.

Sony Ericsson fala sobre possibilidade de PlayStation Phone

Enviado por rilton junior, , 3 visualizações, 0 comentários
Dados os aspectos dos telefones celulares que a Sony produz como parte de sua parceria com a Ericsson, não seria surpresa se a gigante japonesa dos eletrônicos eventualmente incorporasse funções de comunicação e jogos em um único aparelho.
O lançamento do iPhone pela Apple alimentou especulações de que a Sony poderia estar preparando um produto concorrente que reuniria um telefone celular e o console portátil PSP.
Em uma entrevista concedida ao site Pocket Gamer, Peter Ahnegard, guru dos jogos da Sony Ericsson, deixou escapar a possibilidade de um telefone celular com um PlayStation embutido durante a Leipzig Games Convention.
"O videogame é provavelmente a área mais amadurecida que temos hoje em um telefone celular e a Sony Ericsson sempre refletiu sobre isso, tendo jogos embutidos em nossos headsets por muitos anos", disse Ahnegard, quem sempre admitiu que a Sony Ericsson ainda não tinha o mesmo foco em jogos como a companhia tem em música e recursos de imagem (exemplo: celulares Walkman e Cyber-shot).
A despeito de não ter especificamente um alvo para jogos, o poder dos últimos telefones celulares já começaram a agarrar os consoles da geração passada. "O poder dos telefones que estamos criando é fenomenal", adiciona Ahnegard. "Smartphones como o W960, P1 e famílias relacionadas terão aceleração de hardware, OpenGL ES e serão capazes de alcançar experiências a um nível similar ao do PSP, certamente algo entre os PS1 e PS2."
Um desafio potencial que a Sony Ericsson enfrenta é a ergonomia do aparelho que reúne telefone e videogame. Ahnegard explica: "Ã um truque de balança. A louca busca por headsets slim realmente não anda de mãos dadas com o conforto do jogador. Os controles do console são volumosos por uma boa razão e devem ser desenhados com elementos específicos em mente, por exemplo, a necessidade de ser durável, ergonomicamente confortável, etc. As mesmas considerações devem ser levadas aos nossos telefones e há vários elementos que afetam a jogabilidade, como por exemplo, o espaço entre os botões e o direcional. Admitimos que alguns dispositivos simplesmente não são apropriados para jogar alguns títulos e em muitos casos o design não se preocupa primordialmente com jogos ou outros conteúdos de entretenimento."
Com a habilidade de reunião de aparelhos em seus telefones celulares, sempre há a esperança de um possível PlayStation Phone no futuro. "Hoje ainda não pressentimos o lançamento de um telefone PlayStation porque não seria reconhecido como uma verdadeira continuação dessa marca de produtos", disse Ahnegard, que modestamente adicionou: "Ã óbvio que estamos pensando nisso, mas agora não posso comentar. Antes do Natal, certamente... mas não posso confirmar exatamente qual Natal!"
rilton junior
Enviado por rilton junior
Membro desde
label