foi cheia de termos técnicos e jargões de negócios, mas pouco específica.

Yves Guillemot também permaneceu vago sobre potenciais demissões. "Não se trata de fazer mais com menos, mas de encontrar maneiras de fazer as coisas de maneira diferente em toda a empresa”, disse Guillemot.

coca
coca

Me segue lá no Twitter.

Equipe do Site, Narnia do oeste ao lado sul do norte meio oeste
Publicações em Destaque
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por VSDias55,