Publicado por VSDias55, em .
Clique para ver a imagem em tamanho original

O lançamento de Final Fantasy VII Remake está se aproximando, e a Square Enix continua a liberar informações sobre o jogo. Recentemente, eles lançaram no Twitter alguns clipes com o produtor Yoshinori Kitase, enquanto ele fala sobre o processo de criação por trás do jogo.

Em primeiro lugar, ele explicou como a equipe deu mais profundidade à história, incluindo detalhes de Crisis Core Final Fantasy VII. Um dos exemples é o Presidente Shinra afirmando que os heróis são aliados de Wutai.

Após o FFVII original, nós criamos o projeto "Compilation", contendo diversas continuações. E em Crisis Core FFVII, nós mostramos a guerra com Wutai. Então trabalhamos um pouco em cima da lore da Compilation para tornar a história de fundo de Avalanche mais realista. Este é um dos exemplos de como adicionamos profundidade para o remake.

No segundo clipe, Kitase explica em detalhes como os summons funcionam no jogo. É certamente muito diferente do que lembramos do Final Fantasy VII original, mas não deixa de ser tão emocionante quanto.

Nós mostramos uma cena onde Ifrit é summonado na TGS deste ano. O jogador equipa a materia de invocação, e essa materia ressoa ao enfrentar chefes ou certos inimigos poderosos, e quando condições especiais são cumpridas. Você pode selecionar o comando de "summon" enquanto a materia está ressoando, e um monstro invocado irá aparecer no campo de batalha.

Quando invocado, Ifrit irá permanecer no campo de batalha por um tempo específico, e irá lutar automaticamente. Então você estará controlando Cloud, mas Ifrit irá lutar ao seu lado por um tempo. Quando a barra ATB do jogar encher, você pode usá-la para executar uma das habilidades de Ifrit. Então os summons te dão uma chance de realizar alguns ataques extremamente poderosos, e lutar com um poderoso aliado ao enfrentar um chefe difícil.

Final Fantasy VII Remake será lançado para PS4 em 3 de março de 2020.
VSDias55
VSDias55
Colaborador do site, 27 anos, Florianópolis
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.