Team Ninja fala sobre alguns aspectos na criação de Ninja Gaiden: Master Collection

Team Ninja fala sobre alguns aspectos na criação de Ninja Gaiden: Master Collection

Falam sobre o tempo de desenvolvimento, objetivos, legado da série, e mais
#Games Publicado por Billy Butcher, em

Ninja Gaiden: Master Collection foi anunciado em 17 de fevereiro de 2021 durante um Nintendo Direct.

Muitos fãs estão ansiosos para retornar à trilogia que trouxe Ryu Hayabusa de volta à vanguarda da cena do videogame, enquanto ajudava a colocar a desenvolvedora Team Ninja no mapa para mais do que sua franquia de jogos de luta exclusiva Dead or Alive.

Pode-se argumentar que estasérie de reboot de Ninja Gaiden deu ao Team Ninja credibilidade como um desenvolvedor diversificado que abriu as portas para vários projetos, incluindo Metroid: Other M e Nioh.

A Team Ninja está aparentemente ciente disso e mostra reverência para com seus jogos Ninja Gaiden. Com a Master Collection, um de seus principais desenvolvedores disse que o estúdio já vinha pensando em trazê-los de volta ao hardware moderno há algum tempo.

A Game Rant falou com o produtor Fumihiko Yasuda sobre Ninja Gaiden: Master Collection, como os jogos foram atualizados e mudados, bem como o que ele espera que o novo público tire da experiência. A entrevista foi editada para maior clareza e brevidade.

Primeiramente, foi falado sobre a resolução e framerate em cada plataforma para Ninja Gaiden: Master Collection, bem como sobre o processo de concepção e criação da coletânea, que se aproveita do uso das versões PS Vita, ao invés de utilizar as edições originais, aclamadas, e bem mais queridas, do Xbox/Xbox 360, cujo foram publicadas pela Microsoft Game Studios:

"Cada um dos jogos da coleção foi desenhado sem pensar muito em ser remasterizado, então tivemos muita dificuldade."

"Portanto, trabalhamos em NG3: RE, Sigma 2 e, em seguida, Sigma, indo na ordem inversa. Além disso, a estrutura do programa dos jogos PS Vita, Sigma 2 Plus e Sigma Plus, estava bem organizada, então fomos capazes de usar aquele código-fonte de forma eficaz."

"Além disso, resolvemos os problemas do Ninja Giaden Sigma Plus e Ninja Gaiden Sigma 2 Plus de quedas de taxa de quadros e dificuldade de entrada de certos comandos!"

"A equipe da Team Ninja confirma rumores de desempenho. Em termos de desempenho e gráficos, a versão Switch é 720p, e as demais plataformas são 1080p e 60 FPS."

"Tem resolução de 4K e 60 FPS para PS4 Pro, PS5, Xbox One X, Xbox Series X|S e Steam (com os requisitos de hardware adequados). A resolução e o FPS podem flutuar durante o jogo e os jogadores, é claro, precisam ter uma TV ou monitor de 4K para jogar em 4K / 60 FPS."

Quando perguntados sobre o porque criaram e trouxeram de volta Ninja Gaiden como uma Coletânea remasterizada, a Team Ninja diz:

"As séries Ninja Gaiden e Dead or Alive são franquias da Team Ninja. Há muito tempo que passava pela nossa cabeça que a série Ninja Gaiden não estava disponível na geração de hardware Nintendo Switch, PS4 e Xbox One, bem como no PC. O tempo se encaixou, pois concluímos o trabalho em Nioh 2."

"Além disso, o número de funcionários da Team Ninja que pertencem à geração que cresceu jogando Ninja Gaiden está aumentando lentamente. Então, para nossa equipe de desenvolvimento, queríamos que esta fosse uma oportunidade de se envolver mais uma vez com a franquia Ninja Gaiden."

"Quanto a atualizações para consoles de última geração, atualmente não há planos. Para uma versão de próxima geração adequada, seria necessário um remake completo."

"Nós consideramos isso, mas também queríamos colocar os jogos nas mãos dos jogadores, mais cedo ou mais tarde. Além disso, se tivéssemos tempo e recursos para um remake, sentimos que seria uma oportunidade melhor servida para criar um novo jogo, por isso decidimos ir com esta coleção neste momento."

Também fomos informados que o tempo de produção e desenvolvimento de Ninja Gaiden: Master Collection foi de cerca de 1 ano e meio até o momento:

"Está em desenvolvimento há cerca de 1,5 anos. Quando o Japão entrou em estado de emergência no ano passado devido à pandemia e as pessoas não puderam trabalhar, houve alguma confusão na transição para o trabalho em casa."

"Mas nós nos adaptamos e estamos avançando no desenvolvimento dessa nova estrutura. Conseguimos construir várias ferramentas e fluxos de trabalho para compartilhamento, portanto, embora haja algumas mudanças, isso não teve um efeito completamente negativo em nosso desenvolvimento."

Também foi comentado sobre o porque os Componentes Multiplayer foram removidos da coleção (assim como Mass Effect: Legendary Edition não possui o Multiplayer de Mass Effect 3):

"Nós nos concentramos no conteúdo Single-Player porque, para replicar o sistema online usado no passado, não só exigiria muito tempo e dinheiro, mas também colocaria limitações nas plataformas em que poderíamos lançá-lo."

"Dado esse dilema, decidimos aumentar o número de plataformas em que lançaríamos a coleção para atingir o maior número possível de jogadores, em vez de buscar o recurso Multiplayer."

"No entanto, um sistema de classificação para pontuação competitiva foi implementado e, claro, nossa ação exclusiva de Ninja Gaiden ainda pode ser aproveitada ao máximo no modo Single-Player clássico."

A Game Rant também aproveitou para falar sobre a relação atual da Team Ninja com a Microsoft e os Xbox Game Studios em geral. Como sabemos, Ninja Gaiden Reboot, Black e 2 originais foram títulos em parceria e exclusividade total do Xbox, sendo publicados pela Microsoft Studios, e até hoje só estão disponíveis nessa plataforma.

Pensando sobre o assunto, a Game Rant comentou sobre como a série é bastante associada a plataforma e a marca Microsoft/Xbox, mas a empresa preferiu por anunciar Ninja Gaiden: Master Collection num evento da Nintendo, poderia ser algo referente aos jogos clássicos no SNES?

"Fomos abordados pela Nintendo e o momento era certo, então participamos do evento Nintendo Direct e aproveitamos a oportunidade para anunciar o jogo."

"Além disso, só lançamos Ninja Gaiden 3: Razor's Edge em uma plataforma Nintendo (WiiU) desde que a série se tornou um jogo de Ação 3D nos anos 2000 com a Microsoft, então também sentimos que isso criaria um impacto significativo."

Por fim, foi abordado se há algumas mais mudanças significativas quanto aos jogos originais da Ninja Gaiden para a Master Collection, e a Team Ninja aproveitou para mandar uma mensagem aos fãs da série:

"Nós nos concentramos em replicar os jogos originais, então não houve grandes mudanças. Mas fizemos ajustes em recursos como o modo Tag Mission, que os jogadores achavam que eram realmente injustos e, como resultado, não foram bem recebidos. Além disso, os gráficos e a taxa de quadros estável foram aprimorados."

"A série Ninja Gaiden pode ser considerada a base do estilo de ação do Team Ninja, e a marca registrada sempre foi sua resposta de controle precisa."

"Mesmo que você enfrente inimigos em cada junção, Ryu Hayabusa é sua arma formidável para comandar cada batalha enquanto domina os controles. Espero que os jogadores experimentem e aprendam cada uma das muitas ações para vivenciar e aproveitar plenamente o jogo."

Ninja Gaiden: Master Collection será lançada em 10 de Junho de 2021 no Xbox Series X|S, Xbox One, PS5, PS4 e PC.

Fonte: Game Rant
Billy Butcher
Billy Butcher #BillyButcher

Um grande fã de jogos e filmes dos gêneros Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.
Publicações em Destaque