Microsoft afirma que Sony possui melhores exclusivos

Microsoft afirma que Sony possui melhores exclusivos

Para Microsoft, jogadores de Call of Duty não possuem nada de especiais.
#Games Publicado por Vinicius, em

A aquisição da Activision Blizzard pela Microsoft tem dado o que falar. Enquanto essa fusão vem sendo analisada pelos principais órgãos reguladores de cada país, a Sony tem feito de tudo para que seja barrado, já que não deseja perder Call of Duty em seus consoles.

Enquanto a Sony vem martelando a importância de Call of Duty dentro da indústria, a Microsoft vem fazendo o contrário, tentando minimizar essa importância e colocar os exclusivos da Sony em um patamar mais alto.

Leia Também:

  1. Acordo da Activision com o Xbox pode prejudicar os desenvolvedores e aumentar os preços dos jogos, afirma Sony
  2. Microsoft sugere que Starfield não chama muita atenção dos jogadores e por isso será exclusivo

Em uma recente resposta para a CMA, órgão regulador do Reino Unido, a Microsoft afirmou como a Sony possui mais exclusivos e muitos dos quais são de melhor qualidade que os seus.

A Sony tem mais jogos exclusivos do que a Microsoft, muitos dos quais são de melhores qualidade.

Estratégias de exclusividade não são incomuns na indústria de jogos e outros participantes do mercado têm acesso ao seu próprio conteúdo. Exclusivo da Sony e da Nintendo estão entre os mais vendidos na Europa e no mundo. O conteúdo exclusivo atual da Sony inclui títulos originais proeminentes, como The Last of Us, Ghost of Tsushima, God of War e Spider-Man. Além de ter conteúdo exclusivo, a Sony também fez acordos com editoras terceirizadas que exigem a “exclusão” do Xbox.

Já quanto a Call of Duty, a Microsoft afirma que os jogadores da franquia não possuem nada de especial, jogando e gastando tanto quanto os jogadores de séries como Fortnite, GTA V e FIFA.

Os jogadores de Call of Duty não são "especiais" nem "únicos" em termos de seus gastos ou envolvimento do usuário em comparação com jogadores que favorecem outras franquias populares.

Call of Duty não move as vendas no PlayStation e responde por apenas [x]% das receitas digitais da Sony em todo o mundo. Em 2022, os jogadores de Call of Duty gastaram basicamente o mesmo tempo no Xbox que os jogadores de FIFA, Fortnite, Grand Theft Auto, Minecraft, NBK 2K e Rocket League. Importante, eles também passaram aproximadamente a mesma quantidade de tempo jogando outras franquias. Isso é inconsistente com Call of Duty ter uma maior capacidade de levar ao consumo de conteúdo não relacionado a Call of Duty em consoles do que outras franquias.

Parece que essa disputa entre Microsoft e Sony acabou se tornando um jogo onde uma tenta alavancar a imagem da outra perante os órgãos reguladores.

Fonte: Vg247
Vinicius
Vinicius #VSDias55

Me segue lá no Twitter:

Vinicius__SD

Equipe do Site, Florianópolis
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.
Publicações em Destaque