Análise | Thymesia

Análise | Thymesia

Um novo Soulslike que mostra potencial.
#Análises Publicado por MarK, em

Desde a sétima geração, com a criação da franquia Souls, a FromSoftware tem sido inspiração para os mais diversos jogos, tendo basicamente criado um gênero próprio. O mais recente Soulslike agora acaba de chegar ao mercado: Thymesia.

Enquanto muitas desenvolvedoras buscam se inspirar em Dark Souls, a OverBorder Studio foi atrás de Bloodborne. Com um combate rápido, duelos desafiadores e uma atmosfera sombria e gótica.

Como todo Soulslike que se preze, Thymesia joga o jogador dentro de um mundo misterioso, sem ideia do que está acontecendo. O mundo de Hermes foi afetado por uma misteriosa praga, a qual quase exterminou a humanidade.

Corvus, o protagonista, é o único que pode salvar Hermes, mas para isso ele terá que explorar o mundo atrás dos fragmentos de suas memórias que ele espalhou por diversos locais diferentes.

IMAGEaHR0cHM6Ly9zdGF0aWMuZ2FtZXZpY2lvLmNvbS9pbWFnZW5zX3VwL2JpZy83OS8wNzgyNTQuanBn

O grande destaque do jogo fica para seu combate. O foco aqui é uma esquiva rápida e constante aparos, sendo quase uma junção do que vimos a FromSoftware aplicar em Bloodborne e Sekiro.

Seu gameplay não é só divertido, mas também extremamente responsivo, criando uma ótima dinâmica de combate. Assim como em Sekiro, você precisa achar o timing certo de cada aparo, sempre recompensando aqueles que esperam a abertura certa para atacar.

Embora certas vezes você se veja cercado por mais de um inimigo, o foco de Thymesia costuma ser em duelos 1 vs 1, o que traz uma sensação pessoal a cada combate e uma satisfação em cada vitória.

Para tentar se diferenciar de seus companheiros de gênero, Thymesia tenta trazer uma mecânica diferente para a vida dos inimigos. Em vez de uma única barra de vida comum, seus oponentes possuem a barra de vida e uma barra de ferimentos.

Ataques com sua espada diminuem a barra de ferimentos, mas ela constantemente se regenera até onde a barra de vida se encontra graças a praga que infecta os inimigos. Para causar dano real, você precisa usar as habilidades especiais de Corvus com sua garra. Ao conseguir diminuir as duas barras, você deixa os inimigos desorientados, prontos para receberem uma finalização.

É dessa mecânica que nasce toda a proposta do jogo. Você estará constantemente atacando os inimigos com sua espada e contra-atacando, esperando uma abertura para usar suas garras e causar dano real. Isso torna o combate muito mais estratégico, fazendo você sempre pensar na combinação de movimentos que irá usar, especialmente durante os chefes.

Por falar em chefes, eles são um dos grandes destaques do jogo. Além de apresentarem visuais interessantes na maior parte do tempo, eles ainda sempre trazem uma forma de desafio diferente, forçando você a fazer uso de cada uma das mecânicas que o jogo tem a oferecer.

Outra mecânica interessante que o jogo traz é a possibilidade de transformar a praga dos inimigos em arma. Com um ataque carregado você pode roubar a arma, o que muda drasticamente o balanço do combate.

IMAGEaHR0cHM6Ly9zdGF0aWMuZ2FtZXZpY2lvLmNvbS9pbWFnZW5zX3VwL2JpZy83OS8wNzgyNTUuanBn

Essas armas quando roubadas possuem um uso único, liberando um ataque especial. No entanto, ao conseguir itens, você pode desbloqueá-las nos pontos de salvamento, permitindo que use-as por mais tempo. Isso traz uma boa variedade boa ao combate.

Para aqueles que gostam de criar sua própria build, Thymesia também possui uma grande variedade de habilidades. O jogo ainda possui um alto nível de customização, permitindo que você reinicie a árvore de habilidade sempre que desejar, podendo se adaptar a qualquer situação.

Infelizmente algo que prejudica Thymesia é sua falta de variedade tratando-se dos inimigos. Enquanto os jogos da FromSoftware apresentam uma grande variedade de designs diferentes, aqui muitas das áreas novas que você entra acaba se deparando diversas vezes com o mesmo inimigo, o que acaba diluindo a experiência.

Outro ponto que o jogo acaba deixando a desejar é em sua história. Ele segue o mesmo padrão da série Souls, onde deixa os jogadores descobrirem a história por conta própria, mas infelizmente a desenvolvedora não teve a mesma maestria, resultando em uma narrativa rasa e extremamente confusa, tirando grande peso da escolha final que o jogo propõe.

Conclusão

Thymesia é um excelente começo no gênero Soulslike pela OverBorder Studio, entregando um combate rápido e satisfatório, com mecânicas únicas e interessantes. Suas batalhas com chefes também impressionam.

Infelizmente o jogo é prejudicado por uma falta de variedade nos inimigos e uma história pouco clara para aqueles que desejarem se aventurar atrás do que a lore desse mundo tem a oferecer.

Esse é um jogo que os fãs do gênero não deveriam deixar passar e certamente possui grande espaço para melhorias no futuro, se tornando uma franquia promissora.

8.0
thumb_up
Nota
Um combate divertido e mecânicas interessantes, prejudicados pela falta de variedade.
Prós
  1. Combate dinâmico e divertido
  2. Lutas contra chefes interessantes
  3. Mecânica de vida criativa
  4. Alto nível de personalização de habilidades
Contras
  1. Falta de variedade nos inimigos
  2. História mal explorada
MarK
MarK #mark

Só mais um entre tantos!

Gosto de compartilhar algumas coisas interessantes.

Usuário do Site
Publicações em Destaque