.

Windows 10 não vai passar o Windows 7 tão cedo, diz a Mozilla

Enviado por Turokrj, , 1539 visualizações, 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original


Desde que a Microsoft lançou o Windows 10 que os seus planos são claros. A empresa quer que este seja o sistema operativo mais usado. A concorrência têm-se mostrado feroz, com outro sistema operativo da mesma empresa a ser o principal oponente.

Numa altura em que todos mostram que o Windows 10 está prestes a ultrapassar o Windows 7, a Mozilla revela que afinal este momento ainda estará longe de acontecer.

Os dados de telemetria que a Mozilla recolhe com o Firefox permitem avaliar o comportamento de vários itens ao longo do tempo. Entre eles estão o sistema operativo que os utilizadores têm instalado e a adesão que este browser tem nestes sistemas.

O Windows 10 ainda não conseguiu ultrapassar o Windows 7

É precisamente com base nesta informação que é possível avaliar o desempenho do Windows 10 e concluir que este ainda está longe do que seria esperado, face ao Windows 7 e até ao que outras fontes de informação têm mostrado.

Estes números mostram que na primeira semana do ano, o Windows 7 reclamava para si 44,68%, enquanto o Windows 10 está em segundo lugar com 35,41%. Numa altura que se esperava um crescimento do Windows 10, este acabou por ter uma queda e perder terreno.


Clique para ver a imagem em tamanho original


A fiabilidade dos dados e as conclusões obtidas
Apesar de muitos poderem indicar que estes dados têm uma representatividade reduzida, porque apenas servem máquinas onde o Firefox está presente e a utilização deste browser do Chrome, eles mostram uma clara tendência do mercado e que já se viu antes.

A adesão ao Windows 10 abrandou, até mais do que a Microsoft pretenderia, e que o Windows 7 ainda mantém uma base muito grande de utilizadores.

Esta informação pode chocar com outra apresentada, de outras fontes, mas também estas estão presas ao seu universo de utilizadores e à utilização que têm.

O Firefox está a perder utilizadores no Windows 10
Algo que estes números mostram também, e que deveria preocupar a Mozilla, é que o Firefox poderá não ser muito atrativo para os utilizadores do Windows 10, que podem estar a preferir o Chrome ou o até o Edge.

A perda de utilizadores reportada é sinónimo disso mesmo e poderá agravar-se com o tempo, reforçando a posição da concorrência no competitivo mercado dos browsers.

Independentemente das fontes e dos dados mostrados, a verdade é que por esta altura já se esperava que o Windows 10 tivesse ultrapassado o Windows 7 e que dominasse a seu belo prazer o mundo dos sistemas operativos.
Turokrj
Enviado por Turokrj
Membro desde
48 anos, Danger de Janeiro
label