Para o produtor, nova geração trouxe poucas inovações.
Publicado por Vinicius, em .
Ano passado, Atsushi Inaba, produtor na Platinum Games, afirmou que não estava nada empolgado com a nova geração de consoles, dizendo que era "mais do mesmo". Por causa disso, o desenvolvedor recebeu diversas críticas. Agora, em uma entrevista com o site VideoGamesChronicle, ele explicou um pouco essa sua afirmação.

Embora alguns na época possam ter achado ele um tanto quanto esnobe pelo seu comentário, ele afirma que quando comparado aos saltos gráficos anteriores, essa nova geração não surpreende tanto.

Senti que, quando dei essa resposta, houve algumas críticas online por me acharem esnobe ou algo assim! O que eu estava tentando dizer era... Eu joguei Final Fantasy VII Remake recentemente e, obviamente, muita coisa mudou desde o jogo original, especialmente com as melhorias gráficas. Sempre fico feliz em ver essas desenvolvedoras que estão se esforçando para trazer visuais melhores e aprimoramentos tecnológicos, e fico feliz por podermos fazer mais com cada console.

Mas a comparação que eu estou fazendo é que... se você pensar na geração entre Super Nintendo e PlayStation e como passamos do pixel art para os polígonos 3D... ninguém jamais poderia imaginar isso alguns anos antes. Quando essas coisas começaram a surgir, as pessoas ficaram impressionadas: elas não estavam prontas para isso, não estavam antecipando isso... era algo totalmente novo.

Enquanto eu sinto que os anúncios que tivemos para as próximas gerações de consoles, embora sejam bons e interessantes, e é claro que estou feliz por nós como desenvolvedores em ter uma tecnologia melhor para trabalhar... ainda assim é um futuro "perceptível". Não há uma grande surpresa ou qualidade inesperada igual senti no salto dos consoles anteriores. Agora, vejo os anúncios e penso: "Ah, isso é legal" e no minuto seguinte, penso: "Hmmm... o que devo assistir na Netflix hoje à noite?"

No entanto, para o produtor, um ótimo exemplo de inovação nos últimos anos é o Nintendo Switch, o qual quebrou a barreira entre consoles e portátil.

Mas essa é apenas a minha opinião pessoal. Como uma indústria, tudo é muito promissor e não quero ser visto como alguém negativo. Mas, para dar outro exemplo do meu ponto de vista, o Nintendo Switch foi muito inovador na maneira como foi capaz de pegar um console doméstico e transformá-lo em portátil. É algo que você nunca viu muitas pessoas fazendo antes: ele pegou esse muro, que talvez muita gente nem sabia que existia, e o quebrou.

O Switch abriu todas essas novas possibilidades. Eu acho que o Game Boy e o DS também fizeram isso: houve muitas surpresas neles. Se você comparar isso com quando está simplesmente vendo melhorias gráficas ou apenas algo "mais rápido e maior"... obviamente é bom, mas não tem a mesma qualidade inovadora que realmente me surpreendeu como os consoles anteriores.

Acho que ainda não vimos tudo dessa próxima geração, e ainda é muito provável que possa haver uma qualidade assim nesses consoles que irá mudar as coisas, que mudará a forma como os jogos podem ser jogados. E se for esse o caso, talvez eles me surpreendam. Portanto, não quero soar como "ei, eu sei tudo sobre os novos consoles e eles são chatos". Mas com as informações que tenho até agora, não vi surpresas muito grandes.

A Platinum Games está atualmente trabalhando em Project G.G., Bayonetta 3 e Babylon's Fall, além de ter participado do desenvolvimento de Granblue Fantasy: Relink.
VSDias55
Vinicius #VSDias55
Jogando
Persona 5 Royal / Doom

Lendo
Spiral de Kōji Suzuki
Moderador do Site, 27 anos, Florianópolis
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.