.

Ubisoft processa criador de cheat para Rainbow Six: Siege

Enviado por Catos, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original


A Ubisoft entrou com um processo contra um adolescente de 17 anos pela criação e distribuição de um programa de trapaças – popularmente conhecido com cheats. A MizuSoft, empresa por trás do software, vendia os programas online e as vantagens que o jogador tinha ao adquiri-lo eram causar mais dano aos adversários, mudar a perspectiva do jogador e mostrar os inimigos ocultos.

A ação da desenvolvedora foi feita após o jovem ser entrevistado em um documentário na BBC que tratava do uso de programas ilegais de trapaça em jogos online. JVL, como é chamado no processo que a Ubisoft abriu na Califórnia, afirmou que seu cheat lhe rendia cerca de R$ 8 mil por semana. O programa era vendido no site da MizuSoft por R$ 300 por mês.

A Ubisoft afirma, no processo, que o jovem é culpado de "criar, vender, distribuir, manter, prestar serviços de manutenção, dar suporte e atualizar produtos de software mal-intencionados que são projetados especificamente para (e não têm outro objetivo, a não ser) permitir que seus usuários trapaceiem no Rainbow Six: Siege".

Além do adolescente, sua mãe, Sandra Rijken, também está sendo investigada. Sandra é apontada como responsável pelo recebimento dos pagamentos. Também foram mencionados no processo "Skullmeme", "Yusuf" e "EmreTM" que seriam as pessoas que eram encarregadas do suporte técnico do cheat.

No processo, a Ubisoft pede uma indenização de cerca de R$ 100 mil e o encerramento da operação do MizuSoft.
Catos
Enviado por Catos
Membro desde
29 anos, Goiânia
label
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no CANAL, Facebook, Twitter, e na nossa curadorida da Steam.
1586344083