A Capcom está refazendo o jogo errado.
Publicado por MrCalazans, em .
Há quase um mês, fora visto o surgimento de vazamentos de várias fontes com credibilidade acerca de um remake de Resident Evil 4 estar em desenvolvimento. A M-Two, um estúdio apoiado e financiado pela Capcom, e composto por vários ex-veteranos da Capcom e Platinum Games, é considerado o principal desenvolvedor do projeto, depois de ter continuado seu trabalho no recém lançado Resident Evil 3, que supostamente era uma espécie de "trampolim" para eles, desenvolvedores, no próximo projeto.

Supostamente, Shinji Mikami, o pai de Resident Evil e diretor de RE4, deu sua benção e está distante envolvido em uma capacidade de consultoria. Enquanto os vazamentos também sugeriram que a equipe de produção que trabalha no remake é maior do que as que trabalharam em Resident Evil 2 e 3, estão dizendo algo incrível, pois RE2 foi desenvolvido por mais de 800 pessoas. Claramente, a Capcom está dando ao remake de RE4, se ele realmente existir, os recursos e a atenção que ele merece, e olhando para o manuseio da franquia e seus comentários sobre querer continuar investindo em mais remakes, não é de surpreender que eles estejam revisitando o clássico de horror de sobrevivência lançado em 2005.

Clique para ver a imagem em tamanho original

Mas, embora não seja surpreendente, é um pouco desanimador! Não porque não gostamos de Resident Evil 4, pelo contrário, mas porque parece que, ao optar por focar nas armas claramente maiores, eles ignoraram outro jogo da série que era muito mais merecedor e digno com uma necessidade muito maior de um remake. Esse jogo, como muitas pessoas concordariam, é Resident Evil - Code: Veronica, um jogo que, pelo menos por enquanto, a Capcom supostamente não tem planos de refazer.

Existem muitas razões pelas quais um remake de Code Veronica teria feito muito mais sentido do que um para Resident Evil 4, mas não há razão maior do que a que fora mencionada agora. Ao contrário de Resident Evil 4, Code Veronica é realmente um jogo que precisa de um remake na medida em que qualquer jogo precise ser refeito, ou seja. Resident Evil 4 é um clássico de todos os tempos, uma joia absoluta de um jogo e, como a maioria das jóias do gênero, é um jogo que envelheceu graciosamente.

Se você voltar a jogar os remasterizadores e relançamentos de RE4 dos quais não há escassez, mesmo agora, quinze anos depois de seu lançamento original, você ainda encontrará um jogo com um design imaculado. Como em todas as coisas, há algumas partes da experiência que parecem um produto de seu tempo, como a dublagem ou a narrativa exagerada do jogo, ou até mesmo o visual, mas da perspectiva do design do jogo, há pouco para não amar nele. Seus controles rígidos, combate tenso e design de encontro emocionante ainda são tão dignos de elogios quanto em 2005, e embora sempre haja atualizações de QV em que as pessoas possam falar sobre o que o jogo precisa, geralmente não pareça realmente um jogo que precise ser modernizado, já é bem moderno.

Clique para ver a imagem em tamanho original

Code: Veronica, por outro lado, parece um jogo que precisa ser atualizado. Desde a qualidade visual e de áudio até a escrita e a narrativa, do equilíbrio de suas dificuldades a tantas outras coisas. Parece um jogo que se beneficiaria enormemente de ser refeito. É frequentemente citado como o jogo mais inchado de todos os títulos de Resident Evil de câmera fixa , e sem sombra de dúvida, a Capcom poderia tornar sua história muito mais enxuta e muito mais eficaz se a tratassem da mesma maneira que tratam os jogos recentes da franquia Resident Evil.

Além disso, mesmo da perspectiva do jogo, Code: Veronica é um jogo que seria significativamente melhorado com um remake. Resident Evil 2 & 3, ambos jogos de câmera fixa, foram completamente refeitos do zero, com novos controles, novas filosofias de design e uma nova abordagem para contar histórias, e em graus variados, ambos se beneficiaram disso. Ambos os jogos também claramente tiraram uma página do livro de RE4 com a câmera por cima do ombro do personagem que, de fato, era a maior ferramenta que eles tinham em seu galpão, na tentativa de se tornar muito mais moderno.

Então, não faz muito sentido que Code Veronica, outro título de câmera fixa, seja feito o mesmo que os demais ao invés de RE4, que nem chegaria a ser uma revisão geral? Como exatamente a Capcom planeja melhorar o Resident Evil 4, um jogo que não precisa exatamente de muitas melhorias? Por que não gastar esse tempo e esses recursos em um jogo que se beneficiaria muito mais com a mesma quantidade de esforço?

Clique para ver a imagem em tamanho original

Há também outra razão muito simples para fazer muito mais sentido para um Remake de Code: Veronica para seguir os remakes de RE2 & 3, porque simplesmente essa é a trajetória que a narrativa da série segue. Resident Evil 4 apresenta uma ameaça completamente nova e, apesar de envolver vários elementos narrativos de jogos anteriores, representa o início de um novo capítulo para a história maior da série. Por outro lado, temos o Code: Veronica, que retoma a história de Claire Redfield depois que ela decide, no final de Resident Evil 2, que fará tudo o que estiver ao seu alcance para derrubar a Umbrella. a tendo visto recentemente tomar essa decisão mais uma vez no remake de RE2. Você pensaria que a Capcom estava desenvolvendo algo? Aparentemente não.

Claro, não somos cegos para as razões comerciais da mesma para escolher refazer Resident Evil 4 ao invés de Code: Veronica. Este último, apesar de ser um jogo principal que é crucial para o cânone de Resident Evil, muitos até o chamam de "verdadeiro" Resident Evil 3 até hoje, mas não tem o tipo de aplausos e reconhecimento generalizado que algo como RE4, um dos maiores e mais queridos jogos de todos os tempos, teve.

Mas se esse é o principal motivo que a Capcom escolheu para refazer o jogo, não temos certeza se eles estão fazendo isso pelos motivos certos. Remakes como Resident Evil 2 e Final Fantasy 7 Remake só existem porque os desenvolvedores que trabalharam neles tiveram grandes visões de como repensar completamente todas as fibras de sua existência, apoiadas pela tecnologia moderna e novas ideias. O remake de Resident Evil 4, por outro lado, parece ser movido não por uma visão criativa e artística, mas por decisões comerciais e de marketing. E acredito eu, colaborador da GameVicio, que isso possa ser devido ao fato de Resident Evil 4 ter sido o jogo mais vendido de toda a franquia, ao mesmo tempo em que fora relançado novamente para diversas plataformas.

Vídeo do YoutubeQlFMaU14RjM0Y0U=
Há todas as chances de que o remake de Resident Evil 4 acabe sendo excelente, e todas essas proclamações de como o jogo não precisa de remake parecerão bobas em retrospectiva, mas por enquanto, é difícil ficar atrás da decisão da Capcom sem reservas, especialmente quando temos que vê-los ignorar o grandioso Code: Veronica do jeito que eles parecem estar ignorando. Ainda não se sabe se a Capcom poderá fazer justiça a Resident Evil 4 com um remake , é certamente uma tarefa hercúlea, dado o legado do original, mas independentemente do resultado, esperamos que, após eles refazerem o Resident Evil 4, eles possam decidir voltar atrás e refazer o Code: Veronica também.
ertuzio.scn
MrCalazans #ertuzio.scn
Sou eu, o Mr.Calazans Grandson

PSN ID: MrCalazans
Gamertag: MrCalazans
Uplay: MrCalazans
Origin: MrCalazans
Blizzard Battle.net: MrCalazans
Epic Games: MrCalazans
GOG: MrCalazans
Mixer: https://mixer.com/Mr_Calazans
Usuário do Site, 24 anos, Sete Lagoas MG
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.