Eidos-Montréal explica porque apenas Peter Quill é um personagem jogável em Marvels Guardians of the Galaxy

Eidos-Montréal explica porque apenas Peter Quill é um personagem jogável em Marvel's Guardians of the Galaxy

O estúdio comenta sobre a criação do design dos personagens no jogo
#Games Publicado por Billy Butcher, em

Daqui há alguns meses a Square Enix Europe vai ser lançar seu próximo e caríssimo AAA, Marvel's Guardians of the Galaxy, uma produção desenvolvida pela Eidos-Montréal.

Emborq o jogo seja um pouco inspirado no MCU, Guardians of the Galaxy tem sua própria continuidade e direção de arte distintas. E apesar do jogo ter sido planejado como um Games-as-a-Service ala Marvel's Agengers em algum momento, o jogo está confirmado apenas como um puro Single-player.

No entanto, alguns ficaram surpresos quando foi revelado que você só jogaria como Peter Quill (Star-Lord) e não como nenhum dos outros Guardiões, já que o conceito de troca de personagens dos Guardiões parece algo óbvio. Bem, parece que a escolha do design teve tudo a ver com colocá-lo em uma determinada função.

Em declarações ao VG24/7, o diretor criativo sênior Jean-François Dugas falou a fundo sobre a decisão. Embora ele tenha entendido por que as pessoas achavam a ideia estranha, ele a vê como uma forma primordial de colocar o jogador no meio da dinâmica de ser o líder dos Guardiões, bem como experimentar em primeira mão como a dinâmica entre todos os personagens funcionam.

A equipe queria que você se sentisse constantemente cercado pela tripulação e suas grandes personalidades, pois você teria que lidar com várias situações onde surgissem conflitos.

“Como na vida real, quando você tem um grupo de pessoas trabalhando juntas, você lida com diferentes personalidades com muitas opiniões divergentes, você lida com pessoas de mente forte, líderes naturais e assim por diante."

"E quando você é um líder, não significa que as pessoas concordem com a sua direção o tempo todo, você tem que agir como alguém que pode mobilizar as pessoas para um objetivo comum, por exemplo. Queríamos explorar isso e torná-lo divertido."

“Nós realmente ficamos entusiasmados com essa direção. Star-Lord, Gamora, Rocket, Drax e Groot transbordam de personalidade. Queríamos que os jogadores estivessem no centro dessa dinâmica. Portanto, a questão passou a ser: “'E se os jogadores forem um dos Guardiões? E se os colocarmos no lugar do “suposto” líder e deixarmos que tomem as grandes decisões? E se os jogadores precisarem se adaptar aos comportamentos inesperados do grupo?'"

“Esta tomada única nos permitiu criar uma aventura onde você se sente constantemente cercado pelos Guardiões. Além de estarem por perto e brincando, você também pode invocar suas habilidades em combate, bem como em outros momentos do jogo. Eles estão constantemente vivos, desempenhando sua parte em todos os aspectos do jogo. Como jogador, você realmente sente que é um deles quando está perto deles."

“Abraçar a fantasia de ser o chamado líder desse bando de desajustados nos permitiu trazer nosso conceito de escolha e consequências. Você terá que fazer ligações que afetarão o desenrolar desta aventura."

"É verdade que é a mesma grande aventura para todos, mas a forma como será vivida varia de jogador para jogador. Ser o Peter Quill é realmente envolvente. Foi a melhor maneira de contarmos uma história verdadeira dos Guardiões. Foi reconhecido como um movimento ousado por muitas pessoas, mas uma visão que foi empolgante de perseguir."

Marvel's Guardians of the Galaxy se encaminha para ser lançado em 26 de Outubro de 2021 para Xbox Series X|S, Xbox One, PlayStation 5, PlayStation 4 e PC. Também será lançado no Nintendo Switch através de uma Cloud Version.

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.