AcerAcer
AcerAcerAcerAcerAcerAcer
Por que os jogos possuem taxa de finalização tão baixa?

Por que os jogos possuem taxa de finalização tão baixa?

Confira os motivos e comparações entre Xbox e PlayStation
#Artigos Publicado por Sr Ori, em

As famosas conquistas que são entregues nos jogos quando, um jogador realiza determinada tarefa ou finaliza alguma parte da história, podem ser consideradas incentivos e por alguns até o que realmente importa no jogo. Mas focando nas conquistas de Xbox e PlayStation, mesmo os usuários dessas plataformas serem incentivados através dos pontos/troféis, muitos não finalizam alguns jogos por algum motivo. Independente se o jogo tiver essas conquistas, muitas vezes as pessoas não serão motivadas a sequer finalizá-lo por, talvez, o jogo ser ruim na perspectiva delas ou algum outro motivo.

Citarei alguns pontos que podem talvez explicar os motivos dessas porcentagens dos jogos sequer atingirem 50% de finalização na maioria das vezes. Uma pequena observação é que não estarei contando os 1000G/platina, mas sim a conquista de finalização da história ou campanha de um jogo e que ainda assim são bem baixas geralmente. Por isso, o artigo fica restrito a analisar jogos que possuam uma campanha, tendo obrigatoriamente um final.

Do ponto de vista mais simples, as pessoas podem simplesmente não gostar do jogo e o abandonarem. Porém, outros fatores como preço, duração, disponibilidade em serviço de assinatura, qualidade técnica etc, podem também afetar diretamente na desistência (ou pelo menos na facilidade de desistir) do jogo. A porcentagem também tende a descer com a maior quantidade de pessoas comprando o jogo, já que terão mais pessoas com gostos e critérios diferentes jogando o mesmo jogo.

PlayStation Studios

Do ponto de vista do PlayStation, achei interessante analisar as situações como preços, duração, jogos de assinatura, jogos próprios e de outras desenvolvedoras. Começando com o preço que recentemente a empresa decidiu subir para 70 dólares em muitos jogos, podemos comparar a taxa de completude de Rachet and Clank: Rift Apart que custa os 70 dólares e outros jogos próprios que custaram 60 dólares. Pelo que dá pra notar, o preço não interfere tanto assim na disposição das pessoas em completar um jogo, ao menos para essa diferença de 10 dólares.

Slide https://i.imgur.com/W2wFTCP.jpg;;;https://i.imgur.com/nPvFZpE.jpg;;;https://i.imgur.com/QftmQro.jpg;;;https://i.imgur.com/zuMwA6O.jpg;;;https://i.imgur.com/GRulvyQ.jpgO Bugsnax que custa apenas 30 dólares e também é exclusivo entre os consoles tem uma taxa de finalização considerada até bem alta pelo padrão. Dá pra notar que quando a questão são jogos que possuem exclusividade, a taxa acaba sendo até bem alta independente do preço. Apesar desse exemplo, claramente o preço do jogo e o investimento dele influenciam na facilidade do jogador abandoná-lo.

Slide https://i.imgur.com/OBuQf05.jpg;;;https://i.imgur.com/GGVBZCZ.jpg;;;https://i.imgur.com/8oIAgHP.jpgLevando em conta jogos que saíram em uma assinatura, como por exemplo a PlayStation Plus, eles também tendem a ter um decréscimo na porcentagem porque as pessoas provavelmente não sentirão que estão pagando por aqueles jogos (ao menos não o preço cheio), facilitando a desistência. Mas olhando para jogos da PlayStation Studios que passaram por esse serviço, a porcentagem não cai tão bruscamente quanto eu imaginava, mesmo esses jogos possuindo uma duração um pouco maior e sendo provavelmente acessado por mais pessoas.

Slide https://i.imgur.com/lJbKocO.jpg;;;https://i.imgur.com/uZU8pJE.jpg

Xbox Game Studios

Do lado do Xbox, é meio complicado de avaliar os jogos próprios da Xbox Game Studios porque todos eles (ou ao menos a maioria que lembro) fazem parte do serviço de assinatura do Xbox Game Pass, sendo influenciado diretamente por ele. Mas levando em conta o serviço, diferentemente da PlayStation Plus, o número de usuários que finalizam os jogos acaba sendo absurdamente baixo, bem mais do que do lado da concorrente. Isso pode estar acontecendo devido a facilidade de baixar um jogo, testá-lo e partir para outro caso não goste da escolha. A rotatividade, quantidade e qualidade de jogos também podem influenciar diretamente na decisão das pessoas de abandonarem um jogo. Os outros critérios como preço e duração do jogo acabam sendo engolidos por esse serviço e precisam de uma análise a parte para tirar alguma conclusão.

Slide https://i.imgur.com/qLXwsR5.jpg;;;https://i.imgur.com/lrnRv4v.jpg;;;https://i.imgur.com/uC9amQG.jpg;;;https://i.imgur.com/bcJkda0.jpg;;;https://i.imgur.com/fipFo5S.jpgPoderia se dizer que os jogadores de Xbox não concluem seus jogos se comparados aos de PlayStation, mas precisamos analisar se acontece a mesma situação com os jogos de outras desenvolvedoras e que não entraram no Game Pass. Assim é possível ter uma visão mais clara se o Game Pass realmente influencia na finalização dos jogos no geral.

Jogos de outros estúdios (third-party)

Os jogos multiplataforma feitos por outras desenvolvedoras também são uma forma de os jogadores se manterem jogando. Eles podem fazer parte de serviços, como Control que já participou desta forma em ambas as plataformas, ou simplesmente contar com as vendas digitais/físicas.

O interessante de analisar aqui é que, como mencionado anteriormente o problema do lado do Xbox com a porcentagem de seus jogos, os jogos de outras desenvolvedoras geralmente possuem uma porcentagem muito semelhante quando não são distribuídas em nenhum dos dois serviços de assinatura. Pegando como exempo o Judgment que a diferença é de 3% atualmente e Resident Evil Village e Spongebob Squarepants: Battle for Bikini Bottom que possuem uma conclusão maior no Xbox, percebe-se que esses jogos que não entraram em nenhuma assinatura possuem taxas de conclusão bem próximas em cada plataforma.

Slide https://i.imgur.com/TZzIs6d.jpg;;;https://i.imgur.com/4Suqev3.jpg;;;https://i.imgur.com/Fsl6BBb.jpgSlide https://i.imgur.com/npNlhMx.png;;;https://i.imgur.com/ikie4cO.png;;;https://i.imgur.com/fvp5stv.pngExistem também jogos que foram para o Game Pass mas continuam pagos no lado da plataforma Playstation, como por exemplo o Yakuza Like a Dragon. Como o Xbox não possui uma separação entre as pessoas que experimentaram pelo Game Pass e as que compraram anteriormente, então é complicado de averiguar pela própria plataforma. Porém comparando com o PlayStation e tendo demonstrado aqueles dados de jogos multiplataformas anteriormente, fica mais fácil de entender o peso do serviço na plataforma Xbox e de tirar algumas conclusões posteriormente. Nesse exemplo, todos os jogos que estão no Game Pass e são comprados no PlayStation possuem uma conclusão baixíssima no Xbox.

Slide https://i.imgur.com/cVsFq68.jpg;;;https://i.imgur.com/JFsVGRR.jpg;;;https://i.imgur.com/GFjosIo.jpgSlide https://i.imgur.com/UIHTEyZ.png;;;https://i.imgur.com/Z1AKb05.png;;;https://i.imgur.com/iwb8kPu.png

Conclusão

No geral os jogos não possuem altíssimas taxas de conclusão quando se tratam de campanhas, tanto por causa da motivação das pessoas quanto por causa das vendas recorrentes do jogo e que acabam baixando essa porcentagem. Outros pontos que incentivam a desistência do jogo e não foram mencionados aqui (por questão da quantidade de conteúdo) seriam dificuldade do jogo, bugs, gênero, repetitividade, desempenho e várias outras coisas.

No lado do PlayStation dá pra notar uma certa motivação maior das pessoas em finalizar os jogos, principalmente quando o jogo é de maior orçamento e mais caro. Mesmo tendo jogos de menores orçamentos e até mesmo alguns sendo disponibilizados na PlayStation Plus, as porcentagens se mantém razoáveis apesar da maior probabilidade de a pessoa querer abandonar o jogo.

O Xbox que atualmente se diferencia bastante do PlayStation e é bem elogiado por conta do Game Pass acaba tendo muitas pessoas testando um mesmo jogo e não o concluindo. Isso pode acontecer devido aos fatores mencionados anteriormente (rotatividade, quantidade e qualidade), além é claro de vários outros pontos que precisariam ser analisados para ter uma perspectiva mais ampla de como o serviço influencia diretamente no comportamento das pessoas. Mas deixando o serviço de lado, a plataforma consegue seguir o padrão de completude dos jogos semelhante ao padrão do PlayStation (jogos multiplataforma), apesar de, como mencionado, ser apenas razoável.

Vocês podem deixar suas opiniões nos comentários, seja concordando, discordando ou acrescentando conteúdo para gerar mais ou outras conclusões sobre o assunto.

Sr Ori
Sr Ori #luhckaz100
Usuário do Site
Publicações em Destaque
#Artigos, Por meganinja,
#Games, Por PuraMaldade,
#Games, Por VSDias55,