Depois do Snyder Cut, agora vem ai o Ayer Cut... mas Warner não se pronunciou
Publicado por Allan Kardec, em .
Uma das lendas mais recentes do cinema, o Snyder Cut, finalmente ganhou carta branda da Warner para ser lançado. E pelo jeito atiçou o interesse de outros diretores.

Vamos entender o caso

Para quem não sabe, Snyder Cut, é a versão original do filme Liga da Justiça, feito pela visão do direto Zack Snyder. Detalhando melhor, durante as gravações do filme, o diretor estava a frente do projeto, mas diversos problemas na produção ocorreram, e ele acabou se afastando da produção após sérios problemas pessoais.

Acabou que o diretor Joss Whedon, assumiu o projeto e por ordem os executivos da Warner, muitas coisas (quase tudo) do que havia sido feito por Snyder foi modificado ou regravado. E o filme que chegou ao publico foi uma visão totalmente diferente do que o diretor havia planejado, que chegou a se negar a assistir a versão final dizendo que "aquilo não era o que ele fez".

Após o caso as especulações se iniciaram da existência de um outro filme totalmente diferente, o Snyder Cut, já que o diretor havia gravado praticamente tudo no filme, e esse material foi simplesmente descartado. Só foi agora, há algumas semanas que a Warner deu sinal verde para o diretor finalizar esse material e lançar no HBOMax, serviço de streaming da empresa.

Ayer Cut, o Esquadrão Suicidada que presta?

Apesar de não ter sido afastado e substituído do projeto, como foi o caso de Snyder, David Ayer, diretor do filme Esquadrão Suicida, já declarou inúmeras vezes nas redes sociais que o filme sofreu intervenção do estúdio e não chegou aos cinemas da forma como ele queria.

E agora após o anuncio do Snyder Cut, o diretor vem flertando com a Warner e respondendo aos fãs, revelando em uma das publicações que seu corte do filme existe, um Ayer Cut, e que precisaria apenas de ajustes nos efeitos visuais.


Claro que existe. E está quase completa, exceto por alguns efeitos visuais.

Esquadrão Suicida chegou aos cinemas em 2016, e arrecadou US$ 745 milhões ao redor do mundo, mas sofreu muitas críticas negativas, principalmente pelo marketing pesado sobre o personagem do Coringa (interpretado por Jared Leto) que mal apareceu no filme.

Também foram descobertos vários problemas na pós-produção, e além disso, o filme também teve a classificação etária diminuída de +18 para PG-13, o que deixa claro que o corte veio para aumentar o publico do filme, e também deixa claro que o diretor perdeu a autoridade em algum momento.

Mesmo assim, não dá para sabermos se o lançamento de uma versão Ayer Cut do filme será realmente lançada, já que a Warner não se pronunciou.
okardec
Allan Kardec #okardec
Analista e Administrador de Sistema vulgo Programador
Amante de artes, com gostos peculiares e até duvidosos!
Todo dia [ou quase] criando uma análise ou indicando um indie interessante ou desconhecido
Administrador do Site, 35 anos, Luziânia, GO, Brasil
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.