Remake de Tony Hawks Pro Skater 3 pode estar em desenvolvimento na Activision

Remake de Tony Hawk's Pro Skater 3 pode estar em desenvolvimento na Activision

Porém a produção seria terceirizada por um estúdio menor, devido ao foco da empresa em Call of Duty
#Games Publicado por Billy Butcher, em

Uma das maiores surpresas da Summer Game Fest do ano passado foi o anúncio de Tony Hawk's Pro Skater 1 + 2, um retorno a série clássica de skate que inspirou um gênero inteiro de videogames de esportes radicais.

Quando foi relatado no início deste ano que a desenvolvedora Vicarious Visions foi absorvida pela Blizzard Entertainment durante o desenvolvimento de Diablo II: Resurrected, muitos fãs presumiram que o renascimento de Tony Hawk's teria vida curta.

Essa pode ter sido a suposição errada, já que a integrante da banda CKY Jess Margera pode ter confirmado um possível remake do Tony Hawk's Pro Skater 3.

O jogo original foi lançado pela primeira vez em 1999 para PlayStation, Nintendo 64, Game Boy Color e Sega Dreamcast. O jogo foi um grande sucesso, tornando-se um campeão de vendas para quase todos os consoles em que foi lançado e inspirando uma sequência no ano seguinte na forma de Tony Hawk's Pro Skater 2, que muitas vezes é considerado um dos melhores jogos sempre feito.

A desenvolvedora Vicarious Visions lançou um remake dos dois primeiros títulos Tony Hawk em setembro de 2020, que foi um sucesso de crítica e vendas.

Falando no podcast Behind Closed Doors, o membro da banda CKY Jess Margera afirmou que sua banda foi contatada sobre a inclusão de uma de suas canções em um jogo Tony Hawk que estava por vir. Além disso, ele afirmou que esta não seria a remasterização do Pro Skater 1 + 2.

A canção de CKY "96 Quite Bitter Beings" do álbum "Volume 1" foi notoriamente apresentada no Tony Hawk's Pro Skater 3 de 2001, e como os remakes dos primeiros dois jogos apresentavam a maioria das trilhas sonoras das versões originais, não seria muito muito longe de assumir que a Activision está preparando um remake da terceira e possivelmente quarta entrada, que pode ser lançada ainda este ano.

O único problema aqui é que a desenvolvedora Vicarious Visions foi recentemente absorvido pela Blizzard durante o desenvolvimento do próximo remake de Diablo 2, o que significa que é improvável que a mesma equipe que produziu o remake do ano passado retorne para este novo jogo Tony Hawk.

Isso é semelhante a como a Activision lidou com os remakes de Crash Bandicoot e Spyro, com a Vicarious Visions lidando com Crash Bandicoot N. Sane Trilogy de 2017 e a Toys For Bob lidando com a Trilogia Spyro Reignited.

A Beenox também foi o principal desenvolvedora de Crash Team Racing: Nitro-Fueled de 2019, enquanto Crash Bandicoot 4: It's About Time de 2020 foi gerenciado pela Toys For Bob, porém com suporte da Beenox e Activision Shanghai Studio.

Com a VV agora na Blizzard e os demais estúdios em Call of Duty, quem estaria fazendo o novo Tony Hawk's?

O que está sendo especulado é que a Activision terceirizou o projeto para ser um pouco menor, sendo feito por um estúdio independente, assim como em Tony Hawk's Pro Skater 5, cujo desenvolvimento foi feito pela Robomodo.

Fonte 1: Game Rant
Fonte 2: VGC
Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Publicações em Destaque