SEC fará uma investigação completa na Activision Blizzard e seu CEO Bobby Kotick

SEC fará uma investigação completa na Activision Blizzard e seu CEO 'Bobby Kotick'

Após relatos de quebra na conduta trabalhista e coesão de testemunhas, a empresa passará por uma investigação jurídica
#Games Publicado por Billy Butcher, em

A Securities and Exchange Commission (SEC) abriu sua própria investigação depois da "resposta" da Activision Blizzard às alegações de má conduta sexual e assédio no local de trabalho, informou o Wall Street Journal hoje.

De acordo com o jornal, a SEC solicitou uma variedade de documentos da editora, incluindo as comunicações do CEO Bobby Kotick com outros executivos de alto nível sobre as alegações. Além disso, a reguladora quer ver acordos de separação com funcionários que deixaram este ano, arquivos pessoais de 6 ex-funcionários e teleconferência de reuniões do conselho feitas há 2 anos atrás.

Um representante da Activision Blizzard disse que a empresa estava cooperando com a investigação da SEC, observando que a agência havia intimado funcionários antigos e atuais.

“Fizemos e estamos fazendo uma série de mudanças importantes para melhorar nossas políticas e procedimentos para garantir que não haja lugar em nossa empresa para discriminação, assédio ou tratamento desigual de qualquer tipo”, disse o representante.

Uma das questões que a SEC está investigando é se a Activision Blizzard tinha a obrigação de informar os investidores sobre a investigação sobre as alegações de disparidades salariais no local de trabalho e de gênero antes de ser tornada pública por um processo judicial do Departamento de Trabalho Justo e Habitação da Califórnia aberto em julho.

No momento em que o processo foi aberto, a Activision Blizzard disse que havia sido "extremamente cooperativa com a DFEH durante sua investigação" e chamou a denúncia de imprecisa, distorcida, apressada e "em muitos casos falsa".

Alguns investidores da Activision Blizzard pensam claramente que deveriam ter sido informados antes, pois entraram com uma ação judicial contra a editora no mês passado, alegando que a empresa "fez declarações falsas e/ou enganosas e/ou não divulgou" uma série de fatos relevantes sobre o negócio em relação a DFEH.

Enquanto isso, a DFEH ampliou seu processo e acusou a editora de comprometer provas, rasgar de documentos, coagir testemunhas, investigar e abusar dos direitos trabalhistas de seus próprios funcionários.

Isso levou ao Communications Workers of America entrar com uma queixa junto ao National Labor Relations Board, no qual alegaram a Activision Blizzard estar usando de táticas ilegais de violação de sindicatos em executivos importantes como o Presidente da Blizzard, J. Allen Brack, e o SVP de RH Global da Activision Blizzard, Jesse Meschuk, que deixaram a empresa após seríssimas acusações.

Além disso, o The Wall Street Journal também relata que a Equal Employement Opportunity Commission tem conduzido seus próprios exames da Activision.

A EEOC tem investigado alegações de assédio de gênero contra a editora desde pelo menos maio de 2020, e está em negociações com a Activision, que pode acabar tendo de pagar mais de US$ 500 milhões em prejuízos.

A agência se recusou a comentar ao WSJ, e não está claro se a agência federal divulgará publicamente os detalhes de suas descobertas.

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Publicações em Destaque
#Games, Por Frocharocha,
#Mundo, Por Goldeneye_007,
#Mundo, Por coca,