Ubisoft explica o motivo de Avatar: Frontiers of Pandora ser um jogo em primeira pessoa

Ubisoft explica o motivo de Avatar: Frontiers of Pandora ser um jogo em primeira pessoa

Quando você estiver voando, o jogo automaticamente irá mudar a câmera para terceira pessoa.
#Games Publicado por coca, em

Avatar: Frontiers of Pandora promete ser um dos últimos grandes lançamentos de 2023 e como não é segredo, o mais novo jogo da Ubisoft será totalmente em primeira pessoa.

Desde que foi apresentado o seu primeiro gameplay, muitos compararam Avatar: Frontiers of Pandora com a franquia de jogos Far Cry, pois existem muitas semelhanças, principalmente no estilo de mundo aberto + câmera em primeira pessoa.

Durante uma recente entrevista com Ditte Deenfeldt e Magnus Jansen, eles decidiram explicar o motivo do jogo ser em primeira pessoa, alegando que isso é principalmente devido à imersão.

Leia Também:

  1. Novo trailer de Tekken 8 revela a personagem Reina
  2. Call of Duty: Modern Warfare III está sendo massacrado com análises negativas no Steam
"Queremos que você se sinta imerso e como se estivesse realmente em Pandora. Então, isso nunca foi realmente uma grande discussão para nós. Isso foi algo com o qual concordamos plenamente com a Lightstorm, o estúdio cinematográfico de Cameron, que também está trabalhando no título."

"Estar o mais próximo possível de Pandora, mergulhar o máximo que você pode nele, o que é alcançado através da perspectiva em primeira pessoa... para mim, foi óbvio para nós seguir por esse caminho."

"Queremos que você se aproxime da natureza, que é meio que o personagem principal em certa medida no jogo, e a melhor maneira de fazer isso é estando em primeira pessoa. Queremos que você se sinta imerso e como se estivesse realmente em Pandora."

c0lZSEswUTJKa2M=

No entanto, quando você estiver voando, o jogo automaticamente irá mudar a câmera para terceira pessoa. Os desenvolvedores explicam que fizeram isso para dar ênfase ao mundo de Pandora.

“Nós realmente gostamos daquela mudança de campo de visão. Você pode ver muitos galhos de árvores, as folhas e todas essas coisas em terceira pessoa, que você não seria capaz de ver se estivesse em primeira pessoa. E a mesma coisa quando você corta as cachoeiras voando, você consegue ver aquela parte do Ikran e se molhar, e vê a água escorrendo. Esses tipos de detalhes, eu acho, seriam realmente difíceis de ver em primeira pessoa.”

A Ubisoft poderia ter feito então a opção de jogar em primeira ou terceira pessoa com uma opção que o jogador pudesse escolher, mas os desenvolvedores afirmam que a câmera deve ser decidida já no início do desenvolvimento, e duas opções representam muito mais trabalho.

"Quando você está colhendo, caçando ou apenas se movendo, se estiver em terceira pessoa, isso se torna pequenos pixels tocando em pequenos pixels, e você não obtém aquele senso específico de lugar e imersão que realmente queríamos que esse jogo tivesse."

"Quando você está colhendo, você pega a fruta e, em seguida, ao girar o controle, a mão está em sintonia com o que você faz. E isso é meio mimético, imita a tangibilidade que vem disso. E a conexão e a imersão aumentada que resultam disso têm sido um grande foco para nós," diz Jansen. Isso também é evidente ao navegar pela vegetação baixa, à medida que seu personagem afasta quaisquer galhos, assim como Jake Sully no primeiro filme.

Avatar: Frontiers of Pandora será lançado em 07 de dezembro de 2023 para PC, PlayStation 5 e Xbox Series S|X. O jogo também estará disponível no lançamento através do serviço de assinatura Ubisoft+.

Fonte: Gamingbolt
coca
coca

Me segue lá no Twitter.

[email protected]

Equipe do Site, Narnia do oeste ao lado sul do norte meio oeste
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.