Microsoft diz que gostaria de acabar com exclusivos, mas não pode por causa da Sony

Microsoft diz que gostaria de acabar com exclusivos, mas não pode por causa da Sony

Sony teria criado um mercado que incentiva exclusivos nos consoles.
#Games Publicado por Vinicius, em

Exclusividade nos consoles já é algo que vem sendo feito há muitos anos. A Sony e Nintendo apostam forte nessa tática para atrair jogadores para suas respectivas plataformas, e embora a Microsoft faça o mesmo, parece que faz por falta de opção, de acordo com o CEO da empresa.

Durante a audiência do julgamento do FTC de hoje, 28 de Junho, o CEO da Microsoft, Satya Nadella, foi chamado para testemunhar. Entrando no assunto de exclusividades, ele comenta que não é a favor da prática.

Nadella diz que adoraria ver um mundo onde os exclusivos de console deixariam de existir, mas infelizmente não pode tomar essa iniciativa, culpando a Sony por ter criado um mercado que incentiva a exclusividade.

Leia Também:

  1. Sony acusa Microsoft de acordos exclusivos no Xbox Game Pass para impedir lançamentos em serviços concorrentes
  2. Em 2021, Call of Duty gerou uma receita de $1.5 bilhão de dólares para a Sony

Eu adoraria acabar com todas as exclusividades nos consoles, mas não cabe a mim definir isso. Especialmente como um jogador com pouca parcela no mercado de consoles, onde o jogador dominante [Sony] definiu a competição do mercado usando exclusivos. Eu não tenho paixão por esse mundo.

A Microsoft já afirmou diversas vezes no passado que franquias como Call of Duty não se tornariam exclusivas caso a aquisição da Activision Blizzard fosse aprovada. A empresa já demonstrou seu interesse em alcançar o máximo de jogadores, disponibilizando seus jogos através da nuvem.

Fonte: Theverge
Vinicius
Vinicius #VSDias55
Equipe do Site, Florianópolis
Publicações em Destaque
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por coca,
#Games, Por VSDias55,