NetEase não publicará e distribuirá mais os jogos da Blizzard Entertainment na China

NetEase não publicará e distribuirá mais os jogos da Blizzard Entertainment na China

Acordo de 14 anos entre as empresas foi oficialmente encerrado
#Games Publicado por Billy Butcher, em

Em um anúncio um tanto surpreendente, a Activision Blizzard, editora de jogos com sede na Califórnia por trás de sucessos globais como World of Warcraft e Overwatch, suspenderá a maioria de seus jogos na China devido ao término dos contratos de licenciamento com a NetEase, a segunda maior empresa de jogos no país.

O anúncio da Blizzard deve encerrar uma parceria de licenciamento de 14 anos entre as duas gigantes dos jogos. Ao todo, a Blizzard fornece serviços de jogos na China por meio de vários parceiros, incluindo The9, apoiado pela Electronic Arts, há 20 anos.

A partir de janeiro de 2023, a maioria dos títulos da Blizzard deixará de operar na China. Isso inclui World of Warcraft, Warcraft III: Reforged, Overwatch, a série StarCraft e Diablo III. O co-desenvolvimento e a publicação de Diablo Immortal estão cobertos por um acordo separado entre as duas empresas, disse a Blizzard. Isso pode significar que o jogo provavelmente continuará seu serviço na China.

Cada uma das empresas divulgou sua própria resposta explicando como chegaram ao fim da parceria.

“As duas partes não chegaram a um acordo para renovar os acordos que sejam consistentes com os princípios operacionais e compromissos da Blizzard com jogadores e funcionários, e os acordos devem expirar em janeiro de 2023”, disse a Blizzard.

A decisão veio em um momento em que uma fresta de esperança aparece na indústria de jogos da China, que foi atingida por regulamentações pesadas nos últimos anos. A mídia estatal da China, People's Daily, publicou um artigo de opinião esta semana intitulado "a oportunidade na indústria de jogos não pode ser desperdiçada", fazendo com que as ações de jogos chineses disparassem.

Mas a Blizzard não está desistindo da China e está aberta a encontrar parceiras editoriais alternativas, necessários para jogos estrangeiros que atendem ao mercado.

“Somos imensamente gratos pela paixão que nossa comunidade chinesa demonstrou ao longo dos quase 20 anos em que levamos nossos jogos para a China por meio da NetEase e de outros parceiros”, disse Mike Ybarra, presidente da Blizzard Entertainment.

“Seu entusiasmo e criatividade nos inspiram e estamos procurando alternativas para trazer nossos jogos de volta aos jogadores no futuro.”

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro