.

Cientistas do LHC descobrem nova partícula; O Pentaquark

Enviado por Frocharocha, , 1743 visualizações, 0 comentários
[img]hide:aHR0cDovL3d3dy5uYXR1cmUuY29tL3BvbG9wb2x5X2ZzLzcuMjc4ODYuMTQzNjg2NTExMyEvaW1hZ2UvcGVudGFxdWFyay5wbmdfZ2VuL2Rlcml2YXRpdmVzL2xhbmRzY2FwZV82MzAvcGVudGFxdWFyay5wbmc=[/img]
Pentaquarks podem ajudar os cientistas a compreender melhor "a ordinariedade de como é constituida a matéria, dos prótons e nêutrons a partir do qual somos todos feitos.".

Cientistas que trabalham no maior acelerador de partículas do mundo afirmam ter descoberto um novo tipo de partícula chamada "pentaquark".

A existência de pentaquarks foi proposto pela primeira vez na década de 1960 pelos físicos americanos Murray Gell-Mann e Georg Zweig. O Prof. Gell-Mann, que cunhou o termo "quark", recebeu o Prêmio Nobel em 1969.

A Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear, ou CERN, diz que a descoberta foi feita por uma equipe que trabalha em um dos quatro experimentos do Large Hadron Collider sob a fronteira suíço-francesa.

Guy Wilkinson, porta-voz da equipe LHCb, disse em um comunicado na terça-feira que o estudo dos pentaquarks podem ajudar os cientistas a compreender melhor os neutros e protóns.

Os resultados foram submetidos à revista Physical Review Letters.
Frocharocha
Enviado por Frocharocha
Membro desde
38 anos, São Paulo
label