O ex-diretor criativo de Warcraft, Chris Metzen, está retornando à Blizzard

O ex-diretor criativo de Warcraft, Chris Metzen, está retornando à Blizzard

Metzen saiu da Blizzard em 2016 e está voltando como consultor criativo em World of Warcraft.
#Notícias Publicado por RiPe, em

O diretor criativo original do World of Warcraft, Chris Metzen, tinha 23 anos de carreira quando deixou a Blizzard em 2016, mas agora ele está de volta na empresa. O gerente geral da franquia Warcraft, John Hight, revelou a grande novidade no Twitter, dizendo que Metzen se juntou ao "Warcraft Leadership Team" como consultor criativo.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmltZ3VyLmNvbS9vN3A0Y0plLmpwZw==

"Inicialmente, o foco de Chris será em World of Warcraft, depois seu trabalho se expandirá para outros projetos nessa franquia em crescimento", "Chris foi um dos membros originais da equipe trabalhando no universo Warcraft quando ele começou em 1994, e estamos muito felizes em reuni-lo com o mundo que ele ajudou a criar." disse John Hight

Quando Metzen deixou a Blizzard ele estava ocupando o cargo de vice-presidente sênior de história e desenvolvimento da franquia. Metzen teve uma passagem notável na Blizzard, onde trabalhou nos jogos fundamentais do estúdio. Ajudou a produzir as sequências de Warcraft e World of Warcraft, bem como nos jogos Diablo, StarCraft, Hearthstone e Overwatch.

Ele emprestou seus talentos artísticos para os jogos da Blizzard, contribuindo para a tradição, narrativa e cinematografia. Ele também emprestou sua voz, já que Metzen é a voz de longa data por trás do herói orc Thrall. Ele até co-produziu o filme de Warcraft

Ele acabou voltando ao ramo de jogos, com um RPG de mesa chamado Auroboros: Coils of the Serpent anunciado em 2021. Mas infelizmente 2021 também foi o ano em que Metzen se desculpou por não tomar medidas para impedir a discriminação generalizada e o assédio sexual na Activision Blizzard. Chris Metzen não sofreu nenhuma irregularidade ou não foi citado em nenhum dos processos, mas disse em julho de 2021 que ele e outros em posições de liderança na Blizzard falharam com muitas pessoas quando precisaram de nós porque tivemos o privilégio de não perceber, não nos envolver, não criar espaço necessário para os colegas que precisavam de nós como líderes.

Fonte: Pcgamer
RiPe
RiPe #RiPe_Go
Usuário do Site