Análise | AI The Somnium Files - nirvanA Initiative

Análise | AI The Somnium Files - nirvanA Initiative

Provavelmente um dos melhores jogos de 2022
#Análises Publicado por Sr Ori, em

AI The Somnium Files - nirvanA Initiative é um jogo de aventura feito pela Spike Chunsoft e que traz muito da sua identidade de desenvolvimento para o jogo, mas ainda dando uma identidade própria para o jogo em relação a suas outras franquias. A nova sequência se assemelha bastante ao primeiro jogo, mas trazendo diversas melhorias em relação ao primeiro e até mesmo novidades como personagens e mecânicas.

AI The Somnium Files já tinha trazido em sua época uma ótima história e personagens cativantes para os jogadores apreciarem. E em nirvanA Initiative os fãs provavelmente irão gostar bastante do que a Spike Chunsoft trouxe para o jogo, mesmo sendo uma história bem diferente e com novos personagens.

HISTÓRIA

Sobre a história, AI The Somnium Files se trata de um jogo sobre investigação criminal, mas ao mesmo tempo com aquele exagero excêntrico bem conhecido em alguns jogos japoneses. Nessa sequência chamada nirvanA Initiative, a história aborda um crime bem incomum (para não dizer sobrenatural), o qual os personagens da trama investigam pessoas sendo mortas por serem divididas ao meio. No entanto, apenas a parte esquerda do corpo é encontrada em suas investigações. 6 anos se passaram e a investigação ainda está aberta por não conseguirem solucionar, mas o que chama a atenção novamente para o caso é que a parte direita dos mesmos corpos de 6 anos atrás começam a aparecer. Isso leva a uma série de deduções e plots bem legais conforme o andamento da história, além de que, mesmo possuindo vários finais, cada um deles é muito bom de se fazer e contribui para a linha principal da história.

E como eu mencionei anteriormente, junto a essa história existe o exagero e humor japonês por trás, talvez para descontrair um pouco após algumas cenas meio sombrias. Mas focando na parte de humor, quem jogou o primeiro jogo da série sabe que em diversos momentos existem piadas "sujas" e comentários abertos sobre sexualidade. No entanto, no nirvanA Initiative eles talvez passaram um pouco do limite e colocaram isso em excesso, mesmo o Date não sendo o protagonista nessa sequência e sendo o que mais contribuía para esse tipo de humor. Não coloco como ponto negativo porque é uma característica da série e funcionou bem, mas se a pessoa tiver algum problema com esse tipo de abordagem eu recomendo nem testar o jogo.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmltZ3VyLmNvbS82aURTT3dILnBuZw==

Agora uma parte que tinha receio sobre o nirvanA Initiative era que, apesar de ser uma sequência direta, ela contaria com novos personagens e protagonistas, além de ser uma história que não tem total ligação com a anterior (pode ser jogado sem jogar o primeiro jogo). No entanto, eles conseguiram fazer com que todos (sem exceção) os personagens se tornassem interessantes e tivessem uma identidade própria. Além disso, os vários finais do jogo abrangem um pouco de cada personagem e dão a eles maior profundidade.

No geral, a história é muito competente e consegue prender a atenção do jogador, tanto em momentos sérios quanto cômicos, ao mesmo tempo em que segue uma linha de raciocínio bem interessante para criar plots.

JOGABILIDADE

Já sobre essa parte, semelhante ao primeiro jogo, o jogador irá passar a maior parte do tempo lendo a história e os diálogos dos personagens. Mas claro que o jogo todo não se resume a isso, pois ainda existem as mecânicas de ação, investigação e entrar no somnium das pessoas, as quais acabam complementando bem a ótima história do jogo.

SOMNIUM

Sobre entrar no Somnium das pessoas, essa já é uma mecânica bem conhecida por quem jogou o primeiro jogo e também é uma característica da série. Porém, no Nirvana Initiative, houveram melhorias e conteúdos extras, como colecionáveis, representação mais fiel da mente da pessoa e solução de puzzles. Mas resumindo sobre o que se trata esse somnium, o jogador terá 6 minutos para realizar a investigação na mente da pessoa, porém cada ação (até mesmo caminhar) reduzirá segundos ou minutos do tempo total. Caso o jogador não consiga chegar ao fim do somnium antes do tempo acabar, ele falha e terá que tentar novamente.

Agora abordando sobre as melhorias implementadas no somnium no Nirvana Initiative, algumas foram bem vindas mas outras deixaram a desejar. Iniciando pelos colecionáveis, eles podem ser encontrados em cada somnium e não servem apenas para ativar conquistas do videogame, mas também liberam itens cosméticos e conteúdos bônus. Isso acaba sendo bem interessante para quem quer guardar as artes do jogo e também para quem gosta de personalizar personagens ao seu gosto.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmltZ3VyLmNvbS8zMTYwa0JMLnBuZw==

A melhoria que mais me chamou a atenção e que no primeiro jogo deixou muito a desejar foi o design do somnium da pessoa. No primeiro jogo, muitas vezes, tanto o design quanto as coisas que aconteciam no somnium eram totalmente desconexas com o que realmente representava os gostos, medos e ansiedades daquela pessoa, além de ser bem difícil de associar a investigação com o que se passava no somnium. No nirvanA Initiative ficou simplesmente muito bem feito a representação visual do que se passa na mente da pessoa naquele momento, principalmente quando traumas eram representados de forma metafórica mas totalmente compreensíveis.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmltZ3VyLmNvbS9OaktKUnBVLnBuZw==

Por outro lado, a implementação de puzzles não foi muito bem feita ou ao menos não pareceu se encaixar bem na proposta desse jogo. Acreditava que, por o jogo ser feito pelos mesmos criadores de Zero Escape e que praticamente todos os puzzles criados por eles nesses jogos eram muito bem feitos, nirvanA Initiative teria um conteúdo muito bom desse tipo, mas acabou não sendo. Os puzzles variam bastante de "sem sentido" para extremamente fáceis. No entanto, o pior era ter que solucioná-los durante o somnium pois, como explicado anteriormente, existe o limite de 6 minutos para chegar até o fim, e cada "chute" para solucionar custa tempo. No fim isso parece não ter se encaixado bem na proposta do jogo, mesmo sendo feito por um estúdio muito competente nessa área. Apesar desse problema, nem sempre os puzzles estão presentes.

Uma última melhoria que notei e que achei bem bacana foi o "direcionamento" da história pois, assim como no primeiro jogo, os somnium podem direcionar para um final diferente dependendo das escolhas do jogador. No caso do nirvanA Initiative, algumas ramificações da história são bloqueadas por uma palavra chave, a qual o jogador deve ir jogando para descobrir qual palavra é essa e desbloquear a outra ramificação da história. Imaginava que isso poderia ser um pouco frustrante, mas o direcionamento da história e ramificações foram muito mais bem feitas que o primeiro jogo, e essa mecânica seguiu uma ótima linha de raciocínio para a compreensão da história como um todo.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmltZ3VyLmNvbS9rQVpuUFd6LnBuZw==

COMBATE

E sobre o combate no jogo, apesar de existir, ele pode não ser exatamente o que muitos estão pensando. No geral ele é bem semelhante ao primeiro jogo, o qual todo o combate se baseia em quick time events (QTE). Apesar disso, Nirvana Initiative ainda consegue trazer uma complexidade um pouco maior que seu antecessor mas nada muito bem feito para se tornar um real diferencial. Tirando os quick time events, todos os momentos de ação são cinematográficos e não tem ação do jogador.

Slide https://i.imgur.com/tjSnKXM.png;;;https://i.imgur.com/nLHgNpC.png

INVESTIGAÇÃO EM REALIDADE VIRTUAL

Já a mecânica de investigação é totalmente nova e foi implementada como novidade no Nirvana Initiative. No jogo ela é usada para analisar o local do crime através da realidade virtual, a qual é construída escaneando o local do crime e gerando um ambiente totalmente igual mas virtual. Nela será possível analisar normalmente o local do crime e também utilizar raio x e visão térmica para complementar a investigação.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmltZ3VyLmNvbS81RUFCT0IxLnBuZw==

No geral, essa mecânica foi utilizada para tentar explicar acontecimentos que não faziam sentido ou que muitos achavam algo sobrenatural. Essa forma de analisar cada investigação é até funcional mas esbarra no mesmo problema que o somnium, os puzzles. Infelizmente essa parte possui o mesmo problema que os puzzles do somnium citados anteriormente, que ou não fazem sentido ou as dicas entregues não ajudam na solução. Apesar de ser bem chato quando existe esse problema, nem sempre os puzzles estarão presentes nas investigações, restando apenas a análise das pistas e reprodução do crime.

DESIGN

Abordando sobre a parte estética do jogo, acho que ela foi um diferencial bem interessante em relação a outras visual novel existentes (inclusive desde o primeiro jogo) por possuir um gráfico 3D e animações muito bem feitas para os personagens, assim contribuindo para a imersão da história.

IMAGEaHR0cHM6Ly9pLmltZ3VyLmNvbS9BMlVWNHJKLnBuZw==

Apesar de ter quase nenhuma melhoria em relação ao seu antecessor, Nirvana Initiative utilizou com mais frequência as animações para os personagens e conseguiu gerar algumas cenas até bem divertidas com eles. Além disso, também melhoraram o design dos somnium abordados para simular realmente o que se passa na mente da pessoa, seja de forma realista ou metafórica, ajudando no entendimento da investigação.

TRILHA SONORA

Focando agora na trilha sonora, eles cuidaram muito bem da parte musical, dublagem e efeitos no geral. Falando primeiramente sobre as músicas, ficou interessantíssimo como cada situação abordada possui sua própria música tema e como se encaixam perfeitamente. Mas a melhor parte são as músicas tocadas no somnium, as quais contribuem bastante para ficar imerso naquele mundo e principalmente entender o significado por trás do somnium.

Outra parte em destaque desse jogo são as dublagens. Cada personagem ficou muito bem caracterizado independente da emoção retratada em cada diálogo. Porém em Nirvana Initiative, eles acabaram abordando problemas mentais dos personagens e experiências que os transformaram em pessoas diferente das que eram antes, e a dublagem ficou muito legal para cada um desses casos abordados. Acredito que para entender melhor como isso é passado no jogo, apenas jogando para se ter uma noção de como ficou interessante.

Concluindo...

E para resumir, AI The Somnium Files - nirvanA Initiative com certeza é um dos melhores jogos desse ano e talvez a melhor visual novel que irá ser lançada em 2022. Apesar de ter momentos de ação com quick time events e momentos de investigação em 3º pessoa, o foco ainda é a história no modelo visual novel já conhecido, juntamente com a interações entre personagens e plots.

Algumas novas mecânicas não foram tão bem implementadas e o humor pesado nesse jogo pode afastar algumas pessoas, mas o que ele acabou trazendo de novidade e melhorias em relação ao seu antecessor acabaram sendo muito bem vindas. Outro pequeno problema se trata da quantidade de loadings para determinadas ações/transições e que muitas vezes acabam atrapalhando a imersão da história, mas nada que impossibilite de jogar.

Como extra, o jogo também conta com recursos de acessibilidade que ajudam um pouco alguns jogadores, como mudança de dificuldade, ajustes no textos e controles de som. Ele também possui conteúdos bônus bem legais para quem animou completar algumas missões e buscar conquistas.

Disponível para as plataformas: PC, Xbox, Nintendo Switch e PlayStation

Possui legenda/dublagem em português: Não

9.2
favorite
Nota
Uma ótima evolução em relação ao primeiro jogo e ainda conseguiu trazer muitas surpresas positivas
Prós
  1. História e como é direcionada
  2. Personagens carismáticos
  3. Dublagens
  4. Melhorias na jogabilidade
  5. Recursos de acessibilidade
  6. Senso de humor
  7. Músicas
  8. Colecionáveis
  9. Conteúdo extra
Contras
  1. Puzzles
  2. Loadings
Sr Ori
Sr Ori #luhckaz100

Fã de yakuza e jogos que trazem experiências criativas e diferentes das que já tive.

Colaborador do Site
Publicações em Destaque
#Entretenimento, Por viniciusfaria2002,
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por VSDias55,