Cerca de 500 funcionários da Ubisoft publicam carta para os executivos da empresa exigindo mudanças

Cerca de 500 funcionários da Ubisoft publicam carta para os executivos da empresa exigindo mudanças

Após o caso com a Activision Blizzard, os funcionários da Ubisoft pedem mudanças na empresa e outras editoras de jogos
#Games Publicado por Billy Butcher, em

Nessa última semana uma série de acontecimentos envolvendo a Activision Blizzard deu o que falar, e agora outra famosa editora que está sendo alvo dos mesmos problemas, a Ubisoft Entertainment, começou a receber o mesmo foco da mídia jornalística de videogames e dos próprios funcionários na qual ela possui.

Quase 500 funcionários atuais e ex-funcionários da Ubisoft estão se solidarizando com os desenvolvedores de jogos que protestam na Activision Blizzard com uma carta que critica a forma como sua empresa lida com a má conduta sexual.

Por que é importante: Os funcionários da Ubisoft e da Activision Blizzard estão enquadrando as ações como parte de um movimento maior que visa uma mudança duradoura na indústria e em sua cultura.

Na carta aberta compartilhada para os executivos, os organizadores da Ubisoft abordam diretamente os trabalhadores da Activision Blizzard, que devem encenar uma greve quarta-feira, em meio às consequências do processo da Califórnia contra a Activision Blizzard por assédio e discriminação na empresa.

"Acreditamos em você, estamos com você e o apoiamos", escrevem os funcionários da Ubisoft.

“Já não deveria ser uma surpresa para ninguém: funcionários, executivos, jornalistas ou fãs que sabem que esses atos hediondos estão acontecendo. É hora de parar de nos chocar. Devemos exigir que sejam tomadas medidas reais para evitá-los. Os responsáveis ​​devem ser responsabilizados por suas ações."

Os organizadores dizem que os signatários da carta vêm de 32 estúdios da Ubisoft na Ásia, Europa e América do Norte. Ele será enviado à administração da empresa, incluindo o CEO Yves Guillemot.

Os gestores da Ubisoft dizem a empresa está frustrada com as ações internas dos últimos anos, desde a cascata de relatos de assédio e abusos em 2019 e sobre má conduta sexual e condições tóxicas de trabalho em muitos estúdios em 2020.

“Nós ficamos parados e observamos enquanto você despedia apenas a maioria dos infratores públicos. Você deixava o resto renunciar ou pior, os promovia, os movia de estúdio em estúdio, equipe em equipe, dando a eles uma segunda chance após segunda chance sem repercussão. Este ciclo precisa parar."

Os trabalhadores pedem "um assento à mesa quando se trata de decidir como seguir em frente a partir daqui". A Ubisoft demitiu ou se separou no ano passado de vários seniores da empresa que foram acusados ​​de má conduta.

As autoridades apontaram a nomeação de novos executivos responsáveis ​​por iniciativas de diversidade e anti-assédio e a revisão e aplicação de seu código de conduta como ações concretas no ano passado. Mas os desenvolvedores da empresa disseram que não acham que a cultura da empresa mudou fundamentalmente.

O que eles estão dizendo:

"Queremos deixar bem claro que levamos esta carta, e as questões que ela levanta, muito a sério", disse um representante da Ubisoft para o coletivo da Axios.

A carta da Ubisoft propõe que a Ubisoft, a Activision Blizzard e outras editoras e desenvolvedores importantes da indústria de jogos eletrônicos trabalhem juntos para "definir regras e processos para lidar com relatórios dessas ofensas".

“Essa colaboração deve envolver fortemente os funcionários em cargos não administrativos e representantes sindicais. Isso é essencial para garantir que aqueles que são diretamente afetados por esses comportamentos estejam liderando a mudança."

Em sua própria declaração na quarta-feira, os funcionários da Activision Blizzard disseram que sua paralisação não foi um "evento único que nossos líderes possam ignorar". Em vez disso, eles o descreveram como "o início de um movimento duradouro em favor de melhores condições de trabalho para todos os desenvolvedores".

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.
Publicações em Destaque
#Games, Por ricklek550,
#Games, Por taffarelkupkovski,
#Games, Por Frocharocha,