Mais de 1,000 funcionários da Activision Blizzard divulgam uma carta em resposta as declarações de seus executivos no Processo da Califórnia

Mais de 1,000 funcionários da Activision Blizzard divulgam uma carta em resposta as declarações de seus executivos no Processo da Califórnia

Uma rebelião dentro da editora começa a se formar, com os funcionários exigindo respostas da empresa
#Games Publicado por Billy Butcher, em

O caso interno da Activision Blizzard após ser processada pelo Governo da Califórnia está causando bastante alvoroço, e isso parece que não vai terminar tão cedo, especialmente pelo fato da empresa e seus executivos estarem em extremo silêncio.

Na verdade, vai fazer 6 dias que as redes sociais e os canais de comunicação da Activision Blizzard não publicam mais nada, estando completamente inativos. Contas como as de Call of Duty, Overwatch, Diablo, WoW, ou mesmo dos estúdios como a Raven, Blizzard, King, Treyarch, Sledgehammer e Infinity Ward não comentam mais nada há dias.

Isso piorou principalmente após 2 depoimentos de executivos da Activision Blizzard em reação ao processo que alega um ambiente extremamente tóxico e novico para seus funcionários, onde chefões da editora criticaram veemente as alegações, e trataram com bastante descaso, despertando ainda mais a fúria das pessoas.

Em forma de protesto pela falta de mudanças ou atitudes da Activision Blizzard, que parece não estar se importando muito com tudo que está havendo, Jason Schreier e a Bloomberg trouxeram em primeira mão uma carta por mais de 1,000 funcionários e ex-funcionários da editora, no qual diz:

"Aos líderes da Activision Blizzard.

Nós, os abaixo-assinados, concordamos que as declarações da Activision Blizzard, Inc. e seu consultor jurídico sobre o caso DFEH, bem como a declaração interna subsequente de Frances Townsend, são repugnantes e ofensivas para tudo que acreditamos que nossa empresa deveria representar.

Para colocá-lo de forma clara e inequívoca, nossos valores como funcionários não são refletidos com precisão nas palavras e ações de nossa liderança.

Acreditamos que essas reivindicações prejudicaram nossa busca contínua pela igualdade dentro e fora de nosso setor. Classificar as alegações feitas como "tendenciosas e, em muitos casos, falsas" cria uma atmosfera corporativa que desilude as vítimas.

Solicitamos declarações oficiais que reconheçam a gravidade dessas alegações e mostrem compaixão pelas vítimas de assédio e agressão. Pedimos a Frances Townsend que mantenha sua palavra de renunciar como patrocinadora executiva da rede de funcionárias da ABK (Activision-Blizzard-King) devido à natureza prejudicial de sua declaração.

Pedimos à equipe de liderança executiva que faça parceria conosco em novos esforços significativos que garantam aos funcionários, bem como à nossa comunidade, um lugar seguro para falar e se levantar."

Ficaremos no aguardo de uma resposta oficial da Activision Blizzard para tudo isso que está acontecendo desde 21 de julho.

Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.
Publicações em Destaque
#Games, Por ricklek550,
#Games, Por taffarelkupkovski,
#Games, Por Frocharocha,