Crystal Dynamics culpa Square Enix Europe pela superficialidade no enredo da trilogia reboot de Tomb Raider

Crystal Dynamics culpa Square Enix Europe pela superficialidade no enredo da trilogia reboot de Tomb Raider

Escritora do estúdio diz que foi obrigada a fazer com que o enredo dos jogos tivesse grande foco no Pai de Lara Croft
#Games Publicado por Billy Butcher, em

O enredo da trilogia reboot de Tomb Raider, desenvolvida pela Crystal Dynamics (Tomb Raider 2013 e Rise of the Tomb Raider) e Eidos-Montréal (Shadow of the Tomb Raider) poderia ter sido diferente se seus escritores tivessem feito o que queriam.

Em um tweet, Rhianna Pratchett, escritora principal de Tomb Raider 2013 e Rise of the Tomb Raider na Crystal Dynamics, afirmou que não era fã do foco narrativo que Rise of the Tomb Raider coloca no pai de Lara Croft.

Pratchett explica que a decisão de fazer do pai de Lara a força motriz da aventura da personagem estava além de seu controle (confirmando rumores de que a editora-mãe do estúdio, Square Enix Europe, veio tomando decisões forçadas as suas subsidiárias, após um relatório afirmar que todos os estúdios da SE Europe vem sofrendo de falta de liberdade criativa há anos).

Apesar de não concordar que essa era a direção certa para Lara, Pratchett diz que "teve que fazer as pazes com isso" para fazer seu trabalho, uma vez que ela se viu de "mãos atadas". A razão de Pratchett para não querer esse enredo em particular para

personagem é aparentemente pessoal, e ela cita que quando teve mais controle criativo sobre as aventuras de Lara (na série de HQs pela Dark Horse), Pratchett se esforçou para manter o foco firmemente na personagem principal da série.

O tweet foi escrito em resposta a um post da colega escritora Gail Simone, que ofereceu "conselhos gratuitos" aos escritores dos jogos de Tomb Raider, dizendo-lhes para parar de fazer todos os jogos sobre o pai da Lara Croft, pois não é nisso que os fãs da série estão interessados.

Longe da exploradora independente que vimos nos primeiros jogos da era PS1, as motivações mais recentes de Lara em seus jogos (desde que a editora Eidos Interactive foi comprada pela Square Enix em 2008, fazendo com que a IP de Lara Croft fosse para as mãos da empresa que agora conhecemos como Square Enix Europe) foram motivadas pelo desejo de seguir os passos de seu pai.

Essa tendência continuou na conclusão da trilogia de reboot, Shadow of the Tomb Raider, desenvolvido pela Eidos-Montréal em colaboração com a Crystal Dynamics. Pratchett se separou da desenvolvedora Crystal Dynamics antes de Shadow of the Tomb Raider, mas nas respostas aos tweets de Pratchett, Jill Murray, a escritora principal de Shadow of the Tomb Raider, também disse que não estava "pessoalmente interessada" no enredo focado no Pai de Lara Croft.

MDBSWDJwVHA0eTQ=

WVpaNGswOWJWeFk=

Mais recentemente, muitos bastidores por trás dos lançamentos caóticos da Square Enix Europe vem surgindo na rede. Foi revelado que a editora considera todos os jogos lançados pela Crystal Dynamics nos últimos 10 anos (trilogia reboot de Tomb Raider, Marvel's Avengers e outros jogos menores) como fracassos comerciais.

Isso levou ao estúdio se encontrar num estado semi-rompido com sua dona, uma vez que eles estão atualmente trabalhando com a Xbox Game Studios (editora de Rise of the Tomb Raider em 2015) no próximo capítulo de Perfect Dark.

A mesma história agora parece se repetir a Eidos-Montréal, que após o sucesso crítico e comercial de Deus Ex: Human Revolution em 2011, lançou apenas "jogos que ficaram abaixo do esperado" de acordo com o CEO da Square Enix Europe, citando exemplos como Thief 2014, Deus Ex: Mankind Divided e o recente Marvel's Guardians of the Galaxy de 2021.

Na última semana, o lado Japonês da empresa lançou Babylon's Fall da PlatinumGames no mercado, que recebeu extremas notas negativas pela mídia e jogadores, além de ter obtido vendas pífias, o colocando ao lado de outros lançamentos extremamente negativos da editora, como Balan Wonderworld (2021), Left Alive (2019) e The Quiet Man (2018).

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.
Publicações em Destaque
#Games, Por VSDias55,
#Games, Por DreadnaughtBR,
#Games, Por VSDias55,