Activision Blizzard pretende cortar alguns ativos desnecessários, com demissões e vendas

Activision Blizzard pretende cortar alguns ativos desnecessários, com demissões e vendas

Sierra Entertainment e suas IPs podem estar sendo vendidas, enquanto operações da Blizzard no Brasil e América Latina serão reduzidas
#Games Publicado por Billy Butcher, em

Os cortes de custos parecem nunca ter fim para a Activision Blizzard, e agora chegou num novo estopim, no qual pode gerar a venda de uma das maiores divisões da empresa, que nos últimos anos está dormente, mas é bastante amada por muitos, a Sierra Entertainment.

Não só isso, mas os cortes também afetarão o Brasil e a América Latina como um todo, pois a empresa vai demitir vários funcionários da Blizzard Entertainment LA&BR. Isso é uma medida que vem seguida das recentes demissões de 120 funcionários em toda a empresa, onde funcionários da Infinity Ward, King, Toys for Bob e Treyarch foram afetados.

Conforme obtido primeiramente num relatório da Bloomberg e transmitido pela DDJ, a Blizzard Entertainment demitiu nesta semana quase todo o time responsável por Brasil e América Latina. Apenas o gerente de marketing da região permaneceu na empresa. De acordo com as fontes consultadas pelo site, a operação da Blizzard na região passou por uma reestruturação e alguns cargos em duplicidade com a Activision foram encerrados.

Quanto a venda de ativos desnecessários; em 2008, como lembramos, a Activision se fundiu com a Vivendi Games, dona da Blizzard Entertainment e Sierra Entertainment, o que gerou na criação do globo Activision Blizzard. O que aconteceu com a Sierra nessa fusão? Ela foi ''extinta.'' Suas IPs continuaram a existir e algumas ganharam novas versões, mas a empresa em si foi morta.

Em 2013 foi revivido o selo Sierra Entertainment, no qual voltou a publicar jogos das suas séries, como King's Quest, SWAT, Geometry Wars, Spyro: the Dragon, e Police Quest, mas lembramos que a empresa também é dona de outras milhares de séries, como Commanders, F.E.A.R., No One Lives Forever, World in Conflict, Outpost, EcoQuest, Phantasmagoria, NASCAR Sierra Racing, Playtoons, Caesar e Front Page.

A Activision Blizzard pode estar vendendo todo esse catálogo de IPs com a própria Sierra Entertainment junta no pacote, por um valor ainda não estipulado ou estimado, mas isso são planos que só podem surgir oficialmente no Q2 do FY 2021 da empresa. Essa medida seria para reduzir custos e operações desnecessárias, bem como esvaziar um pouco o lote da empresa com franquias na qual eles dizem que ''não são lucrativas o suficiente quanto Call of Duty.''

IMAGEaHR0cDovL3d3dy5nYW1lZHluYW1vLmNvbS9pbWFnZXMvZ2FsbGVyaWVzL3Bob3RvLzQwODgvc2llcnJhLWVudGVydGFpbm1lbnQtbG9nby0zMjMuanBn

IMAGEaHR0cHM6Ly93d3cuY2VudHJhbHhib3guY29tLmJyL3dwLWNvbnRlbnQvdXBsb2Fkcy8yMDE4LzEwL21heHJlc2RlZmF1bHQtMi5qcGc=

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro