Publicado por eneas, em .
Um juiz federal bloqueou uma nova lei da Califórnia que proibia venda de jogos violentos para menores e entraria em vigor em 1º de janeiro, noticiou o San Francisco Chronicle na última sexta-feira (23/12).


O governador do Estado, Arnold Schwarzenegger, assinou a lei proposta por Leland Yee para banir a comercialização de jogos de videogame especialmente violentos para pessoas de menos de 18 anos sem aprovação dos pais.


O juiz Ronald Whyte despachou uma medida preventiva que evita que a lei passe a vigorar, alegando que a indústria de videogames, que entrou com um processo contra a lei, mostrou ter chances razoáveis de vencer a disputa mostrando que a ela viola os direitos dos menores previstos na Primeira Emenda.


Ele também questionou se há provas de que jogos como Grand Theft Auto causam comportamento violento e devem ser regulados pelo estado.


Esta é a mais recente de uma série de disputas para regular os videogames para menores. Illinois, Washington e Michigan passaram leis que regulam que games os menores podem comprar e alugar, mas todas estão paralisadas pela justiça.


Se a lei da Califórnia for liberada, os varejistas podem ser multados em até 1 mil dólares por vender jogos proibidos para menores. A industria será responsável por classificar apropriadamente os games.
Fonte: IDG Now!
eneas
Eneas
Colaborador do site, 39 anos, Curitiba
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.