Documentário discute o jogo mais controverso da Rockstar: Manhunt

Documentário discute o jogo mais controverso da Rockstar: Manhunt

O polêmico jogo de 2003 da Rockstar, Manhunt, recentemente comemorou seu aniversário
#Curiosidades Publicado por Bully Maguire, em

Em 19 de novembro de 2003, a Rockstar North lançou o jogo de terror de sobrevivência Manhunt, e um novo documentário foi lançado que discute um pouco da história do jogo, especialmente a controvérsia em torno dele. Hoje em dia, a Rockstar é considerada um dos maiores estúdios do setor, apesar da reação da mídia ao longo dos anos. A desenvolvedora lançou sucesso após sucesso, produzindo alguns dos jogos mais aclamados pela crítica a enfeitar um console ou PC, e a maioria conhece a empresa pela série GTA.

Claro, Grand Theft Auto é onde toda a controvérsia começou, desde a primeira entrada que saiu em 1997. O lançamento inaugural foi objeto de muito sensacionalismo, principalmente de não-jogadores preocupados e da imprensa sensacionalista, mas evidentemente não impediu que a série se tornasse uma das mais notáveis em todos os jogos. Não é apenas GTA, mas ainda menos conhecido, embora ainda muito elogiado, jogos como Bully foram objeto de intenso debate na mídia em torno do conceito de violência em videogames. Mas nenhuma das IPs da Rockstar chega perto da controvérsia que Manhunt deixou.

Em um novo documentário enviado ao YouTube, o canal GVMERS dá algumas dicas sobre a história deste jogo.

OEV6Z3FYRGx2OGc=

Manhunt

Para quem não sabe, Manhunt gira em torno de um prisioneiro no corredor da morte chamado James Earl Cash. Antes de sua execução, ele é libertado inesperadamente, mas com uma ressalva. Ele está sendo observado pelo Diretor, que está fazendo um filme 'snuff' (que mostram assassinatos reais) e deseja empregar Cash para se envolver em violência sádica contra outros bandidos. O jogo se concretizou depois que o co-fundador do estúdio, Sam Houser, expressou interesse em fazer um título de terror, mas sem zumbis, vampiros ou os tropos usuais.

O documentário descreve alguns dos problemas que as pessoas tiveram com o Manhunt. Além da violência gráfica, com influências de 'A Clockwork Orange', de Stanley Kubrick, anteriormente banido, o título da Rockstar também foi responsabilizado por um assassinato ocorrido em 2004 no Reino Unido.

IMAGEaHR0cHM6Ly8xLmJwLmJsb2dzcG90LmNvbS8teHExeS00YnNLeG8vWGtwM3NhRk5UMUkvQUFBQUFBQUFBUVkvenhxTEJvWlI3YmtabXRkdTNodWVGMGc4c3BtRnQ2c2xRQ0xjQkdBc1lIUS9zMTYwMC8zLmpwZw==

Embora tenha se tornado um dos videogames mais controversos de todos os tempos, concluiu-se que não havia evidências ligando o crime horrível ao Manhunt. Houve até uma sequência lançada em 2007, que também foi recebida com uma quantidade semelhante de ira do público.

No entanto, o tempo passou e a reputação da Rockstar está mais alta do que nunca. Com Grand Theft Auto 6 agora em desenvolvimento, a série evidentemente sobreviveu a qualquer reação da mídia, apesar das representações de violência e temas controversos. Embora um novo jogo do Manhunt ou talvez um remake seja improvável neste estágio, o documentário expressa a crença de que agora seria um bom momento para ver o retorno do jogo, especialmente porque a controvérsia não é algo que a indústria parece evitar atualmente.

Fonte: Gamerant
Bully Maguire
Bully Maguire #macmi

Ele é foda, ele toma leite e come biscoitos, uma fera enjaulada, uma máquina, ele é Bully Maguire.

Usuário do Site